Novo Leão vence primeiro amistoso

RemoXTime Negra amistoso-Mario Quadros (10)

RemoXTime Negra amistoso-Mario Quadros (12)

No primeiro teste oficial do novo time do Remo, sob o comando do técnico Charles Guerreiro, a equipe conseguiu derrotar o Time Negra Carajás por 2 a 0, na noite desta segunda-feira no estádio Evandro Almeida. Charles aproveitou para mandar a campo parte da equipe que vinha sendo treinada ao longo das últimas semanas no Baenão, enxertada com garotos do time sub-20. A partida marcou também a estreia de Rubran, zagueiro vindo do Paragominas, e os retornos de Levy, Val Barreto e Ratinho, também oriundo do PFC.  O jogo foi equilibrado no primeiro tempo e o Remo encontrava dificuldades na saída de bola, embora tivesse mais força ofensiva, principalmente pela boa movimentação de Rodrigo, Jaime e Barreto. A rede balançou aos 17 minutos, com Jaime, que recebeu passe de Ratinho.

RemoXTime Negra amistoso-Mario Quadros

No segundo tempo, a equipe mostrou mais entrosamento e corrigiu falhas na transição. Rodrigão, que substituiu Barreto, tornou o time ainda mais agressivo, criando diversas situações de perigo. Aos 25 minutos, cobrando pênalti, Jonathan ampliou o marcador. Quase ao final, aproveitando a ausência de policiamento, alguns torcedores atiraram pedras no banco de reservas do Time Negra, provocando uma interrupção de quase 10 minutos. Tiveram participação destacada o zagueiro Ian, o volante Biro e o meia Rodrigo, além do estreante Ratinho. A renda foi de R$ 23.960,00 com 2.584 pagantes, com cerca de 3.500 torcedores presentes.  

RemoXTime Negra amistoso-Mario Quadros (7)

Em contato com o blog, o diretor de Futebol Thiago Passos explicou que a diretoria enviou ofício ao Comando da Polícia Militar, que negou efetivo para a área interna do estádio no amistoso desta noite. Ele lamentou também o comportamento inaceitável de alguns torcedores, que atiraram pedras em direção ao banco de reservas do Time Negra Carajás, obrigando o presidente Zeca Pirão a ir até próximo da torcida pedir que cessassem as hostilidades. (Fotos: MÁRIO QUADROS/Bola)

31 comentários em “Novo Leão vence primeiro amistoso

  1. Ontem estava ouvindo todo feliz a Rádio Clube até escutar que Adriano Miranda estaria especulado no Remo por indicação do Charles; Mandei logo uma mensagem pro Thiago Passos. Pere lá, amigo…Essas indicações do Técnico são uma palhaçada, que está chamando seus amigos para o Remo, por 3 meses, pra ver se dão certo. Sinomar fez a mesma brincadeira no passado e todo planejamento foi por água abaixo.

    Curtir

  2. Um bom Técnico é eficiente porque, dentre várias coisas, consegue ignorar suas relações extra campo com os atletas. Isso é importante. Flávio Araújo não conseguia fazê-lo e todos vimos no que deu: Tony em vez de Jonathan, Berg em vez de Alex Juan, 1 única chance pro trio de acreanos…

    Curtir

  3. Um elenco inchado de jogadores bons PODE ser benéfico para um Clube, Harold. Mas inchado de jogadores limitados é prejuízo na certa. Com exceção do gol e das laterais, cada posição deveria ter 3 atletas excelentes mais um atleta voluntarioso da base. Sem espaço para amadores. Se for para formar elenco de base local, prefiro o Jayme, Alex Juan e Yan do que Miranda, Sousa e Rubram.

    Curtir

  4. Jogo sem policiamento na parte interna do estádio: uma temeridade. Um risco até pra manutenção dos patrocínios. Neste particular o Leão continua o mesmo, quiça, até piorou.

