8 comentários em “Duas décadas de Rogério Ceni

  1. O atléta e o clube encontraram-se. Noutra agremiação R. Ceni não seria longevo. O. S. Paulo fez da sua organização o trampolim para suas grandes conquistas e estas fizeram do clube um dos ” mais queridos” do Brasil. Exemplo a ser seguido por outros clubes brasileiros. No S. Paulo a paixão não cega seus dirigentes.

  2. Merece uma chamada pra seleção, ainda dá, seria um prêmio justo para um atleta exemplar com muito a ensinar pra molecada do Mano.

  3. Concordo com tudo que já foi dito acima, porém, lembro de uma declaração do meia paraense Velber que hoje está no Remo, este quando esteve no Paysandu, deu uma declaração, quando perguntado porque ele não deu certo em sua passagem pelo São Paulo futebol clube, é o risadinha disse que, o excelente Rogério Ceni, o menospresava por ser nortista, é não so ele mais todos os outros jogadores da região norte! Porque será heim? Será se o Velber estava apenas dando desculpas para o seu insucesso ou realmente e verdade o que ele disse ao reporte, que não me recordo o nome e nem de que emissora ele pertence.
    Mais o Rogério Ceni, merece sim às justas homenagens pelos seus serviços prestados a equipe do tricolor paulista, sendo um dos melhores goleiros que o futebol brasileiro já teve e viu jogar.

  4. Acho ele chato pra caramba.
    todo certinho e cem por cento politicamente correto.
    Ninguém pode ser assim na realidade.
    parece artificial.

    sei lá. não gosto dele.

Deixe uma resposta