A Europa é azul: Chelsea conquista a Liga dos Campeões

Imagem

Os comandados de Thomas Tuchel conquistaram a Liga dos Campeões da Europa pela segunda vez em sua história contra todos os prognósticos, ao derrubar o favorito Manchester City de Pep Guardiola. O Chelsea abriu o placar com um gol de Kai Havertz e conseguiu neutralizar as tentativas do City, que abusou dos cruzamentos na área como opção de jogada. Guardiola teve que substituir o meia Kevin De Bruyne por Gabriel Jesus, após o belga se contundir em dividida com Rüdiger.

Tuchel é apenas o segundo técnico na história a ganhar três jogos consecutivos contra Guardiola em competições oficiais, unindo-se ao seu compatriota Jürgen Klopp, que fez o mesmo em 2018 com o Liverpool.

O Chelsea ganhou seis das sete finais europeias que disputou na história. A final de hoje garantiu o quarto título europeu na era Abramovich (Champions 2020-21 e 2011-12; Europa League 2012-13 e 2018-19).

Imagem

O brasileiro Thiago Silva, que havia sido vice-campeão da Champions no ano passado pelo PSG, levantou a taça desta vez. Depois da grande final, o repórter citou que Havertz era o jogador mais caro da história do Chelsea e perguntou se a pressão era grande. O alemão respondeu: “Eu estou pouco me fu** para o meu preço nesse momento. Nós ganhamos a po*** da Champions League”.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s