    Quanto ao jogo, não posso falar com propriedade, eis que ontem não pude ir lá. Mas, não fiquei nada feliz com o que ouvi reiteradamente afirmado pelo comentarista João Cunha, segundo quem, o Remo insistiu deveras em iniciar as jogadas pelo Carlinhos Rech, que de cada 3 tentativas errava 4, obrigando o Val Barreto a recuar até a sua própria intermediária para tentar participar do jogo, já que a bola não chegava. Isto é, mesmo após vários meses de treino o Remo, de novo, não tem nada. E nem poderia ter nada de novo, se apresenta Levi, Ratinho, André (que só foi apresentado), Carlinhos Rech. Assim, como diria um velho personagem do Chico Anísio: tá danado, tá danado…

    Curtir

  5. Só que pro Charles, atleta local = jogador que atuou com ele, em um time pequeno do Pará. Miranda era o terceiro atacante do PFC, perdendo posição pro Weller e pro Aleilson. Serve pro Remo, que já tem 4 atacantes? (Jayme, Val, Branco e Cearense).
    Charles provavelmente vai ignorar Mael, Keno e Danilo Galvão, que fazem boa serie C pelo Águia. Ilailson (contundido) deve ser o próximo a chegar.
    -Zé Soares chegou a ser ventilado no Remo, mas estava pedindo muito.

    -O camisa 33 já está contratado, segundo Passos (Pré-Contrato?)

    -Será que Bismarck vem?

    Curtir

  6. Antônio, você não pode associar um único atleta a uma campanha ruim. Aliás, eis um dos males da torcida Remista. Ratinho foi um dos destaques do Remo dentro daquele time limitadíssimo que disputou a série D de 2012 e, depois, fez boas atuações no St.Cruz e PFC; Está em boa fase e se mostrou um dos poucos lúcidos ontem. O mesmo vale para André; Todos conhecemos a qualidade.
    Contratar conhecidos reduz a possibilidade de erro; A diretoria está correta.

    Ah, e Rech é ruim mesmo…Tanto que Flávio não fez questão de levá-lo consigo quando foi embora.

    Curtir

  7. Essa formação está aparecendo Sinomar Naves, estou achando esse diretor garoto novo, senão tomar cuidado as coisas podem piorar, são poucos os cabanos que salvam o Remo.

    Curtir

  8. Bomba:O Craque que vai vestir a camisa 33 será o Túlio maravilha,fechou contrato com o leão para marcar o gol 1000 com a camisa do mais querido.choraaa torcida mucura.

    Curtir

  9. Claro que posso, Thiago! Mas, eu respeito sua opinião.

    Agora, mesmo respeitando a sua opinião, não posso deixar de constatar (veja não é opinião, é constatação) que Ratinho, Rech, Levi, André, são o retrato de um Remo que não deu certo, que estagnou ali entre o nada e o lugar nenhum. E isso quando eram mais jovens.

    Daí que independentemente do futebol que joguem (o qual na minha opinião é limitado) não podem representar um “novo” Leão. Note que minha crítica tem um critério, qual seja, se reporta a determinados jogadores que já passaram pelo Clube e integraram grupos derrotados e que o Remo já livre deles, não tinha a menor necessidade de recontratá-los.

    Quanto à torcida remista, acho que o único mal de que padece são os dirigentes do Clube destes últimos 10, 15 anos, que levaram o Clube não a uma, mas a várias campanhas ruins, decorrentes da contratação não de um, mas vários e diversos jogadores ruins. No mais, a torcida vai muito bem, sempre inspirando grandes patrocinadores a investir no Clube pelo seu fenomenal comparecimento ao estádio mesmo com toda a incompetência dos dirigentes.

    Curtir

  10. Leão bate no filho. O filho chora pro pai, que responde: não liga não filho, eu também vivo levando cipoadas dele. É a vida.

