Sete times e quatro destinos

PSC Ze Antonio e Careca-Mario Quadros

Por Gerson Nogueira

São 24 pontos em disputa até o fim do Campeonato Brasileiro da Série B. Ao Paissandu só resta conquistar pelo menos 16 ou 17 pontos para escapar ao rebaixamento. As projeções mais seguras indicam que, pelo equilíbrio reinante na briga contra a degola, só quem alcançar mais de 45 pontos pode se salvar.

O Papão (29 pontos) briga diretamente com América-RN (36), Oeste (36), ABC (35), Atlético-GO (30), São Caetano (30) e ASA (26). O lado ruim da história é que até o ASA, lanterna da competição e dado praticamente como fora de combate, de repente voltou a vencer e agora já tem chances reais de salvação, o que só acirra ainda mais a batalha.

bol_ter_221013_11.psNessa peleja, o Papão tem contra si os números de uma campanha desastrosa.        Ostenta o pior desempenho em vitórias (7) e o segundo pior saldo negativo de gols (-15), abaixo apenas para o ASA, que tem -29. São esses obstáculos que se colocam entre o Paissandu e a sonhada permanência na Série B.

Contra o surpreendente ABC, o adversário de hoje, o Papão faz outro jogo de seis pontos. Caso vença, coloca-se à frente de Atlético-GO e São Caetano na tabela e breca a ascensão do alvinegro potiguar. Em resumo, volta para a briga.

Em caso de novo insucesso, que seria o terceiro consecutivo, a situação ficará ainda mais desfavorável, até mesmo do ponto de vista emocional. Ao Paissandu, abalado com o ocorrido na sexta-feira passada, só a vitória terá o condão de aplacar dúvidas e desconfianças geradas na torcida.

Pela movimentação do fim de semana, o técnico Vagner Benazzi tem algumas dúvidas importantes. A principal delas concentra-se na lateral-esquerda. Max, Alex Gaibú e Pablo disputam o lugar. Dos três, Gaibú foi o que melhor se saiu quando escalado na posição. Pablo também teve bom desempenho. Max é uma incógnita.

Outro ponto duvidoso no time é o meio-de-campo, onde Diego Barbosa treinou como titular ao lado de Eduardo Ramos. A opção por ele é daquelas coisas que desafiam a lógica e só podem ser atribuídas à teimosia que todo treinador gosta de alimentar.

Pelo menos no ataque, é pouco provável que o lento Dênis seja escalado. A dupla preferida de Benazzi nos treinamentos foi Marcelo Nicácio-Careca. Continuo surpreso com a barração de Héliton até nos treinos. Rápido e driblador, o ponta seria boa alternativa para atuar nos lados do campo. Quando foi escalado pela esquerda, tendo Pikachu aberto pela direita, o Paissandu sempre obteve resultados interessantes.

O Mangueirão, com gramado de qualidade e menor pressão sobre os jogadores, pode facilitar as coisas para o Papão. Se o time reeditar o bom toque de bola do começo do jogo contra o Avaí tem possibilidades reais de superar o ABC. Mas, caso se revele uma equipe tensa, como aquela que desabou no segundo tempo de sexta, perde para qualquer adversário. Não há meio termo.

————————————————————————–

Perigos representados pelo Tigre

Sem empolgações desnecessárias, o Remo se prepara para um confronto duríssimo contra a marcação do Criciúma, amanhã, no Mangueirão. Ao Leãozinho basta uma vitória simples para passar à semifinal da Copa do Brasil sub-20, mas Walter Lima e seus jogadores sabem que o Cruzeiro também precisa de uma vitória em casa, mas acabou surpreendido pelo Tigre em pleno Mineirão.

Waltinho tem insistido muito nos treinos com a necessidade de caprichar no passe e jogar em velocidade. São as únicas fórmulas capazes de anular a forte marcação. O Remo tem jogadores habilidosos (Rodrigo, Guilherme, Sílvio, Alex), mas nem sempre brilha pela qualidade do passe, fundamento valioso em qualquer circunstância. É hora de acertar o pé.

