Tribuna do torcedor

Por Jair Neto (via Cássio de Andrade)

É, galera. O torcedor que ama o clube, aquele que lê-se e é conhecido como fanático por amigos, familiares e desconhecidos. Esse mesmo que ontem (domingo) foi para mais uma batalha de seu clube, apenas mais uma, pois este torcedor em todas está presente. Seja contra a seleção do vilarejo do final do mundo ou contra o Barcelona, não importa, o que vale é este estar vendo o azul marinho reluzir. E é assim, em mais um momento não tão bom que venho aqui expor uma imagem de ontem (domingo). Mais uma imagem que envolve a paixão. Sim, eu juro que tento não assim fazer, mas como? Depois de um dia, de uma semana, ou no próximo jogo já esquecemos, somos tão ingênuos, mas o que fazer? Se não apenas, viver!
A cena é de uma final de turno, valendo um título contra o seu maior rival. O título valia, porém mais valia ainda a presença tranquila na final do campeonato garantindo a disputa para a vaga na Série D e o resto do calendário para o ano. Mas no Remo as coisas não são fáceis, sempre quando o fácil aparece tudo se complica. O ponto nem é tanto é esse. O ponto foi ter presenciado a nossa insanidade aparente nos olhos de outrens, a loucura desta torcida, e desta loucura eu não quero ser jamais curado.
O jogo acaba, o título foge entre nossas mãos nos minutos finais, outra facada a seco tomamos. Porém, acreditamos até depois do fim… O motivo? Depois do último trilar de apito a torcida adversária resolve aparecer de maneira efetiva, pela primeira vez no dia. Já a do Remo, ao invés de fazer o que protocolo pede, contrariou. Ficou no estádio por alguns minutos e o principal: cantando. Tempo que o derrotado saiu de cabeça erguida e consciente de seu papel.
E vos falo , amigos, a torcida do Remo é uma das mais enjoadas e pés no chão do Brasil, não estamos satisfeitos com nada, reclamamos até do vento na hora do jogo, e sabemos ser realistas e auto-críticos até em demasia.
Mesmo assim, ontem o esforço dos jogadores ali foi reconhecido. Saímos derrotados mas com a esperança e sapiência que o Remo possui um time não bisonho como em outros anos. Vi alguns abalados, mas a maioria tranquila, por este motivo, por confiar no time, dar crédito a ele e ao treinador.
Isto já tinha me chamado a atenção. Porém teve uma cena que chamou mais. Quando termina o jogo nunca vou embora logo, espero coisa de 1, 2 horas, pra evitar sufoco, tumulto e por medida de segurança. Fico no estacionamento tomando umas e conversando sobre o jogo com a galera.
Neste intervalo, eis que surge o ônibus do Remo. O movimento ainda era grande, pois o bonde saiu um pouco cedo. O ônibus se aproxima e a galera que tava afastada começa a correr para a rua principal que ele passou. O momento ali era triste, perder um título é ruim e para o rival, então… Mas foram segundos de tristeza que logo deram lugar para o nosso amor, que ama o clube, que está à frente de tudo. E aí vieram os cânticos de ”Reeeemo”, ”dá-lhe Remo”, ”Remo tu és a minha vida” , e por aí vai. Vários torcedores mostrando a camisa para as janelas do ônibus, batendo no peito, rodando camisas. Como se o Remo tivesse saído campeão alguns outros seguiram o caminho do ônibus até a saída pra Augusto Montenegro.
E para os que se perguntam… Será que os jogadores veem aquilo? Eu digo que sim. Teve um vídeo da chegada do Corinthians filmado de dentro do ônibus deles, e dá pra ver tudo perfeito, jogadores emocionados, vibrando com a torcida. E hoje o Cabeça falou na clube justamente isso. Os jogadores viram a cena toda e alguns começaram a chorar.
É… O futebol hoje envolve muito mais o dinheiro e quase amor, mas não podemos esquecer que os caras são seres humanos. Eles viram que infelizmente erraram, porém trabalharam muito, não conseguiram, mas viram que seu esforços foram reconhecidos pela torcida e isso emociona muito, dignifica e mexe com o brio. É como vc ser confortado por amigos/familiares quando não passa em um vestibular, prova importante, entrevista de emprego e afins.
Eu confesso que nunca vi aquilo de a torcida aplaudir e seguir o ônibus depois do insucesso nestas situações. Já vi a torcida do Remo cantar em derrota no Re-Pa de 2 x 0. E outros também. Já vi a torcida do Remo aplaudir o time depois de acabar o jogo contra o Paraná, pela Copa JH. E meu pai conta que na década de 80/início de 90, quando o Remo perdia a torcida não arredava o pé também, aplaudia o time.
O motivo destas vezes aplaudirem? É isso, saber que o time pode render, que dá raça, sangue, suor, que tem vontade!
Então é por aí, não tem como deixar de amar esse clube. A vida segue, e como ontem, na hora que eu estava acompanhando o ônibus, também continuo com o mesmo sentimento agora: confiante! Sei que no final vai dar certo. Temos muita coisa pra ajeitar, mas esse ano percebemos que temos time, e não aglomerados de jogadores, somente. 