    Curtir

  11. Antonio Oliveira, permita-me discordar do seu ponto de vista, mas entendendo a lógica.
    Para uma equipe ser vencedora, há muitos fatores que influenciam. e falo de equipe, um plantel. Não há que se avaliar um jogar, individualmente, pelo resultado da equipe. Como exemplo, retornemos ao André, que foi mencionado por você. O rapaz jogou muita bola ano passado. No entanto, aquele elenco era ridículo. Como já dizia o velho ditado, e no futebol há milhares deles; uma andorinha não faz verão. Se fosse analisar desse seu ponto de vista, nunca voltaria para seleção os jogadores de 1982 (Zico, Sócrates, Falcão, Cerezo etc).
    Voltando ao Remo, nesse raciocínio, não retornaríamos com Jonathan, Alex Ruan e Val Barreto.
    Entendo que numa equipe que não tenha sido vencedora, é claro que podemos aproveitar jogadores que tiveram bom desempenho.

    Abs

    Curtir

  12. Qual o melhor time do Brasil no momento?

    Acertou que respondeu o REMO,pois já são mais de 3 meses que o filho da desgraça e do pobre coitado não perde pra ninguém.

    Curtir

  13. Túlio Maravilha, pela idade que tem, deve ter sido um dos fundadores do Botafogo, do amigo Gerson. Não brinque comigo, Vicente…Já basta o Avalos hahaha Te dizer…

    Curtir

  14. Jorge, concordo contigo. E parodiando o ditado popular, é possível dizer: filho de freguês, freguesinho é.

    Quanto ao mais (Ratinho, André etc vs Jonathan, Val Barreto etc) está a merecer uma reflexão mais aprofundada. Daí que, mais logo respondo.

    Curtir

  15. Outra coisa: Está correndo um boato que as últimas duas contratações regionais do Remo foram feitas pelo Grande “Piron”, prestigiando as indicações de Charles.
    O problema é que, internamente, o Remo vive um conflito de interesses. Ou se prestigia o Técnico, contratando quem ele pede (Adriano Miranda, Renato Medeiros…), ou se faz a coisa certa, a meu ver, que é adquirir atletas que vem se destacando nas últimas competições (Ratinho, Levy, Keno, Mael, quiçá Bismarck e Danilo Rios).
    Só que existem divergências entre os diretores (sem citar nomes), e o Remo acaba sem fazer direito nem um, nem outro.

    Curtir

  16. Sou Paysandu e até acreditava nos bons resultados da sonhada reestruturação do encardido,mas que nada. Pelo jeito vai ser pior que todos os anos de sofrimento acumulado.Se não vejamos.Contratações: Carlinhos Rech, Ratinho, Val Barreto,Fabiano, Adriano Miranda,André, Cearense,Branco.Égua é gostar de repetir sofrimento. É ser muito masoquista. Os caras não aprendem.Tentam fazer maquiagens para enganar os pobres sofridos torcedores e os bobos acreditam…Te contar vêm mais anos de sofrimento pela frente. Eu choro !

    Curtir

  17. Po, Manoel…Teu papão tá com Paulo Rafael e um jogador com 18% de gordura e vens urubulinar o Fabiano Chuck Norris e o Ratinho? Hahahah

    Curtir

  18. Quer dizer que o leaozinho vai virar a filial do paragominas, que ano passado levou peia do PSC la na arena verde. Sobre as contratações eu estou enganado ou ano passado o vice do remo era o pirão, que trouxe a peso de ouro o RAMON, e agora que ele virou presidente é o todo poderoso, vai mudar o remo…que reestruturação é essa com o mesmo dirigente do passado, com os mesmos jogadores que um dia afundaram o time! Sei nao…

    Curtir

  19. Digo…evidenciei no comentário 19 ! Mas,esquecendo o vizinho.Vamos todos torcer hoje por uma vitória do grande Papão da Amazônia,afinal é o grande representante do Pará,na competição nacional !

    Curtir

  20. Manoel, confesso que gostava daquele tempo em que o torcedor paraense torcia pelos times paraenses. A rivalidade ficava só entre nós. Isso ocorria lá pela década de 70. Hoje, no entanto, são outros tempos. Traduzindo: dia de secar. rssss

    Abs

    Curtir

  21. Fique à vontade, Jorge. Aliás, via de regra, é das discordâncias que resultam as maiores evoluções das ideias, mesmo quando não se chega ao consenso.

