7 comentários em “O passado é uma parada…

  1. Provavelmente de propriedade da família de Manoel Pinto da Silva, que, segundo informações de meu falecido pai – que foi empregado do endinheirado portuga -, detinha exclusividade nas linhas de lotação na cidade Belém.

    Curtir

  2. Mas quando, eu também andei e muito nessas lotações indo de Nazaré pra Escola Técnica na Alte Barroso no final da década de 60. As linhas que eu usava eram: Souza, Marambaia, Vileta e Aero Clube. Não tinha cobrador, pagava direto pro motorista. Ah, e todo mundo sentado, não levava ninguém em pé.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s