38 comentários em “Tribuna do torcedor

  1. Todos sabíamos que a falha estava no meio de campo, menos a diretoria que só contrata no desespero para dar satisfação a torcida. E ainda queriam trazer o listrado Tiago Potyguar. É muita incompetência. O que nos resta é torcer para que os contratados surpreendam. O Fenômeno fará a sua parte.

  2. A verdade verdadeira incontestável é que a torcida do remo não sabe mais o que fazer. está desesperada, numa sinuca de bico: ou apóia ou joga contra. acredita que a primeira opção seja a melhor para não permitir que o clube definhe de vez.

    Caso o remo fosse um time vitorioso nesses último cinco anos, nunquinha que os torcedores iriam para o baenão apoiar os jogadores que perderam um clássico que, na visão deles, já estava ganho. Iriam sim apedreja-los como já fizeram em tempos não muito remotos.

    Cuidado! Apoiar demais projetos fracassados pode se tornar perigoso. Pensem nisso caros rivais.

  3. Amigo, o que da impressão que essa coluna está destacando mais a derrota do Remo do que a conquista do turno pelo Papão, chego a pensar que a derrota leva ao topo…

  4. Parabéns Jair, você expressou de forma emocionante o sentimento do torcedor azulino neste momento de derrota. As lições do revés diante do rival, servirão como exemplo para que o time tenha o equilíbrio necessário, a tranqüilidade e a volta ao trilho da vitória. Nada está perdido Leão, estamos juntos torcida apaixonada.

  5. “…..Porém, acreditamos até depois do fim… O motivo? Depois do último trilar de apito a torcida adversária resolve aparecer de maneira efetiva, pela primeira vez no dia…”

    KAKAKAKAKAKAKA!.. ESSE CARA ME MATA DE RIR!!!

    UM VERDADEIRO PÂNDEGO!!

  6. Sofredor filósofo, poeta, ou como ele mesmo se denomina no texto, fanático, ingênuo e louco.
    Ano que vem outros estarão fazendo uso da blogosfera e redes sociais como muro das lamentações, disseminando na internet desabafos típicos de quem precisa de ajuda. Essa torcida é masoquista e sem vergonha, desculpem a sinceridade. E pelo andar da carruagem a coisa vai piorar se o Paysandu, verdadeiro motivo desse sofrimento, não cair pra C ou, imaginem, subir pra A.

  7. Achei tocante e espontâneo os dizeres do remista,mas é vida que segue. Perder faz parte do esporte,assim como ganhar.

  8. Diogo Papinha,

    Jogar contra é para os fracos, jogamos a favor sempre do Mais Querido. Essa é a diferença, enquanto na campanha da 3 divisão de 1999 (acho) vocês não iam para o estádio (300 pagantes de média), em 2005 fomos a maior média de público até hoje jamais igualada em todos os brasileiros de todas as divisões!

  9. Texto muito bonito e como diria o Tadeu Schimit, sabe o que isso significa?? NADA.. kkkkk chora quie faz bem

  10. Alguêm já viu um corno chorando?

    É melhor ve-lo chorar do que ve-lo partir pra violência.
    …………………………………………………………………………………………………..

    Me desculpe, o rival a cada ano fica mais pequeno com essas atitudes.

    E eu chooooooooooooooooooro!

    As vezes falo sério
    As vezes falo tirando sarro.
    Nem muito ao mar nem muito ao rochedo.

    Dessa vez eu tô falando sério.

    Fala sério meu time perde pro rival com as caras recebendo bicho em todo o jogo, levam um gol aos 42 minutos e eu ainda vou correr atrás do ônibus, te contar.

