Boca não aceita entrar em campo e Conmebol ameaça punir jogadores por críticas

image

Enquanto o Boca Juniors mostra-se irredutível quando à decisão de não mais entrar em campo para jogar com o River pela final da Libertadores, a Conmebol planeja suspender quatro jogadores do Boca para a segunda partida decisiva, marcada nesta terça-feira para dia 8 ou 9 de dezembro, fora da Argentina.

Segundo a TNT Sports, os jogadores Carlos Tévez, Pablo Pérez, Ramon Ábila e Nahitan Nández podem receber suspensão de um jogo por terem criticado a Conmebol durante os incidentes de sábado. Os jogadores do Boca acusaram a entidade de fazer pressão para que o jogo se realizasse apesar do ataque ao ônibus da equipe.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s