————————————————————————–

Direto do blog

“Assistindo ao Programa Bola na Torre deste domingo vi o seu comentário sobre o ocorrido no jogo Paissandu e Avai e aproveito para parabenizar pela coragem de falar abertamente sobre esses marginais uniformizados que aterrorizam os estádios de futebol. Independente de torcer pelo clube A ou B, temos que acabar com essa pouca vergonha. Se antes eu já gostava da sua coluna no jornal, hoje passo a gostar mais ainda, pois poucos tem a coragem de falar em canal de TV aberta como você falou. Parabéns”.

De Paulo Roberto Rocha, sobre os incidentes que interromperam o jogo Paissandu x Avaí, na Curuzu. 

(Coluna publicada na edição do Bola/DIÁRIO desta terça-feira, 22)

35 comentários em “Sete times e quatro destinos

  1. Se for confirmada notícia abaixo de que quatro dos principais atletas devem ir embora para o interior de São Paulo, torna-se inútil qualquer especulação, cálculo de probabilidades ou algo que o valha. É provável que surja algum desmentido para acalmar o torcedor, mas já está claro. Como vai ficar a cabeça desses profissionais para a partida? Estão todos pensando no Atlético de Sorocaba agora e doidos para deixar o Paysandu, onde o clima é instável e ameaça de violência paira sobre todos. Não é melhor afastar logo todos eles para evitar nova derrota (neste caso mais que anunciada)? Nenhum dos quatro vai ter mais interesse em disputar a bola, com medo de quebrar a perna e perder a chance de jogar no interior paulista. Vão ficar enganando, torcendo para o time ser logo eliminado e eles poderem fazer as malas. Já vimos coisa semelhante no CR, com o time disputando vaga para a série D e vários atletas já apalavrados com outros clubes e sem interesse em ficar por aqui. Jogaram visivelmente sem interesse para que o time perdesse logo e eles pudessem ir embora. Amadorismo total do Paysandu, mais uma vez…

    Curtir

  2. É bom que não haja realmente nenhuma empolgação, pois é bom ter consciência de que o time catarinense já entra em campo com o resultado que lhe classifica para a próxima fase.
    Além de caprichar no passe e jogar em velocidade, é preciso que o setor defensivo faça bonito no jogo aéreo.
    Os fatos de não ser transmitido por tevê, como serão os outros três jogos, e de ter a Cbf mudado no meio da rodada o critério de escalação de arbitragem, me preocupam. Em todo o caso, creio que se o Remo fizer o primeiro gol e ainda no primeiro tempo, terá tudo para não deixar escapar essa tão sonhada classificação. E aí que venha Grêmio ou Botafogo (está mais para o Grêmio, e seria mais um tricolor na vida do Leão Azul).
    Avante, Clube do Remo!

    Curtir

  3. Acho que o Diego Barboza fazia uma boa partida, aliás, como quase todo o time, até a pixotada do Gilton de querer sair pelo meio. Acho, também, que fora o jogo contra o Ceará o Héllinton não foi bem nas outras partidas.
    mas o principal é o estado emocional da equipe em frangalhos, conforme constatamos após o primeiro gol do Avaí. Esse é o maior adversário do time e isso precisa ser trabalhado. Uma vitória hoje transforma missão impossível em tarefa dificílima. Eu não acredito!

    Curtir

  4. Gerson e amigos, ao que parece, tudo que aconteceu no jogo contra o Avaí, foi culpa do Gilton… O Paysandu, levou 1 gol e não teve forças pra reagir, tremeu e se perdeu no jogo… Se tomar o 1º gol hoje, já saberemos que perderá a partida? É isso? Te dizer….

