Bate-papo no boteco virtual – Remo x Internacional

Copa do Brasil 2018 – 2ª fase

Remo x Internacional – estádio Mangueirão, 19h30

139c6e44-c2f6-4fc1-a0e2-6f578d819220-original

Na Rádio Clube, Ronaldo Porto narra, Carlos Castilho comenta. Reportagens – Paulo Caxiado, Saulo Zaire. Banco de Informações – Adilson Brasil 

bol_qua_210218_08.ps

41 comentários em “Bate-papo no boteco virtual – Remo x Internacional

  1. Baluarte Claudio Columbia, fazendo muita falta aqui neste democrático espaço, infelizmente depois que ele passou a ser cronista esportivo na turma do bate papo, resolveu abandonar o blog, uma pena!

    Curtir

  2. Primeiro tempo com ligeira superioridade do Inter, que sofreu o gol e teve qualidade para se estabilizar, tocando a bola com inteligência e chegando à virada em cima dos conhecidos buracos defensivos do Remo. O gol de Felipe Marques deu a impressão de que o time azulino podia se impor ao Colorado, a partir de forte marcação no meio-campo. Felipe Marques e Fernandes se destacavam no combate a D’Alessandro, Nico López e Patrick. Bastou, porém, um momento de concentração em lance de arremesso lateral para que o lado direito da zaga entregasse o ouro. Rápida movimentação levou ao cruzamento rasteiro na pequena área, para Leandro Damião empatar. Dois minutos depois, em enfiada de D’Alessandro, Damião perdeu outra grande chance diante de Vinícius. Cinco minutos depois, em pressão na área remista, Damião chutou em cima da zaga, mas a bola sobrou para Edenilson desempatar após rebote de Bruno Maia. Duas falhas fatais de marcação derrubaram o Leão no primeiro tempo.

    Curtir

  3. Mateus, a título de esclarecimento, o formato foi modificado nesta temporada para um bate-papo informal sobre o jogo, analisando o que se vêm em campo, dando pitacos. Sem a preocupação de registrar lance a lance. Claudio ou qualquer outro baluarte tem seus próprios compromissos e prioridades, temos que compreender e torcer positivamente. No caso, não houve abandono do blog, mas apenas questão de encaixar horários, o que é perfeitamente compreensível.

    Curtir

  4. O grande problema do Remo nesta primeira etapa é o aparecimento das limitações já conhecidas. Nos primeiros minutos, o jogo intenso surpreendeu o Colorado, principalmente quando a bola chegava a Felipe Marques e este partia pra cima do marcador, Dudu. A boa apresentação acabou sabotada pelo próprio Remo, permitindo ao Internacional as chances para sair do resultado adverso em que se encontrava. Iago e Nico López exploraram muito o lado direito da defesa, onde Levy não tinha a cobertura de nenhum volante, apesar dos 3 que Ney da Matta escalou para o jogo.

    Curtir

  5. Para o segundo tempo, a questão nem é a troca de jogadores, mas o foco no esquema inicial de marcação forte e saídas rápidas. Caso consiga encaixar contra-ataques e forçar erros na zaga gaúcha, o Remo pode ter alguma chance de alcançar o empate, desde que sua zaga – principalmente o lento e atrapalhado Bruno Maia – não volte a vacilar.
    Dudu vai entrar no lugar de Geandro, para tentar fechar mais os corredores que o Remo ofereceu ao Inter na primeira etapa.

    Curtir

  6. Tranquilo, Mateus. Concordo inteiramente, mas, como dizem os técnicos, precisamos valorizar mais os que jogam e não os desfalques.

    Curtir

  7. Time do inter é apenas mediano, colorado levou a classificação pela qualidade técnica de alguns jogadores, com o time limitado que tem torcida remista deve comemorar.

