Lewandowski invalida supostas provas da Odebrecht contra Lula

Ricardo Lewandowski, ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), anulou, nesta segunda-feira (28), as supostas provas produzidas contra o ex-presidente Lula, durante acordo de leniência da Odebrecht, articulado pela força-tarefa da Lava Jato. A decisão se refere ao caso do Instituto Lula, de acordo com reportagem de Mariana Muniz, em O Globo. O plenário da Corte confirmou, na quarta-feira (23), por 7 votos a 4, a decisão da Segunda Turma, que declarou o ex-juiz Sergio Moro parcial no caso do triplex do Guarujá.

Depois disso, o ministro Gilmar Mendes ampliou os efeitos da decisão para os outros processos conduzidos por Moro contra o ex-presidente. Na avaliação de Lewandowski, ao declarar a incompetência de Moro para julgar o ex-presidente, a Corte “reconheceu também, implicitamente, a incompetência dos integrantes da força-tarefa Lava Jato responsáveis pelas investigações e, ao final, pela apresentação da denúncia”. (Da Revista Fórum)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s