Archive for junho, 2015

Argentina põe o Paraguai no devido lugar

30 de junho de 2015 at 23:14 6 comentários

Papão derrota Atlético e assume liderança

30 de junho de 2015 at 23:03 15 comentários

Dilma a Obama: Moro, cadê as provas?

POR PAULO HENRIQUE AMORIM

A GloboNews perguntou (em inglês) a Obama se ele considerava o Brasil uma potência regional ou mundial.
Obama foi taxativo: O Brasil é uma Potência Mundial!
E descreveu os vários setores em que o Brasil é uma potência mundial.
(Nesse ponto ouviu-se o cortar dos pulsos dos colonistas do Globo e do FHC… É só desligar a Globo e sair de São Paulo que o Brasil melhora.)
(Um repórter da Fel-lha – ver no ABC do C Af –  também tentou, em inglês, fazer o Obama comentar as ações que investidores americanos movem – inutilmente – contra a Petrobras, na Justiça americana. Obama mandou ele àquela devida parte: não ia comentar ação judicial em curso. Esperrrto esse repórter. Vai ser promovido a colonista…)
A Dilma fez uma defesa enfática da Petrobras.
Se dois funcionários cometeram erros têm que ser punidos, depois de cumprido o devido processo legal.
Mas, a empresa, uma das mais eficientes do mundo, com Oscar em Inovação, não pode nem vai ser prejudicada.
Aliás, disse ela, não se sabe de que são acusados.
E diretamente ao Juiz da Vara de Guantánamo: quero ver as acusações contra meus ministros !, disse, não exatamente nesses termos.
Que história é essa de delação e vazamento seletivos, Dr Moro ?
Quero saber de que o Edinho e o Mercadante são acusados.
(Ficou feio, na frente do Obama, do corpo de correspondentes da Casa Branca, Dr Moro, o senhor ficar com a fama de ditador, de praticar atos da Idade Media, como disse a Presidenta. Que vergonha !)
(E não esquecer que ela não respeita esses 1001 delatores de araque da Lava Jato, que dizem o que querem, depois dizem o que não tinham dito, para desespero do Ataulpho, que, se pudesse, teria sido aliado de Calabar e Silvério dos Reis.)
Quem tem que acusar é o acusador, disse ela a Obama.
Não é o acusado que tem que se defender, disse Dilma, ao lembrar que esse é um dos princípios da Civilização Ocidental, embora não seja respeitado na Vara de Guantánamo, nem pelos que aplaudiram Fleury e hoje endeusam o Moro.
Dilma começou a ir pra cima do Moro.
Demorou, mas está em tempo !
Chega de Golpe Paraguaio !

Paulo Henrique Amorim

30 de junho de 2015 at 19:48 Deixe um comentário

Papão x Atlético-GO (comentários online)

Campeonato Brasileiro da Série B 2015 – 10ª rodada

Paissandu x Atlético-GO – estádio Mangueirão, 18h30

Na Rádio Clube, Géo Araújo narra, Carlos Castilho comenta. Reportagens – Valdo Souza, Dinho Menezes, Mauro Borges e Carlos Estácio. Banco de Informações – Jerônimo Bezerra

30 de junho de 2015 at 19:04 101 comentários

Carta aberta à elite brasileira

POR GREGÓRIO DUVIVIER, na Folha SP

Cara elite,
sei que não é fácil ser você. Nasci de você, cresci com você, estudei com você, trabalho com você. Resumindo: sou você. (Vou fazer uma camisa: “Je suis elite”). Sei que você (a gente) quer o bem do país.
Sei que era por bem que você não queria abolir a escravidão. “Se a gente tiver que pagar pelo serviço que os negros faziam de graça, o país vai quebrar.” Você não queria que o Brasil quebrasse. Você não precisava ficar nervoso: o Brasil não quebrou.
Sei que era por bem que você pediu um golpe em 64. Você tinha medo do Jango, tinha medo da reforma agrária, tinha medo da União Soviética. Sei que depois você se arrependeu, quando os generais começaram a matar seus filhos. Mas já era tarde.
Sei que você achou que o Collor era honesto. Sei que você achou (acha?) que o Lula é um braço das Farc, que é um braço do Foro de São Paulo, que é um braço do Fidel, que é um braço da Coreia do Norte. Sei que você ainda tem medo de um golpe comunista -mesmo com Joaquim Levy no Ministério da Fazenda. Sei que você tem medo. E o seu medo faz sentido.
Não é fácil ser assaltado todo dia. Dá um ódio muito profundo (digo por experiência própria). A gente comprou um iPhone 6 com o suor do nosso rosto -e pagou muitos impostos. Sei que nessas horas dá uma vontade enorme de morar fora.
Você sabe que lá fora você pode abrir seu laptop na praça, pode deixar a porta aberta, a bicicleta sem cadeado. Mas lá fora, não esqueça, é você quem limpa a sua privada. Você já relacionou as duas coisas?
Nos países em que você lava a própria privada, ninguém mata por uma bicicleta. Nos países em que uma parte da população vive para lavar a privada de outra parte da população, a parte que tem sua privada lavada por outrem não pode abrir o laptop no metrô (quem disse isso foi o Daniel Duclos).
Não adianta intervenção militar, não adianta blindar todos os carros, não adianta reduzir a maioridade penal (SPOILER: isso nunca adiantou em lugar nenhum do mundo).
Sabe por que os milionários americanos doam tanto dinheiro? Não é por empatia pelos mais pobres. Tampouco tem a ver só com isenção fiscal. Doam porque sabem que, quanto mais gente rica no mundo, mais gente consumindo e menos gente esfaqueando por bens de consumo.
Um pobre menos pobre rende mais dinheiro para você e mais tranquilidade nos passeios de bicicleta. A gente quer o seu (o nosso) bem. É melhor ser a elite de um país rico do que a de um país pobre.
Ass.: Gregório Duvivier