    Curtir

  8. Fim de jogo no Mangueirão. O Inter caiu muito de rendimento na etapa final, perdendo duas boas chances e o Remo subiu de produção, principalmente depois que Adenilson substituiu a Levy. Ney da Matta botou o time no ataque e pressionou seguidamente em busca do empate, mas falhou nas finalizações. Com o Inter desgastado fisicamente, já tentando segurar o jogo, Da Matta botou Elielton em campo e a pressão só aumentou. Elielton fez grande jogada individual aos 39 minutos, driblando três marcadores e batendo rasteiro muito próximo do gol de Marcelo Lomba. Depois, aos 44′, Esquerdinha cobrou falta com muito perigo, com a bola passando perto da trave.

    Curtir

  9. No geral, o Remo foi bem nos primeiros 20 minutos de jogo, permitiu a virada em 6 minutos por falhas individuais na zaga. Na etapa final, em tentativa de reação, a equipe lutou muito, com boas atuações de Felipe Marques, Felipe Recife e Fernandes. Elielton e Adenilson entraram depois e também atuaram bem. A superioridade técnica do Internacional prevaleceu em boas triangulações entre D’Alessandro, Nico Lopez e Patrick até o início do segundo tempo, mas o Remo teve chances de igualar o marcador na segunda metade do 2º tempo. Inter segue na competição e vai enfrentar Criciúma ou Cianorte na próxima fase.

    Curtir

  10. Aladio, o Cláudio informou aqui mesmo no blog ainda no passado que não poderia mais participar dos comentários de jogos, por conta de problemas particulares e familiares. De fato não apareceu mais para participar. Este é o motivo de sua ausência.

    Curtir

  11. Ei Anônimo kkkk o Papão perdeu pro atual campeão gaúcho, mas ainda está na Copa Verde e vocês perderam pro desconhecido Manaus kkkkkkk

    Em uma semana duas eliminações do remo: Copa Verde e Copa do Brasil.

    Eu acredito kkkkk

    Curtir

  12. Kkkkkkkkkkkkkk égua a que ponto o Peixoto sofredor chegar comemorar derrota pro Novo Hamburgo kkkkkkkkkkkkkkkKkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    Curtir

  13. Ei Alessandro ou anônimo kkkk não “comemorei” vitória do Novo Hamburgo. Apenas ressaltei que, ao contrário do remo q perdeu pro desconhecido Manaus o Papão perdeu pro atual campeão gaúcho.

    Não tira a bronca kkkk

    Em uma semana duas eliminações do remo: Copa Verde e Copa do Brasil e uma derrota para o Bragantino. Três decepções seguidas kkk

    Três? Kkk Então já dá pro remo pedir música no Fantástico kkkkkk

    Eu acredito kkkkk

    Curtir

  14. Olha o Peixoto fake comemorando kkkkkkkk só esqueceu q o Novo Hamburgo é lanterna do Gaúcho kkkkkkkkkk é a idade

    Curtir

  15. Remo já eliminou em Copa do Brasil Internacional,Botafogo,Atlético/MG,Vasco, e paysandu eliminou quem kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    Curtir

  16. Edson tu estás bem informado pra não dizer o contrário kkk

    Antes da partida contra o Papão o Novo Hamburgo chamou de volta sete jogadores que haviam participado da campanha vitoriosa do Clube no campeonato gaúcho de 2017 pois até então estava levando só peia igual agora o Grêmio no Gauchão e logo em seguida foi até Caxias e conseguiu um empate fora de casa contra o Juventude para depois jogar contra o Papão

    Alessandro, gol do Elielton não valeu nada. Não decidiu nada kkk Quero ver fazer igual o carrasco do Leão Bergson q fez dois gols na final do Parazão o q fez do Papão o Atual Campeão do Pará

    Poxa o remo já eliminou esses clubes mas não consegue sequer um título nacional que preste, nem de série B. Credo até a Tuna já ganhou kkkk

    Três decepções seguidas do Leão. Já pode pedir música no Fantástico kkkk

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s