    As grandes torcidas do Brasil no meio da crise agem como já fez a Fiel, não passando a mão na cabeça, sem violência, mas com vergonha na cara.

    A imprensão que fica é que o desespero é tão grande que a torcida do vizinho aceita qualquer coisa, menos importunar os seus craques e o seu grande tecnico retranqueiro.

    Cada torcida tem o time que merece.

    Ei remistas, se vcs não reagirem, vcs vão ver a banda passar de novo.

  11. Balela! O time do rEMO não é tão ruim como o de anos anteriores, como disse o carinha acima, e por isso a torcida soube reconhecer alguma coisa. Se fosse o dos anos anteriores tinha vaiado como fez diversas vezes no intervalo da partida.

    Falam tanto nesse dito fenômeno, mas a própria carga de ingressos é de 10000. e NUNCA repetiram nem de perto a média daquele ano da série C!!

    É o verdadeiro sofrenômeno mesmo!!!

    CHORAAAA SOFREDOR!!! EU ACHO É POUCO!! HUAUHAHUAHUAUH

  12. Rogério,aguente as gozações,ora bolas !

    Teu time perdeu o primeiro turno,e ainda queres dar “bocão” ?!

    Se fosse o contrário,boa parte dos remistas estaria se esbaldando nos sarros e nas piadas sobre os bicolores.

    Em relação à torcida,com certeza ajuda e incentiva,mas se o time for uma ruindade,não adianta nada. No caso do Remo,em relação ao últimos anos,melhorou seu plantel,e pode ser campeão do segundo turno,sim,e até do campeonato,mas dentro de campo somente,e não com desculpas,muitas vezes,esfarrapadas de alguns torcedores sobre público ,paixão nunca vista e blá,blá,blá…

  13. Os papamerda tem é inveja do fenomeno azul….. esses bichos so torcem quando o time ta bem.. quando piora desaparecem todos!!!!! vou te conta viu…..

  14. Quero ver todo esse amor quinta-feira contra o Cuiagrana. Palpitômetro para o público, ou melhor, testemunhas: 1.500 sofredores. Isso se não chover. kkkkkkkkkkk

  15. “14. Adriano remoçada show | 05/03/2013 às 15:39

    Os papamerda tem é inveja do fenomeno azul….. esses bichos so torcem quando o time ta bem.. quando piora desaparecem todos!!!!! vou te conta viu….”

    _________________________________________
    __________________________________________

    CONTINHA RÁPIDA:

    PAPAMERDA=PAYSANDU

    PAYSANDU PAPOU O REMO.

    COMO PAPAMERDA=PAYSANDU,

    LOGO,

    REMO = MERDA!

    ALGUÉM CONFIRMA SE A MINHA LÓGICA TA CERTA??

    KAKAKAKAKA!!
    CHOOOOORA LEIÃO!!

  16. Alberto, perfeito seu raciocínio, o que se pode concluir é que todo torcedor do cachorro de peruca é bilé, pois come merda!

    RRamos

  17. Parabéns Jair por seu comentário. Tenho certeza que este ano de 2013 será o ano da retomada do nosso LEÃO.
    Quanto àqueles infelizes torcedores do Payssandu que usam o espaço para achincalhar, demonstrando falta de educação e de desportividade, mando o recado: 3 RExPA – Quase 3 Milhõe$ de Renda, deixando para cada time perto de 1 Milhão. Isso representa muito mais que o resultado obtido por ambos os times no campeonato de 2012, e ainda temos todo o segundo turno pela frente. Azulinhos e bicolores deveriam trabalhar isso sim, para que ambos fossem fortes, pois assim poderíamos voltar a ser destaque no cenário nacional.

