Galo faz ‘proposta’ para não renovar contrato de Robinho

A negociação fechou. A parceria de dois anos entre Atlético e Robinho parece ter chegado ao final, com o contrato que se encerra no fim de 2017 e não será renovado. A informação foi divulgada pelo jornalista Heverton Guimarães e confirmada pela Gazeta Esportiva. O clube e o jogador não conseguiram acertar as bases salariais do meia-atacante. O valor falado pelo clube alvinegro não satisfez os desejos de Robinho. Com isso, o negócio parou. O Galo prepara uma nova oferta para apresentar a representante de Robinho, Marisa Alija.

O jogador disse, há alguns meses, que aceitaria reduzir seu salário para permanecer em Belo Horizonte. A nova política do Atlético é de economizar mais e fazer bons negócios. Robinho, no entanto, estava satisfeito na capital mineira e ouviu da família que permanecer no Galo seria o melhor para todos.

Entretanto, o Atlético ofereceu algo muito reduzido. Robinho chegou ao Galo em 2016 com salário de 800 mil mensais, além de premiações. No início do contrato, a Dryworld faria o pagamento da maior parte, porém, não conseguiu arcar com os vencimentos e o clube mineiro teve que assumir a dívida.

2 comentários em “Galo faz ‘proposta’ para não renovar contrato de Robinho

  1. E o Galo não deve mesmo entrar nessa loucura nem se alguma empresa quiser bancar. Sinceramente está aí uma coisa que jamais vou conseguir entender neste mundão de meu Deus. Vou morrer algum dia mas não entenderei nunca e nem faço questão de entender dessas verdadeiras fábulas financeiras pagas para atletas de futebol mesmo levando em conta que a profissão é curta. Não estou dizendo que o cara não deva ganhar bem, todo mundo deve ganhar bem, mas 800 mil de salários para um jogador de futebol é muita exorbitância, uma coisa surreal. No caso desse Robinho( quase em fim de carreira) se Galo colocasse 200 mil já seria absurdo, mas aceitável pela fama que o cara e o clube pode pagar. Agora 800 mil que ele quer para renovar ou até uns 500 mil mensais que o clube está propondo a ele, mas ele acha ” POUCO” aí não tem combate. o futebol virou eldorado para alguns atletas. Se continuar assim não vou querer mais em nenhuma hipótese que meu filho seja médico dos bons um dia. Acho que vou preferir que ele seja jogador de futebol e logo que entre no profissional, falo logo uns belos gols e se possível dê umas pedaladas para mais tarde arranjar um contrato de 500 mil mensais que o Robinho acha que é pouco ou até contrato de 2 bilhões tipo o Messe. PIRA PAZ!!!!!…………………………

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s