Santa Cruz, Águia e Cametá reagem no returno

O Santa Cruz derrotou o Paragominas por 1 a 0, na tarde deste sábado, no campo de Cuiarana, em jogo muito disputado. Com poucas chances de gol, levou a melhor quem foi mais objetivo. Aos 27 minutos, Fumagalli recebeu livre e bateu para marcar o único gol da partida. O PFC teve atuação discreta no segundo tempo, com algumas poucas tentativas de Aleílson, que a zaga do Santa Cruz conseguiu conter. No final, dirigentes de Paragominas criticaram a arbitragem, dizendo-se prejudicados durante o jogo. Na quarta-feira, o Santa Cruz recebe o Águia e o PFC enfrenta o Remo em Belém. A renda foi de R$ 2.115,00, com 233 pagantes. O número de credenciados foi até maior – 300.

Em Marabá, na noite deste sábado, o Águia quebrou um jejum de cinco jogos sem vencer e superou o São Francisco por 2 a 1, no estádio Zinho Oliveira. O primeiro gol aconteceu aos 29 minutos. Danilo Galvão finalizou após receber bom passe de Robert. Na segunda etapa, o zagueiro Aldair empatou aos 22 minutos, de cabeça. Quando tudo indicava que o resultado seria o empate, Danilo Galvão disparou um forte chute aos 44 minutos, dando a vitória ao Águia. Com a vitória, o time marabaense deixou a penúltima colocação na tabela do segundo turno e assumiu a sexta posição. Já o São Francisco amarga a sétima derrota consecutiva e passa a correr o risco de rebaixamento. A renda no Zinho Oliveira foi de R$ 4.633,00, com 269 pagantes. Com 95 credenciados, o público total no estádio foi de 364.

No Parque do Bacurau, também neste sábado à noite, o Cametá venceu pela primeira vez no returno. Derrotou a Tuna por 2 a 1, com grande atuação do centroavante Kênia. Superior no começo do jogo, a Lusa saiu na frente. Logo aos 10 minutos, Lucas abriu o placar. Os tunantes dominavam o jogo e desperdiçaram várias oportunidades. No segundo tempo, a situação se inverteu. O Cametá reagiu e, aos 5 minutos, Kênia empatou. O zagueiro Darlan foi expulso e a Tuna recuou ainda mais. Aos 33 minutos, de cabeça, Kênia marcou o gol da vitória aos donos da casa. O Cametá volta a jogar na próxima quarta-feira (20), contra o Paissandu, na Curuzu. No mesmo dia, a Tuna recebe o São Francisco, no Souza.

A renda no Parque do Bacurau foi de R$ 4.850,00, com 535 pagantes. Com 162 não pagantes, o público total foi de 697 pessoas.

2 comentários em “Santa Cruz, Águia e Cametá reagem no returno

  1. Situação da Lusa complicou, mais ainda… A Tuna, assim como os outros, tem 3 jogos: O São Francisco, em casa, o Clássico contra o Paysandu e encerra contra o PFC, fora de casa, talvez num jogo decisivo para o time de Paragominas… Acredito que a Lusa vá precisar vencer o SF e o PFC e empatar, pelo ao menos com o PSC, para ficar entre os 4 e fugir do Rebaixamento… Vamos aguardar…. E torcer…

  2. Ainda em relação a Cruz de Malta, se ela perder um dos três jogos e, o Santa Cruz, empatar um jogo e, São Francisco, Águia e Cametá, dois desses, ganharem um jogo, apenas, dos 3 que restam a eles, a Lusa estará rebaixada, caso não consiga se classificar para o mata-mata, onde ainda lhe restaria uma chance..

    Que coisa amigos, Harold e Von… Continuamos torcendo…

Deixe uma resposta para Cláudio Santos - Técnico do Columbia - Val de Cans Cancelar resposta