  18. Estamos acompanhando um campeonato regional como há muito tempo não víamos os dois grandes da capital tão equivalentes assim.
    Os números confirmam, em três jogos realizados tivemos uma vitória para cada lado, o mesmo placar, e um empate. A vitória bicolor teve um sabor a mais pois valia o título!
    Certamente, assim como o Paysandú ao perder o primeiro clássico para o rival ele se aperfeiçoou mais, corrigindo os erros latentes de sua equipe, o clube azulino irá tirar suas conclusões e lições deste tropeço.
    O título do primeiro turno trás ao ambiente da Curuzú uma certa tranquilidade o que não significa morozidade, achar que já está tudo ganho, para a disputa do returno.
    Para o time da Antônio Baena não vou dizer juntar os cacos porque o time perdeu de pé, lutando até o fim. Mas reagrupar e focar na conquista do segundo turno para não ter mais um ano de frustração da sua imensa torcida e consequentemente um enorme prejuízo para o futebol do Pará.
    Não estou menosprezando os demais concorrente, mas apenas lamentando muito se o time de Periçá ficar de fora do brasileiro já que os demais não têm um grande número de seguidores!
    Sou bicolor de coração, mas sou paraense. Sou adversário do clube azulino sim, contudo queria que pudéssemos ter os titãs elavancando o tão esquecido futebol paraense no meio nacional
    O time azulino tem condições neste returno de dar a volta por cima e quiçá um dérbi decidindo o parazão!
    Isto seria uma maravilha, o Mangueirão repleto de torcedores colorindo meio a meio azul celeste e azul marinho!
    Até hoje me pergunto qual a capacidade real do estádio Jornalista Edgar Proença?
    Garanto que se fosse 70 mil, chegaríamos perto desta marca num clássico encerrando o parazão 2013!

  19. Luiz, torço para que dê PA-Re nas finais do turno e que o PSC vença e assim possa logo cuidar da série-B. E espero que o CR possa conquistar a série-D.

  20. Kkkkkkkkkkk….

    Esse cara tem o quê? 5 anos de idade é?

    Que texto mais infantil!!!!

    Fiquei admirado do Colunista ter publicado um lixo desse.

    Rapaz, futebol é um esporte e pronto, não dece ser visto de forma distorcida, como algo que supere o nosso entendimento. E como um time de futebol, o Clube do Remo não representa NADA faz tempo, talvez por ter torcedores como esse maluco que escreveu essa joça!!!!

  21. pior é o outro torcedos do paysandu colar e publicar esse comentario 16 , que não deveria ser publicado. é pura besteira, fala serio. coisa de criança e com muito nome.

    cade á moderação?

  22. 28. adriano | 05/03/2013 às 23:49

    pior é o outro torcedos do paysandu colar e publicar esse comentario 16 , que não deveria ser publicado. é pura besteira, fala serio. coisa de criança e com muito nome.
    cade á moderação?

    ___________________
    _______________________

    A Moderação tá torcendo pelo Papão!!…rsrsr!

  23. O discurso desse rapaz é o típico discurso do torcedor de time menor que consegue jogar de igual pra igual com um time grande. Fica todo triste mais feliz pq perdeu de cabeça erguida.
    Seria a mesma sensação se vissemos o papão perder a final da copa do brasil para o São Paulo, ou o Corintians, com um gol aos 42 do 2º tempo.
    Teriamos a mesma sensação de que perdemos de cabeça erguida jogando de igual pra igual com um time com muito mais estrutura que o nosso, e iriamos aplaudir nossos jogadores tratando-os como devotados guerreiros.
    Nesse caso, o sentimento do remista aí so comprova que eles sabem que
    o papão é um time maior que o deles, com melhor infra, melhores jogadores e que está disputando a série B do campeonato brasileiro.

    Se eles tivessem perdido a final para o cametá ou para o PFC, vcs acham que eles iriam aplaudir os jogadores do remo?
    claro que não.

    Por isso eu acho que esse chororô todo da torcida do remo, com ares de heroísmo e amor desmedido, é na verdade uma confissão do que se percebe a algum tempo no pará:

    O papão é hj o grande time do norte. a equipe a ser batida e perder pro papão, lutando, é uma grande vitória.

  24. Na boa, os torcedores do PSC do blog deveriam postar em assuntos de seus interesses. É uma falta de respeito com um texto de alguém que, jovem ainda, ama seu clube. Não sou chegado a seu teor, mas entendo seu sentimento. Torcedores respeitosos como Daniel Malcher e Miguel, parecem raridades entre os torcedores do PSC aqui. O resto é puro achincalhe e idade mental da puberdade. Agem como as falanges. Também não gosto de algumas postagens do Adriano, do Rocildo e de outros torcedores remistas que às vezes excedem na zoação, mas eles nunca foram desrespeitosos. Alberto, Acácio, Jairo e outros parecem estar passando dos limites. Ora, se o time que torcem é tão superior assim, então respeitem os que pensam diferente, pois está parecendo complexo de inferioridade e a história recente do PSC não permite esse tipo de coisa. Agem como as torcidas organizadas que tanto criticam. se não sabem o que o que é violência simbólica, vão ler alguma coisa sobre isso. Recomendo Bourdieu.