    Paysandu joga hoje, uma partida atrasada, mas o Atlético-GO, também joga, mas a primeira, de 2 atrasadas que tem por fazer…

    Ao time do Paysandu, falta equilíbrio emocional, por isso, nem uma vitória hoje, é certeza de que o time engrenou de vez, tal é sua instabilidade na competição… É bom lembrar, que outras vitórias aconteceram e quando se pensava que ia decolar, voltou ao Z-4…
    – Papão, além de ter que vencer, tem que acabar com essa instabilidade no time. O difícil, é fazer isso, com os mesmos jogadores… Será que eles querem? estamos reféns da boa vontade dos jogadores, em querer vencer as partidas… Papão, tem um bom time, peca no conjunto, ainda, mas se aliar, garra e vontade a esse bom time, permanecerá na série B, para 2014… Continuo acreditando

    É a minha opinião

    Te dizer o amigo Gerson com o “garoto” Héliton…rsrs

    Curtir

  5. 02 Times já cairam para série C – Papinha e ASA.

    Outros 4 times estão na briga pelas outras duas vagas.

    Para acesso a mesma coisa – Palmeiras e Chapecoense estão na série A.

    Sport, Parana, America-MG, Ceara, Icasa – brigam pelo acesso, pelas outras 02 vagas.

    Curtir

  6. Amigos do blog na minha opinião o Heliton teve suas chances e pouco aproveitou.Dirceu na defesa é de dar medo, lento e displicente em certos momentos!.
    Diego Barbosa junto ao Eduardo Ramos penso não ser a melhor opção, entraria com Jailton, mas acho que este está queimado pelo Benazzi, para o mal do Paysandú. O tal “matador” Denis é mais lento que jabuti.
    Poucas são as peças que querem lutar por dias melhores, até parece que sentem que mesmo o time permaneça na série B serão desligados do clube, portanto tanto faz ganhar ou perder já entram desmotivados.
    Seria hora de buscar os verdadeiros bicolores dentro deste time e a julgar pela situação do adversário de hoje que também teme a degola o amor a camisa vai falar mais alto e duvido muito que exista isso nos estrangeiros pernas de pau e descompromissados que vestem o manto sagrado bicolor!
    Ainda não joguei a toalha porque acredito que os demais concorrentes a permanência irão perder pontos dentro e fora dos seus domínios.
    Portanto, o que o Paysandú tem que fazer é ajudar a si mesmo, coisa que não tem feito!, pois, mesmo com a derrota para o Avaí e demais combinações dos resultados daquela rodada a situação não ficou tão obscura quanto poderia ter ficado. As derrotas de América-RN e ABC-RN trouxeram um alento ao Papão de que ainda existe luz no fim do túnel,mas se por outro lado, não fizer a sua parte a queda é certa, mas prefiro acreditar na permanência na segunda divisão e que toda a trapalhada deste ano sirva de lição e que torne o Vandique mais maduro e mais escaldado com relação aos empresários e certos “amigos” do Paysandú!
    Eu acredito, ganhando hoje manteremos a luz acessa para a próxima partida e assim para a outra e mais outra até o final das rodadas em casa, pois É TERMINANTEMENTE PROIBIDO PERDER E EMPATAR QUALQUER UM DOS JOGOS QUE RESTAM EM BELÉM, INCLUSIVE CONTRA O PALMEIRAS QUE DEVE VIR AQUI JÁ CLASSIFICADO, TEM QUE SE VESTIR DE MACHO E GANHAR MESMO!
    FORÇA PAPÃO AINDA HÁ A CHANCE DE PERMANECER NA SÉRIE B,contra todas as estatísticas eu acredito que VAMOS SER SÉRIE B EM 2014!
    SAI PRA LÁ TERCEIRA DIVISÃO!!!!

    Curtir

  7. Gerson e amigos, acabei de conversar com o possível novo técnico do Remo:
    Disse ele, entre outras coisas:
    Téc – Estamos conversando… Eles querem que eu me apresente em Dezembro;
    Eu- Mas professor, o Parazão começa, no início de janeiro;
    Téc – Pois é, falei a eles que fica difícil;
    EU – Esses caras não aprendem, pensam que técnico, faz milagre…
    Téc – Risos..