30 de junho de 2015 at 15:21 2 comentários

Remo é patrimônio imaterial de Belém

Por projeto do vereador Rildo Pereira na Câmara Municipal de Belém, o Clube do Remo passa a ser Patrimônio Cultural e Imaterial do município de Belém. A vereador Marinor Brito saudou a iniciativa na sessão desta manhã na CMB, puxando da tribuna o hino do Leão, destacando o trecho “porque somos do Clube do Remo e do nosso amor diremos que não tem rival…”. A medida, que segue o exemplo de projetos que tornaram os três grandes clubes de Pernambuco (Santa Cruz, Sport e Náutico) patrimônios imateriais do povo mauriciano. Segundo Marinor, a medida faz do Remo definitivamente parte integrante do patrimônio cultural de natureza imaterial da cidade, dando-lhe a importância oficial que sempre teve nos seios do povo. Nessa condição, os bens imóveis do clube não poderão mais ser vendidos e transacionados sem a anuência da Prefeitura de Belém e outros órgãos públicos.

30 de junho de 2015 at 13:26 32 comentários

Governos do PT alimentam o inimigo

DO COMUNIQUE-SE

Jornalista do UOL, Fernando Rodrigues resolveu pedir, por meio da Lei de Acesso à Informação, dados sobre o investimento de publicidade do governo federal durante a gestão do Partido dos Trabalhadores (PT). Os números oficiais do Instituto para Acompanhamento da Publicidade, fornecidos pela Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República, mostram que TV Globo, O Globo, Veja e UOL lideram as fatias nos mercados de televisão, jornal, revista e site, respectivamente.

Os números revelam que, sem contar as afiliadas, a Globo e suas cinco emissoras próprias (São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Brasília e Recife) foram responsáveis por arrecadar R$ 6,2 bilhões em publicidade estatal federal ao longo de 12 anos dos governos Lula (2003 a 2010) e Dilma (2011 a 2014). Segundo o UOL, até 2013 esses valores foram corrigidos pelo IGP-M, índice usado no mercado quando o assunto é publicidade. Os dados de 2014 são correntes.

No total, ressalta Rodrigues, os governos petistas investiram R$ 13,9 bilhões em publicidade para TV nesse período. Isso significa que quase a metade do valor foi destinada ao Grupo Globo, que veiculou comerciais estatais na TV aberta. A Record teve R$ 2 bilhões de verbas nos 12 anos, contra R$ 1,6 bilhão do SBT e R$ 1 bilhão da Band.

Na lista dos impressos, os jornais ganharam R$ 2,1 bilhões com a publicação de propagandas. O UOL mostra que, do total, R$ 730 milhões foram destinados a quatro publicações: O Globo, Folha de S.Paulo, O Estado de S.Paulo e Valor Econômico. Durante os governos Lula e Dilma, O Globo faturou R$ 213 milhões, contra R$ 199 milhões da Folha, R$ 186 milhões do Estadão e R$ 130 milhões do Valor Econômico.

Em revistas, a Veja, semanal da Editora Abril, ganhou R$ 370 milhões nos governos Lula e Dilma, seguida de Época (R$ 168 milhões), IstoÉ (R$ 145 milhões) e Carta Capital (R$ 61 milhões). No segmento online, que é, atualmente, o segundo meio que mais recebe publicidade estatal do governo federal, o UOL lidera o ranking com R$ 74,5 milhões. Em seguida, Terra (R$ 69,9 milhões), Globo.com/G1 (R$ 69,8 milhões) e R7 (R$ 23,9 milhões).

Os dados foram reunidos por meio de informações do IAP e abrange as seguintes empresas públicas e de economia mista: Banco do Brasil, Banco do Nordeste, Banespa, Basa, BEA, Besc, BNDES, BR Petrobras, Caixa, Centro Cultural BB, Correios, Liquigás, Fundação BB, Nossa Caixa, Petrobras e Transpetro. Para acessar a íntegra dos dados, clique aqui.

30 de junho de 2015 at 12:55 4 comentários

Posts antigos


CONTAGEM DE ACESSOS

  • 7,020,722 visitantes

Tópicos recentes

gersonnogueira@gmail.com

Junte-se a 19.593 outros seguidores

VITRINE DE COMENTÁRIOS

Robson em Dewson comanda o Re-Pa
Edson do Leão - meu… em Dewson comanda o Re-Pa
Edson do Leão - meu… em Papão exige antidoping e mudan…
Luiz Fernando - Bico… em Dewson comanda o Re-Pa
Luiz Fernando - Bico… em Dewson comanda o Re-Pa

ARQUIVOS DO BLOG

FOLHINHA

NO TWITTER

Erro: o Twitter não respondeu. Por favor, aguarde alguns minutos e atualize esta página.

GENTE DA CASA

POSTS QUE EU CURTO


%d blogueiros gostam disto: