Futebol cruel e injusto

Nada menos que 60 técnicos já caíram nas quatro divisões do futebol brasileiro – 18 na Série A, 21 na B, 10 na C e 11 na D. Apesar de tantas vagas sendo abertas, o genial e injustiçado Edson Gaúcho não é lembrado por ninguém.

EDSON_~1

23 comentários em “Futebol cruel e injusto

  1. O cara conseguiu perder ate’ mesmo para o grande DT Luc Ena, que conseguiu uma boquinha no Souza.
    La’ por baixo ninguem aguenta esse barriga verde.
    Gerson, e’ melhor tomarmos cuidados com as viuvas, elas nao param de ir as novenas.

    1. Harold,
      Pelo andar da carruagem, tou começando a achar que ele não arranja espaço nem na comissão técnica dos Gigantes do Norte ou talvez nem no Columbia de Val-de-Cans.

  2. EG não era genial, mas foi injustiçado, vítima de picuinhas. O Remo demonstrou interesse nele poucos dias atrás, mas a imprensa caiu em cima, pressionando o clube para não contratá-lo e o Leão Azul recuou (estranha essa mania de a imprensa agora mandar nos clubes e estes obedecerem). No entanto, sabe-se que EG é um velho sonho da diretoria remista (sinal de que esta fez a mesma leitura da maioria – o técnico foi injustiçado e saiu sem merecer). É mera questão de tempo a volta do Gaúcho ao Pará, mas para o outro lado da avenida, e todos sabem disso. Nenhuma campanha da imprensa poderá impedir o inevitável. Por isso ele não sai da mídia – pressão para que o Remo não o contrate.

  3. Dificilmente Edson Gaúcho voltará a trabalhar em Belém com essa imprensa que imprensa sem dar um minuto de folga.

  4. Quando a gente pensa que a Imprensa está aprendendo a entender um pouquinho de futebol, eis que vem uma matéria dessa. Digo , sem medo de errar: A IMPRENSA ESTÁ AFUNDANDO O FUTEBOL PARAENSE. Imaginem: pra um técnico dar certo em Belém, agora, ele não precisa ser competente, basta aceitar as imposições da Imprensa. É bom que se diga, aos não muito bem informados, que Edson Gaucho não aceitou a proposta do Vila Nova, assim como Bonamigo já recusou várias, Cuca, idem….. . Esses técnicos não vivem financeiramente de Futebol. Reconhecer a competência, mesmo dos inimigos, faz parte de uma boa educação.

    1. Você não entendeu, amigo Cláudio. Não se trata de dar certo em Belém do Pará, estamos falando de Brasil. Ninguém quer saber do talento do homem. Por que razão? Praga, mau olhado, macumba? Algum motivo há, certamente. Ou então estamos diante de um caso óbvio de ignorância coletiva, envolvendo todos os clubes das quatro divisões. Todos são burros por não ver a excelência, a genialidade e a sapiência do Van Gaal gaúcho. É, no mínimo, estranho.

  5. Azar do Remo… é aquela velha história: “a grama do vizinho é sempre mais verde”.
    Como ele venceu o “sensacional” Camp. Paraense pelo Paysandu, e diante da pasmaceira pelo qual passa o Remo, EG “Guss Hidink” já está sendo intronizado no hall dos “salvadores da pátria”…

    1. É, Daniel, pelo visto o futebol paraense é a única praça disponível para o Maçaranduba. Depois da dupla Re-Pa, certamente vai entrar no circuito Águia-Ananindeua-Castanhal-Mundico.

  6. Já vai começar Gerson? que implicancia!! Me diga uma coisa, nós somos as viúvas, e vcs ? qual nome daríamos? Temos pq gostarmos do trabalho dele, o que já foi amplamente discutido aqui, e vcs? pq não gostam e o perseguem? Tá de bom de parar com isso, até pq vc mesmo já havia dito q não tocaria mais no assunto. Vc consegui contaminar até o velho e resistênte Cláudio Guimarães.

  7. Gerson, não fique contra a torcida, nos ajude a colocar um Diretor de Futebol dentro do Remo, que conheça o Mercado da Bola. Tonhão e Jhones, seriam ótimos nomes. É nesse momento que a imprensa tem que se manifestar e ajudar o Clube. Não é possível que ninguem veja isso.

    1. Cláudio,
      Ao contrário do que você prega, não acredito nesse poder todo da imprensa. Cartola é tão malandro que, quando interessa, finge que foi pressionado. Não se iluda, não. Por outro lado, acho que o papel do cronista é analisar, ponderar e, eventualmente, criticar, mas jamais dizer o que o dirigente tem que fazer.

  8. Uma pergunta Gerson: O que vc pensa sobre Abelardo Sampaio como Diretor de Futebol no Remo? vc Concorda? Se não, quem vc pensaria que poderia ser melhor para ocupar esse cargo no Remo, analisando como Comentarista?
    Não vale ficar em cima do Muro, por favor responda.

  9. Gerson, é muito fácil vocês da imprensa ficarem colocando esse tipo de nota para defenestrar ainda mais o Gaúcho. Por que vcs não tentam falar com o técnico, como manda o bom jornalismo, para saber o lado dele nessa história? Vcs querem porque querem nos fazer acreditar que a saída do Gaúcho foi bom para o Papão quando vimos claramente que não foi. Isso fica parecendo remorço, de quem se sente culpado, mas não quer admitir, pelo que aconteceu com o bicolor após a saída do Gaúcho. Só pelo fato do maior ídolo recente do Papão, o Vandick, também ter se manifestado contrário à saída do técnico, pra mim é a prova do erro que foi cometido.

Deixe uma resposta para Carlos Berlli Cancelar resposta