Archive for outubro, 2015

Rock na madrugada – Eric Clapton, Promises

31 de outubro de 2015 at 23:20 Deixe um comentário

Sampaio vence ABC e se aproxima do G4

31 de outubro de 2015 at 22:42 1 comentário

Com a cara e a coragem

unnamed

POR GERSON NOGUEIRA

Caso o futebol fosse uma ciência mais ou menos exata, bastaria ao Remo repetir o que foi feito no jogo contra o Palmas no estádio Jornalista Edgar Proença, quando precisava vencer por dois gols de diferença e conseguiu marcar três logo no primeiro tempo. Felizmente, para o encanto das multidões, o futebol não é tão previsível assim e cada jogo tem uma história completamente diferente.

Para começo de história, o Botafogo de Ribeirão Preto é um time muito mais forte e qualificado que o representante tocantinense. Já acumula êxitos nas fases anteriores da Série D defendendo como visitante a vantagem estabelecida dentro de casa. É, portanto, acostumado a administrar esse tipo de situação.

O trunfo azulino depende em boa medida da combinação normalmente poderosa entre a vibração e entusiasmo do time com o incentivo do torcedor nas arquibancadas. Essa força conjunta tem funcionado em todas as partidas realizadas pelo Remo em Belém, resultando em vitórias categóricas sobre Vilhena, Palmas e Operário, nas quais o ataque azulino marcou coincidentemente sempre três gols – escore que garante a classificação à final do campeonato.

É claro que tudo depende do bom funcionamento do time. Cacaio mostrou ao longo da temporada que evoluiu como técnico, deixando de ser apenas um motivador e passando a adotar estratégias adequadas a cada novo oponente. Tem tido mais triunfos do que perdas. Acertou em cheio no esquema pragmático utilizado fora de casa contra o Operário, mas não foi tão bem sucedido jogando diante do Botafogo, em Ribeirão Preto, quando deixou escapar o empate a poucos minutos do final.

Em casa, porém, seu time se transfigura. Ataca com a cara e a coragem. O desenho conservador, com três zagueiros, dois alas marcadores e dois volantes muda radicalmente. Continuam os três beques, mas os alas passam a funcionar como apoiadores, colaborando com o trabalho do meia-armador (Eduardo Ramos) e acionando os atacantes.

Os treinos da semana mostraram que Cacaio resolveu dar ao ataque a dose certa de força e facilidade no jogo aéreo, recolocando o centroavante Kiros na equipe. A dúvida permanece quanto ao atacante de lado – Welton ou Léo Paraíba. O técnico prefere o primeiro, talvez até por se identificar com o seu estilo. Não se pode esquecer que Cacaio foi um goleador que se caracterizava pela força e o oportunismo na área.

No fim das contas, o que importa mesmo é a postura do Remo no jogo. Em situação normal, mantendo a volúpia ofensiva e explorando a qualidade de seus homens de frente, sem se afobar, tem plenas condições de reverter a desvantagem e avançar à final da Série D. (Foto: MÁRIO QUADROS)

————————————————————

E não é que a CBF lembrou de Belém?  

Depois de muito esperar pela Seleção Brasileira principal antes da Copa do Mundo, Belém vai receber finalmente um amistoso do escrete canarinho. Pena que o jogo seja do time olímpico contra os Estados Unidos. Apesar de bons valores reunidos na equipe, como Gabriel Jesus e Gustavo Scarpa, é um selecionado ainda em testes, sem mostrar brilho nos outros amistosos disputados pelo país.

Mesmo que não seja o caso, a escolha de Belém assim repentinamente soa como uma espécie de consolo por tantas outras ocasiões nas quais a capital paraense foi preterida pela entidade.

Confirmado para domingo, 15 de novembro, às 17h, a preços populares – R$ 20,00 (arquibancada) -, o jogo não se constitui em grande atração e deve ter um público abaixo do esperado em função dos jogos de sexta, entre Papão e Luverdense, e a provável decisão da Série D no sábado, se o Leão vencer o Botafogo na semifinal de hoje.

————————————————————

Nervos de aço para encarar os desafios 

O Remo terá um ano cheio em 2016, como não ocorria há algum tempo. Vai disputar Copa do Brasil, Copa Verde e Série C, além do Campeonato Paraense. Para corresponder aos anseios da torcida, precisará iniciar a temporada já com um elenco forte, a fim de brigar pelo tri estadual e tentar novamente levantar a taça na Copa Verde, que dá acesso à Copa Sul-Americana.

Além das preocupações com a formação do grupo de atletas para o começo do ano, a diretoria terá que lidar com questões políticas que não podem mais ser adiadas. Pedro Minowa, presidente eleito e ora cumprindo licença, já insinuou o desejo de voltar a comandar. A Assembleia Geral, convocada permanentemente, dificilmente permitirá isso.

Dois atos pesam contra sua gestão: o acordo assinado com o empresário Eduardo Guizzo dando a este 30% da arrecadação do programa sócio torcedor, o que resultaria em multa de R$ 500 mil para o clube, e a cessão contratual dos direitos sobre o atacante Roni ao procurador do atleta.

Há também o aspecto financeiro. O Remo terá uma ou duas rendas para tentar fechar 2015 sem dívidas salariais, mas a partir de janeiro os problemas irão se agigantar, pois o clube terá bloqueio total dos patrocínios de Banpará e Funtelpa por força de acordo com a Justiça do Trabalho. Como montar um time forte, como a torcida espera, com tantos aperreios? Um desafio que exigirá nervos de aço e muita criatividade por parte dos gestores.

———————————————————–

Bola na Torre

O programa deste domingo terá o retorno de Guilherme Guerreiro, com participações de Giuseppe Tommaso, Valmir Rodrigues e deste escriba de Baião. Na RBATV, logo depois do Pânico, por volta de 00h15.

(Coluna publicada no Bola deste domingo, 01)

31 de outubro de 2015 at 22:16 11 comentários

Náutico surpreende Vitória no Barradão

31 de outubro de 2015 at 22:08 1 comentário

Fogão vence e fica a uma vitória do acesso

31 de outubro de 2015 at 22:06 4 comentários

Papão goleia CRB em 2º tempo avassalador

31 de outubro de 2015 at 22:01 8 comentários

A nova voz do Calypso

Link permanente da imagem incorporada

Thábata, a nova vocalista da banda Calypso, apresentada neste sábado oficialmente à imprensa. Foi escolhida a dedo pelo Chimbinha, em substituição à sua ex-mulher, Joelma.

Esse Chimbinha não é fácil, te dizer…

31 de outubro de 2015 at 13:51 Deixe um comentário

Posts antigos


CONTAGEM DE ACESSOS

  • 7,083,484 visitantes

Tópicos recentes

gersonnogueira@gmail.com

Junte-se a 19.680 outros seguidores

VITRINE DE COMENTÁRIOS

Raime em Decisão em aberto
Rodrigo Trindade em Felipe Melo agride uruguaios e…
blogdogersonnogueira em Decisão em aberto
blogdogersonnogueira em Felipe Melo agride uruguaios e…
Acácio F B Elleres -… em Decisão em aberto

ARQUIVOS DO BLOG

FOLHINHA

NO TWITTER

GENTE DA CASA

POSTS QUE EU CURTO


%d blogueiros gostam disto: