Tudo igual na decisão: Papão sai na frente, mas Leão reage a tempo

POR GERSON NOGUEIRA

Em jogo intenso e vibrante, Paysandu e Remo ficaram no empate (2 a 2) na primeira partida da semifinal da Copa Verde, na noite desta quarta-feira no estádio da Curuzu. Com a torcida bicolor lotando o estádio – impressão é de que havia um público superior a 10 mil pagantes -, o Papão começou mais entusiasmado e pressionando desde o início.

Logo aos 3 minutos o Papão chegou com perigo. Marlon roubou a bola de Fredson e rolou para Laércio. Atacante bicolor finalizou e Vinícius fez grande defesa. Aos 13 minutos, Danrlei passou para Jhonnatan, que dominou e cruzou na medida para José Aldo, livre na área, abrir o placar.

Aos 26′, aproveitando a desarrumação defensiva do Remo, o Papão chegou ao segundo gol. Uma bola alta na área confundiu Vinícius e Fredson. O goleiro socou para a entrada da área, Danrlei pegou o rebote e chutou rasteiro. Laércio, impedido, desviou de letra para ampliar o placar.

O técnico Eduardo Baptista fez então a mudança que mudou o jogo. Colocou Felipe Gedoz no lugar do inoperante Neto Moura e o time começou a tocar a bola, de forma mais organizada e objetiva.

No segundo tempo, a reação azulina foi fulminante. Aos 3 minutos, Igor Fernandes cruzou na área, Neto Pessoa girou em cima da marcação e mandou no ângulo esquerdo de Victor Souza. Um golaço.

Animado, o Remo foi à frente insistindo em busca do empate. Aos 8 minutos, Yan derrubou Neto Pessoa na área. O próprio centroavante cobrou a penalidade e deixou tudo igual no placar. Na metade do 2º tempo, o volante Anderson Uchoa se envolveu numa troca de empurrões com Jonathan e recebeu o vermelho. O volante do Papão pegou amarelo.

Os times ainda buscaram a vitória, mas as defesas prevaleceram e o marcador não foi mais alterado. No sábado, no Baenão, diante da torcida azulina, os rivais decidem quem vai à final da Copa Verde 2021.

Deixe uma resposta