Papão treina forte para enfrentar o Oeste em São Paulo

29625535698_1b07ca8c7c_z

O Papão treinou forte durante toda a semana, em preparação para o jogo de sábado contra o Oeste-SP, em Barueri, pela 16ª rodada da Série B. A novidade nos últimos treinos foi a participação de Lúcio Flávio (foto abaixo), atacante recém-contratado que já está integrado ao elenco. Antes do treino, ainda no Estádio da Curuzu, os jogadores assistiram a um vídeo como parte da preparação para a próxima partida. Já na movimentação no campo do Kaza, o técnico Guilherme Alves comandou exercícios de finalização, no qual os volantes iniciavam as jogadas em busca do apoio dos laterais.

DibyRfUWkAAvlnH

Na última parte da movimentação foi a vez do setor defensivo ser exigido com jogadas de interceptação e marcação. A equipe ainda não está definida para o jogo em São Paulo. Nesta quinta-feira, a equipe treina na Curuzu com portões abertos para a torcida.

VIAGEM – Como a partida será na Região Metropolitana de São Paulo, a Gerência de Futebol do PSC definiu o cronograma de viagem, com saída de Belém nesta sexta-feira e retorno no dia seguinte ao jogo, em voo direto, sem escalas ou conexões. A delegação deixa Belém rumo ao aeroporto de Guarulhos (SP) na tarde de amanhã (20). A partida será no sábado (21) e a volta ocorre no domingo (22).

Confira a programação completa:

SEXTA-FEIRA (20/07)

Saída de Belém: 16h30. Desembarque em Guarulhos (SP): 20h10. Jantar no Aeroporto de Guarulhos (SP): 20h30.

SÁBADO (21/07)

Saída para a Arena Barueri: 17h. Jogo contra o Oeste-SP: 19h.

DOMINGO (22/07)

Saída para o Aeroporto de Guarulhos (SP): 7h. Saída de Guarulhos (SP): 9h40. Desembarque em Belém: 13h15.

(Fotos: Fernando Torres – Ascom PSC) 

Um comentário em “Papão treina forte para enfrentar o Oeste em São Paulo

  1. Quando o Papão mandou Marquinhos Santos andar e contratou de volta o Dado, disse aqui neste generoso espaço que a economia seria de palito porque até o meio do ano teria que ir atrás de um substituto para o substituto daquele momento.
    Independente da inegável bagagem teórica de Cavalcanti, fica claro que aquele seu jeitão de vizinho de condomínio não impõe o mínimo respeito que deve inspirar um comandante desse tipo de grupo. Taí a prova: treinar forte vira notícia, quando deveria ser rotina em time que participa de competição dessa natureza.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s