A bota e a toga

1 de julho de 2017 at 10:49 1 comentário

DDnfPJWWsAAlXUE

Entry filed under: Uncategorized.

Recordar é viver: os 15 anos do penta Aécio e a pena da vergonha pública

1 Comentário Add your own

  • 1. lopesjunior  |  2 de julho de 2017 às 0:10

    Nosso Estado tem três poderes, Executivo, Legislativo e Judiciário. O Ministério Público é ligado ao Executivo, embora ele se pareça muito com o Judiciário. Quero mostrar como os três poderes estão alinhados ideologicamente com o golpe. É fácil, aliás, nunca foi tão fácil explicar o golpe.

    Primeiro. Quem deu o golpe? Foi Aécio? Temer? PMDB e PSDB juntos? Não. Não, somente. O golpe foi dado por políticos, e pessoas e grupos econômicos, alinhados com eles e com a ideologia que eles representam. Políticos sempre representam alguém. Se alcançaram o poder, não o fizeram sem apoio. Foi toda uma classe que deu o golpe. Você não sabe quem eles representam ou que classe é essa? Então, vamos ver o que eles têm feito no poder e que pistas isso nos fornece. Cortaram verbas do Bolsa Família, do Mais Médicos, do PROUNI, FIES e Ciência Sem Fronteiras. Permitiram que o desemprego chegasse a níveis recordes logo em seguida de uma experiência política que gerou milhões de empregos e multiplicou o PIB por cinco em menos de uma década. Portanto, eles não representam os pobres. Permitiram que programas de Política de Segurança Nacional, como o submarino nuclear, os caças Gripen (suecos), o avião de carga KC-390 da Embraer, a base de Alcântara e o satélite brasileiro sofressem pesada interferência política, além do desenvolvimento da tecnologia do Pré-Sal e a soberania sobre os poços fosse aviltada por célebres entreguistas como Jungmann e Parente. Por tudo isso, logo, não pensam no crescimento econômico brasileiro e não representam o povo. Evidentemente, representam os ricos, a plutocracia.

    Segundo. Políticos de esquerda vêm sendo expostos ao julgamento político precocemente às eleições, com a exibição das denúncias pela mídia e a insinuação de culpa antecipada e sem provas, com o apoio midiático encorajando mais que a condenação política, como também a judicial, enquanto políticos de direita têm tratamento diverso. Vimos Dilma ser condenada pelo mesmíssimo congresso que hoje é denunciado por corrupção. E, pior ainda, que a corrupção pelo que foi denunciado sugere que mesmo o impeachment de Dilma foi fruto de corrupção, que muitos dos votos dados contra ela foram comprados. Mas não é só isso. A impressão de que mesmo o judiciário tem tido comportamento político é diuturnamente reforçado pela percepção de que petistas presos, presos ficam, enquanto tucanos e peemedebistas denunciados e flagrados permanecem soltos ou em prisão domiciliar. Mesmo num passado não muito distante, vimos Dirceu, preso sem provas, e Perrella sequer teve o helicóptero investigado no caso que hoje em dia é jocosamente chamado de helicoca. Claro está, Judiciário e mídia apoiam a direita e perseguem a esquerda.

    Terceiro. O encorajamento midiático parece que vem mesmo funcionado e tanto Judiciário como Ministério Público têm tido um comportamento seletivo com réus em consonância com a ideologia política. Vaccari e Dirceu presos sem provas, e Aécio e Temer com provas robustas contra si e soltos são mais pistas sobre a quem serve o golpe, pois estes fatos esclarecem quem e por que são úteis de alguma forma a algum interesse. Políticos que representam os ricos, apoiados por mídia e judiciário, são parte de um lado da luta de classes, dos ricos contra os pobres. E, evidentemente, não é necessário ir tão a fundo na razão kantiana pra sabermos que os demais são seus contrários, adversários políticos. Quem não é a favor dos ricos nesse confronto, é contra eles.

    Finalmente. Observe aqueles que são beneficiados nesse contexto e os que são perseguidos e amargam derrotas políticas seguidas. Se você é um trabalhador, o seu inimigo é quem está no poder. Ideologia, precisamos querer uma pra viver.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


CONTAGEM DE ACESSOS

  • 7,361,051 visitantes

Tópicos recentes

gersonnogueira@gmail.com

Junte-se a 12.886 outros seguidores

VITRINE DE COMENTÁRIOS

Jaime (Atlanta, EUA) em Turba reacionária ataca Poleng…
Acácio F B Elleres -… em Turba reacionária ataca Poleng…
José FERNANDO PINA A… em Turba reacionária ataca Poleng…
José FERNANDO PINA A… em STF decide que terras quilombo…
José FERNANDO PINA A… em Trabalho escravo: nova norma s…

ARQUIVOS DO BLOG

FOLHINHA

NO TWITTER

Erro: o Twitter não respondeu. Por favor, aguarde alguns minutos e atualize esta página.

GENTE DA CASA

POSTS QUE EU CURTO


%d blogueiros gostam disto: