Bate-bola no boteco virtual – Vila Nova x PSC

Campeonato Brasileiro da Série B 2018 – 34ª rodada

Vila Nova x Paissandu – estádio Serra Dourada, em Goiânia, 19h15

destaque-696x392

Na Rádio Clube, Carlos Gaia narra, Gerson Nogueira comenta. Reportagem – Dinho Menezes, Paulo Sérgio Pinto. Banco de Informações – Fábio Scerni

55 comentários em “Bate-bola no boteco virtual – Vila Nova x PSC

  1. Escalação do PSC:

    Renan Rocha
    Maicon Silva
    Perema
    Fernando Timbó
    Guilherme Santos
    Renato Augusto
    William
    Felipe Guedes
    Mike
    Hugo Almeida
    Magno

    Técnico: João Brigatti

    Curtir

  2. Vila escalado:

    Mateus Pazzinato
    Moacir
    Wesley Matos
    Diego Giaretta
    Gaston
    Geovani
    Washington
    Mateus Anderson
    Alan Mineiro
    Rafael Silva (9)
    Juninho

    Técnico: Hemerson Maria

    Curtir

  3. PSC fez um primeiro tempo muito cauteloso, fechado atrás e arriscando pouco. Nessa estratégia de não sofrer gol, o time foi bem, mas poderia ter sido ousado evitando o domínio e a pressão excessiva do Vila Nova.
    O time goiano tomou conta do campo de defesa paraense. Botou bola na trave, teve duas grandes chances em chutes de fora da área, mas diminuiu o ritmo a partir dos 30 minutos.
    No geral, o Vila teve 58% de posse de bola, Papão ficou 42%.
    Vila chutou 8 vezes a gol e o PSC apenas 2.

    Curtir

  4. 1′ Guilherme Santos cruza da esquerda, goleiro bateu roupa e quase Hugo Almeida aproveita o rebote. Melhor momento do ataque bicolor na partida até aqui

    Curtir

  5. Torcida decepcionada com o empate do Vila, que precisava da vitória para chegar ao G4. PSC não conseguiu vencer, mas sai com um ponto que serve de consolo, apesar das chances perdidas no segundo tempo, com Magno e Lúcio Flávio, que tiveram tudo para fazer o gol em falhas de marcação da defesa goiana.
    Com 34 pontos, o PSC segue com a missão de vencer 3 e empatar 1 nas quatro últimas rodadas.

    Curtir

  6. Payssandu já esta rebaixado, unica chance seria o presidente renunciar imediatamente e deixar que pessoas com mais conhecimendo tomassem a direçao, aliais, o proximo presidente é ainda da “novos” rumos, prevejo um longo tempo na série C

    Curtir

  7. No extremo oposto do bandido Lúcio Flávio – que atirava para matar, imortalizado no filme “Passageiro da Agonia”, de Hector Babenco, na década de 70, esse pseudo centroavante do Paysandú, causa agonia mas na torcida. Não assusta nem criancinha no berço. A rigor cabe perguntar: quem é pior, ele ou o turista Hugo Almeida ???

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s