    Mas, observe bem, que não obstante eu me refira a alguns jogadores específicos, meu ponto de vista vai além. Ele se hospeda no conceito defendido na coluna: novo remo.

    Com efeito, não se pode falar em novo Remo se as práticas antigas e mal sucedidas vão todas se reeditando, tudo sob o comando do mesmo mandatário, que mesmo quando era vice já comandava (e mal) o clube.

    Enfim, além do comando do futebol, o Charles reedita o Sinomar, que por sua vez reedita o Ratinho, o André, o Carlinhos Rech, todos de qualidade duvidosa e já próximos do final de carreira. Situação que reedita o Ramon, como já foi dito aqui por outro comentarista.

    E tudo isso sem esquecer a questão da evasão das rendas e do descontrole no estádio. Ora, jogo sem policiamento me parece que é indefensável.

    Estes são os fatos.

    No mais, tudo é opinião. E eu respeito, e muito, a sua opinião também, mesmo não compartilhando com alguns aspectos dela. Por exemplo, mesmo guardadas as proporções devidas, não encontro termo de comparação entre os vários times do Remo nestes últimos 5, 6 anos e os integrantes que você citou do escrete de 2002. Aliás, a natureza, o nível da competição e dos adversários, também afasta qualquer possibilidade de cotejo. Não obstante, de notar que alguns jogadores daquele elenco nunca mais voltaram ou voltariam à Seleção, tipo Serginho Chulapa, Renato Pé Murcho, dentre outros.

    Quanto ao André, na minha opinião ele jogou toda esta bola em 2012, tendo sido um dos responsáveis diretos pelo fracasso do Remo. Mas, ainda que tivesse jogado, isso aconteceu em 2012, quando ele já tinha alguma idade. E, agora, o Remo o recontratou para jogar em 2014, isto é, dois anos depois. Quer dizer: será possível chamar este time, este elenco de um novo Remo?

    Quanto ao Jonatham e ao Alex Juan, são excelentes jogadores e que não podem ser responsabilizados pelo infortúnio azulino, máxime porque sempre foram relegados pelos treinadores em prol dos “estrangeiros”, só sendo chamados depois de muita besteira feita por aqueles. No que respeita ao Val Barreto, acontece algo parecido, foi um dos mais produtivos do Remo na temporada, mas mesmo assim no mais das vezes era preterido em prol do Paulista e do Leandro Cearense e também não pode ser responsabilizado pelo fracasso.

    Agora, uma coisa muito importante: nada obstante minha opinião declinada acima, se não houver outro jeito, e eles forem mesmo os atletas com os quais o Remo terá de contar, vou torcer por eles. Abraço pra você também.

    Curtir

  22. Gostaria realmente entender o pq da midia esportiva e os torcedores do Remo, cantarem as 4 cantos que agora terão um novo remo…Ora, o cabeça ano passado e nos outros de insucesso foi insultado, quase apedrejado. Neste ano o remo sucumbiu para o paragominas na tentativa de ter uma divisão – novo fracasso – Mas quem estava a frente do futebol era o Zeca pirão que nunca chutou uma bola.

    Passado alguns meses esse mesmo pirão se torna presidente e tudo muda, agora ele é o cara! Esquecendo das suas trapalhadas que fez com que o remo esteja hj sem competição oficial mais uma vez, inclusive, esquecendo o caso Ramon, que ainda bm nao resultou em coisa pior.

    Hj parece que o remo tenta enfraquecer os adversarios para que consiga a sonhada vaga na famigerada serie D. Pois bm, mas com esse ” novo” remo de dirigentes iguais ao do passado recente? com jogadores marcados por fracassos? Que mal consegue organizar um amistoso com segurança? Com evasão de renda? Que novo Remo é este? Acho que a serie D pode até ser uma realidade, pois o paraense do ano que vem nao tem grandes expectativas, mas sair da serie D é preciso.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s