Turba reacionária ataca Polenguinho confundindo disco do Pink Floyd com símbolo LGBT

polenguinho

Em mais uma prova de que a imbecilidade não tem mais freios no Brasil, seguidores do MBL estão atacando o Polenguinho por fazer “apologia da ideologia de gênero”.

Isso porque a marca homenageou no Facebook a capa do disco do Pink Floyd, The Dark Side of The Moon, com o famoso prisma (veja abaixo). Centenas de indigentes viram um arco íris LGBT. É sério.

Os autores da campanha tiveram que se explicar:

Disclaimer: Nossa equipe criativa teve como inspiração a capa do álbum The Dark Side of The Moon, da banda Pink Floyd, para “brincar” com o conceito de fominha, tão utilizado quando o assunto é Polenguinho. Prezamos pela paz, pelo respeito e pela igualdade em nossa comunidade aqui. Embora não tenhamos feito alusão ao movimento LGBT+, temos máximo respeito pela causa. Contamos com todos que adoram o queijinho mais querido do Brasil desde mil novecentos e bolinha para fomentar uma comunicação afetuosa e fluída por aqui! Obrigado. 

Pode fechar a tampa que o Brasil acabou.

6 comentários em “Turba reacionária ataca Polenguinho confundindo disco do Pink Floyd com símbolo LGBT

  1. ISAAC NEWTON QUE SE CUIDE
    Autor do experimento célebre que permitiu fracionar a luz branca no espetro do arco-iris, não causaria estranheza se o MBL decretasse aberta a temporada de caça ao velho judeu inglês, que passaria correr o risco de ser caçado “morto ou morto” (leia-se inumado e exumado)

    Curtir

  2. Eles deveriam brigar pelo plim, plim da Globo que também, trás as marcas do arco-íris nas suas chamadas globais. Te dizer!

    Curtir

  3. A obsessão com ícones LGBT apenas revela que o discurso moralista acerta em cheio a ignara massa que desistiu de discutir política e deseja voltar à idade média. A modernidade, também, consiste em deixar pra lá as querelas que não trazem avanço social e acontecem a troco de nada. O que muda na vida de alguém a opção sexual do outro? Nada. Repito, absolutamente nada. Brigar por isso se revela uma atroz perda de tempo e energia e divide uma sociedade que deveria ser unida. Tempo e energia que poderiam ser utilizados para aprender que a diferença é parte do mundo evitariam maiores desperdícios e prejuízos.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s