    Uma coisa é certa, trazer um bom téc, que não seja no fim de outubro/ início de novembro, é um suicídio… É pensar que bons técnicos fazem milagres…

    Tá difícil pra ele vir para o Remo, mas o coração tá falando mais alto… Pode dar certo sim…

    Te dizer…

    Curtir

  8. Caro Mauricio Carneiro, acho que não podemos crucificar o Aleilson, pois ele teve poucas chances como titular com o Vagner Benazzi.será como diz o Bad boy que se ele tivesse o nome de Aleilson paulista ou Aleilson carioca ele teria mais oportunidades?será que o Denis, é melhor que ele? acho que o Aleilson, não esta rendendo no papão por estar sendo mau aproveitado pelo técnico.

    Curtir

  9. Bla bla bla sabemos que assim como nunca vai acabar a corrupção no Brasil, assim tmb nunca vai acabar torcida organizada. Vamos ser realistas.

    Curtir

  10. Rodrigo, tenho a impressão que o motivo é simples: os dirigentes querem isso mesmo, isto é,pagar a indenização pro Charles.

    Curtir

  11. Prezados e especialmente o amigo Cláudio Santos,

    Descupem, mas, falar que o Papão vai engrenar depois de uma vitória hoje é acreditar em Papai Noel, Fada do Dente e outras coisas mais… gostaria que fosse verdade, mas o arremedo de time formado para disputar a Série C, com um elenco inchado e desqualificado é brincadeira.
    Nem mesmo se chamassem o Guardiola com orientação espiritual do Telê Santana esse time seria capaz de demonstrar a estabilidade necessária para um campeonato que exige muito do preparo físico, que também é um dos piores dessa Série B.
    Não vejo chance de permanência porque o time é muito ruim, e o treinador, como teimoso que é, mantém duas peças nulas no ataque: Careca e Nicácio, e não dá chance para que o Aleílson seja, de fato, o Número 1. O Hélinto, é verdade, não aproveita as chances que tem para se firmar, mas, ainda assim, é menos pior do que aqueles que tem se apresentado.
    Diego Barbosa na criação de jogadas, não dá… era a momento para ser arrojado e firmar o Max na lateral direita e deixar o Pikachu livre como uma espécie de meia atacante sem maiores preocupações defensivas, para encostar nos atacantes como Aleílson e Hélinton, fazer tabelas e chegar á frente.
    Nesse momento, ou o Benazzi age com coragem e arroubo ou as chances de tudo continuar como antes serão enormes.
    Antes da final do término do Paraense muito se falou em travessia de determinados jogadores do Remo para o Paysandú e, pelo que foi noticiado, o Yamato indicou alguns jogadores para o Paysandú, porém, os Diretores de Futebol experientes e sábios não quiseram aceitar.
    Pois é, aí foram duas situações absolutamente anti-éticas: utilizaram dos bastidores para minar o Remo – que venceu o Paysandú três vezes no estadual e depois ainda deram a entender que a saída do Yamato ocorreu por ele não estar trabalhando direito, mas como, se suas indicações eram vetadas.
    Agora, só resta juntar os cacos e aproveitar o que tem sido feito de bom – porque o trabalho não pode ser todo jogado fora – e ter a humildade de reconhecer os erros e a arrogância de alguns.

    Curtir

  12. É difícil imaginar uma sequência de vitórias para o Paysandu quando vemos claramente que a equipe não tem condicionamento físico para isso. O ABC reformulou a equipe dentro da competição e por isso conseguiu a milagrosa sequência de cinco vitórias. Mas como esperar o mesmo do Paysandu, que mantem a mesma (fraca) equipe desde o início do ano, um grupo visivelmente desgastado com a maratona de jogos? Não bastasse isso, há o clima de terror que se instalou entre os atletas e o desinteresse de outros, que já tem até clube para jogar em SP.

    ____

    Quanto ao Remo, se trouxer o Davino, é brincadeira. Mais um treinador em franca decadência que vem pra cá – deve ser para acompanhar a decadência dos nossos clubes.

