Brasil bate Equador e é alvo de racismo

Nem tudo é um mar de rosas na participação da seleção brasileira sub-20 no Campeonato Sul-Americano da categoria disputado no Peru. De acordo com reportagem publicada na edição desta quarta-feira do jornal O Estado de S.Paulo, dois jogadores do Brasil foram alvo de racismo por parte de torcedores peruanos durante jogos da competição. O primeiro episódio aconteceu ainda na estreia da equipe do técnico Ney Franco, diante do Paraguai (vitória brasileira por 4 a 2), e envolveu o zagueiro Juan. No último domingo, no empate por 1 a 1 com a Bolívia, a situação se repetiu com o atacante Diego Maurício. Em ambos os casos, um pequeno grupo de torcedores imitou o som de macacos, ofendendo os atletas brasileiros. A CBF protestou junto à Confederação Sul-Americana e pode formalizar reclamação, pedindo punição para os anfitriões do torneio.

Na noite desta terça-feira, com um gol de Henrique, a seleção derrotou o Equador, por 1 a 0.

4 comentários em “Brasil bate Equador e é alvo de racismo

  1. Assisti o jogo pela SPOTV e o fato foi relatado pelo reporter. Não estranhei. os paises andinos casrregam preconceitos vários. Nos separam : lingua, cultura e desenvolvimento.

  2. Agora imagina, ser discriminado pelos Peruanos, um povo pobre, miserável, produtor de cocaína, de baixa cultura, isso não acaba nunca, por isso tem que formalizar sim protesto, junto a federação Sul-Americana, já não bastava os Argentinos, durma com um barrulho deste!

  3. PERFEITO Carlos Original ,MEIA DÚZIA ATACAM E MILHÕES PAGAM O PATO .Eu msmo sofro discriminação ainda hoje por ser argentiino ,morando no Brasil há mais de vinte anos quase 30.e OLHA QUE SOU LOIRO ,ALTO ,BRANQUELO…no twitter tem minha foto ,o G.N pode atestar isso…@alonsoperez-,mas não se pode generalizar.Não foi uma nação inteira ,pobre e e tc que atacou foi quem ainda tem a mente embotada,amarrada em conceitos mais que ultrapassados.Mas na hora de uma missa ou de um culto ou de uma romaria estão lá ,pagando promessas,rezando,orando,andando quilometros numa expiação imbecil que só demosntra o quanto o ser humano é tãi diferente entre si e em si mesmo como somos TDS IGUAIS enquanto MATE´RIA.

Deixe uma resposta