“Crônicas de Baião” é um dos lançamentos do dia na Feira do Livro

Obras editadas pela Imprensa Oficial do Estado (Ioepa) serão lançadas no primeiro dia da 24ª Feira Pan-Amazônica do Livro e das Multivozes, promovida de 1º a 5 de dezembro pelo governo do Estado, na Arena Guilherme Paraense, o Mangueirinho, em Belém.

A Ioepa vai lançar em seu estande “Trabalho infantil: uma análise do discurso de crianças e de adolescentes da Amazônia paraense em condição de trabalho”, da professora e pesquisadora Ana Paula Vieira e Souza, às 15 h; “Crônicas de Baião”, de diversos autores, organizado por Josias Favacho, às 21 h, e “Amazônia: Trabalho e Globalização”, organizado por Jeferson Bacelar, Giussepp Mendes e Pastora Leal, também às 21 h. Haverá ainda o lançamento de “Madona de Plácido”, de José Roberto Ribeiro, às 16h30, que não foi impressa pela Ioepa.

“Trabalho infantil: uma análise do discurso de crianças e de adolescentes da Amazônia paraense em condição de trabalho”, foi editado e impresso pela Ioepa, por meio da Editora Pública Dalcídio Jurandir. O livro é resultado da tese de doutorado, defendida em 2014 pela autora, na Universidade Federal do Pará (UFPA). A pesquisa mostra o trabalho infantil como um fenômeno social que nega o direito de crianças e adolescentes a viverem plenamente sua infância.

A obra sobre Baião, município do Baixo Tocantins, reúne crônicas de sete autores, de diferentes gerações, que narram memórias, impressões e vivências do cotidiano cultural da cidade. São recortes pitorescos da vida cotidiana no município, um dos mais antigos do Pará.

“Amazônia: Trabalho e Globalização” resulta da parceria entre a Universidade da Amazônia (Unama) e a Ioepa. É uma homenagem ao magistrado e professor universitário Georgenor de Souza Franco Filho. O livro de 668 páginas é composto por 24 artigos, escritos por 36 especialistas em Direito, com ênfase no tema central da obra, incluindo a Pan-Amazônia e o direito internacional.

O livro “A Madona de Plácido – Crônicas da história de uma Cidade e seu orago” é um exercício literário que aborda a história do culto a Nossa Senhora de Nazaré associado ao desenvolvimento da cidade de Belém. (Com informações de Ailson Braga)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s