    Ostenta a prodigiosa marca de 64 clubes treinados em 29 anos como técnico. Ano que vem chega aos sessenta anos – mais um velho, como Givanildo.

    Curtir

  13. Muitos tem criticado e até atribuído culpa exclusiva ao Gilton na derrota passada, mas esquecem que quem escala o time é o Benazzi. O professor errou na escalação do Gilton e, principalmente, na substituição quando quase “queima” o garoto Caio que foi muito mal no jogo, tanto no apoio, quanto na marcação, haja vista que ainda não tem estrutura física para marcador e perdeu todas as disputas com contato físico. Benazzi errou novamente quando, perdendo de 1×0 tirou um volante e colocou outro, quando o correto seria colocar um armador ou atacante. No que se refere a lateral esquerda para o jogo desta noite, acredito que a melhor opção seja o Gaibú, pois geralmente jogando em Belém, os visitantes são mais tímidos no ataque e as melhores partidas de Gaibú foram em Belém, onde as partidas se apresentam com esta característica.

    Curtir

  14. Não concordo que Davino esteja ultrapassado para equipes do porte de um Remo ou de um Paysandú.
    Creio que, se derem as necessárias condições, terá todas as condições de levar o Remo à série D e, daí, à série C.
    Entre as condições, eu considero de suma importância que o mesmo conheça as peças que estão disponíveis, entre os chamados titulares atuais e os ‘garotos’ das divisões de base. Conhecer o futebol desses que estão aí, antes de partir para contratar gente de fora, como uns que fizeram isso a rodo, aumentando a sangria financeira do clube.

    Curtir

  15. Comelli – Estamos conversando… Eles querem que eu me apresente em Dezembro;
    Eu- Mas professor, o Parazão começa, no início de janeiro;
    Comelli– Pois é, falei a eles que fica difícil;
    EU – Esses caras não aprendem, pensam que técnico, faz milagre…
    Comelli – Risos..

    Curtir

  16. Paulo Comelli também não é mau para equipes do porte do Remo ou do Psc, amigo Harold Lisboa.
    É só ver o trabalho que ele fez ao comandar o Crb.

    É o que eu digo: dêem as condições – incluindo tempo para conhecer os valores existentes – e há pelo menos uma meia dúzia de técnicos que levariam o Remo às competições nacionais e manteriam, pelo menos, o Psc na série B.

    Aliás, agremiações como Remo e Paysandú têm a cara da série B.

    Curtir

  17. kkkkk Essa, do Rodrigo (postagem-26), foi boa ! rs

    Cláudio, acho que esse téc. com quem falaste é o “Divino”. Acho que ele ainda dá para Parazão e série-D.

    Curtir

  18. Pra mim, qualquer técnico a quem o clube não dê as mínimas condições, certamente fracassará. Agora, não é a todos a quem se dê condições, que, ao final, apresentarão resultado exitoso. Agora, também é preciso saber qual é o parâmetro destas condições a que tanto todos nós nos referimos. Mas, para mim, Givanildo e Davino já chegaram ao limite. A prova desta verdade é que o Lecheva foi exitoso onde estes dois fracassaram, valendo lembrar que este último não teve metade das condições disponibilizadas aos dois primeiros.

    Outro fator muito importante: enquanto os empresários estiverem fazendo a chamada “parceria” com diretores/técnicos do tipo Finazzi e Ramon (no rival os respectivos torcedores têm melhores condições de apontar os nomes), muito dificilmente os clubes levantarão a cabeça.

    Curtir

  19. Não me deixo envolver por nem um tipo de comentário postado no blog. tudo aqui colocado não passa de especulação, Salário do Charles de 25 mil, multa de 500 mil se o contrato for rescindido . tudo papo furado. são duas situações que não batem, pois caso o charles tivesse mesmo essa multa, a diretoria do Remo não estaria hipoteticamente procurando substituto para o mesmo. Existe um grande mal no futebol paraense que é a famosa fofoca .

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s