A valentia dos que não querem a Copa

Be53ADUIcAADa86

Manifestantes do movimento “Não Vai Ter Copa” atearam fogo no Fusca de um serralheiro, sábado à noite, no centro de São Paulo. Havia uma criança no banco traseiro. 

Este é o Brasil dos coxinhas teleguiados. Tidizê…

11 comentários em “A valentia dos que não querem a Copa

  1. Independentemente de ser realmente mentiroso o conjunto de promessas feitos pelo governo petista quanto aos benefícios que o Brasil experimentaria com a realização da copa, e, especialmente, de que seria ínfima a parcela de dinheiro público envolvida no financiamento do evento, cumpre repudiar manifestações do tipo desta retratada na postagem, marcada por uma violência marginal, e augurar que as autoridades policiais e judiciais devem ser reprimidas com a força correspondente, e, se preciso, redobrada.

    Curtir

  2. Sensatas observações, amigo Oliveira. Oposição, crítica legítima, é uma coisa. Baderna é outra bem diferente.

    Curtir

  3. Uma Copa do Mundo é um evento que prevê gastos significativos, amigo. Até porque os benefícios são inquestionáveis. A geração de empregos, a exposição mundial da imagem do país, as oportunidades de negócios etc. etc. Os gastos com saúde, educação e segurança, sempre tão citados em relação à Copa, já são previstos religiosamente no Orçamento da União.

    Curtir

  4. Meus caros olha como tentam deturpar as informações,ninguém ateou fogo no fusca.O motorista do Fusca, durante a manifestação ciente do risco e assustado, passou pelo colchão em chamas, o colchão ficou preso ao assoalho do carro. Alguns manifestantes tentaram retirar, porém, por se tratar de um carro baixo, não conseguiram. No momento em que o carro estava em chamas, o dono, num ato de desespero, entrou no carro, acelerou por alguns metros e saiu do veiculo, foi quando um grupo de fotógrafos e manifestantes ajudaram a retirar a senhora e uma criança que estavam no banco de trás. É uma farsa o que está sendo noticiado nos portais da internet, e jornais. Percebe-se ´pela foto que o fogo está acontecendo fora do carro.Acabemos com a farsa.
    O que está correto é insatisfação geral, igualmente já demonstrado na abertura da Copa das Confederações, quando a Sra Dilma foi vaiada.

    Curtir

  5. Porra, será que aquele colchão em chamas no meio da rua era por acaso, assim como o quebra-quebra de agências do Santander, da Caixa, de uma locadora de automóveis e tudo mais que foi feito por essa horda de meliantes?
    Farsa é um protesto que não reúne 500 pessoas sequer querer passar como insatisfação geral do povo brasileiro. Com efeito a extrema violência desses fascistóides é a única justificativa pra repercussão que atinge, já que o grosso da população ignorou a convocação nos quatro cantos do país. Diante disso, é preciso tratar essas hordas com o mesmo rigor que deve ser dispensado aos integrantes daquelas gangues que se acham torcidas organizadas.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s