    1. Concordo. Bom senso, equilíbrio e espírito esportivo são artigos raros por aqui, infelizmente, amigo Cássio.

  25. Cassio o assunto é colocado pra debate ou pra enfeitar o Blog?

    Se for a 1° opção, uns vão concordar e outros discordar.

    As gozações serão naturais.

    Outra coisa, times grandes, são grandes porque não aceitam serem pequenos.

    O Remo só ainda não fechou as portas, por causa da Imprensa, de sua imensa torcida e a rivalidade com o papão é o alimento disso.

    Times grandes tem torcidas fanaticas, impacientes, pois querem ver sempre sua paixão no topo. Que diga o Fluminense, sua torcida chamando o Abelão de BURRO.

    Ora só porque foram campeões vão carregar no colo o tecnico pro resto da vida.

    A carta do rapaz carregada de emoção é bonita, até comove, mas como diz aquela musica deixa o time mal acostumado, não pra vencer, mas pra perder.

    Enfim, vamos ver amanhã no mangueirão se esta carta vai ter desdobramentos. O resultado que se espera depois disso é uma goleáda sonora.

    Agora Cassio se o teu Remo perder ou empatar amanhã, todo esse “amor” vai virar ódio.

  26. Desculpa Cassio de Andrade, mas mas dizer que a torcida bicolor deve postar comentários so do interesse do Paysandu não convém aqui porque segundo a doutrina do próprio dono do BLOG, escriba Gerson Nogueira, o BLOG é livre para ás gozações, sem exagero e ofensas e as postagens são livres para comentários de todos que aqui frequentam, principalmente. Então quando o alguém posta algum comentário ou coluna aqui, deve saber que será alvo de analise e comentários diversos onde poderá soar a favor ou contra. E por isso o cara não deve postar asneiras ou coisas infundadas para não ser criticado na analise. Dessa forma sobre a coluna polemica desse jair neto, Digo é muito fácil chegar aqui e dizer que o meu clube é o mais querido do mundo, maior do mundo, melhor do mundo pois perdeu um titulo e eu aplaudi assim mesmo dizendo que ninguem nunca fez isso, estou puxando braza para minha sardinha da forma mais facil que posso. Porem isso muitas vezes ou quase sempre isso não passa de uma frustração, angustia avassaladora de pessoas após sucessivos, terriveis, demorados fracassos a exemplo do time de azul, que não ganha nada ha muitos anos, despencou no ranking, hoje é a quarta força no Pará. talvez esse jair neto nem vá a campo. mas fazer essa manifestação aqui no blog ele pode e é normal até, no momento que não consigo ver dentro de campo meu time time correnpondendo. Para ser mais claro é semelhante aquele pessoal do remorto que coloca uma bandeira perto da cabine da clube em jogos da seleção la fora para aparecer e no outro dia muito remista comentando com maior exaltação : ” o Pessoal listrado tá com inveja porque a bandeira do remo apareceu até no jogo da seleção” rsrs. Ou seja os caras cometam asneiras e ainda envolve os bicolores. Inveja de bandeira de time é demais rsrsr.

  27. Aliás o todo poderoso barcelona do melhor jogador do mundo, o Messi, acaba provando isso. Bastou perder umazinha pro Real para que seus torcedores atirassem um sinalizador em direção a turma do Real.

    Eles nsó sabem ganhar, não sabem perder.

    Estão errados e muito errados. Agora explica isso pra eles.

  28. Cássio de Andrade, há desvaneio tanto de bicolores quanto de remistas,mas vejo,em sua imensa maioria,neste blog,que há respeito entre os participantes e comentaristas.

    Educação e bons preceitos não herdam-se através de leituras,livros,publicações de intelectuais ou outros artifícios que sejam,mas adquiridas através de berço,de orientação familiar,e do caráter advindo de cada pessoa,independente de classe e do meio social em que possa estar inserida.

    O espaço é livre e opiniões divergentes sempre existirão,agora,se desaprovas,tens pleno e exímio direitos,como qulaquer outra pessoa,mas só digo que não és o dono da verdade e tampouco minha pessoa é também,mas respeite as opiniões contrárias,por mais que discordes ou ignores,simplesmente.

    Gozação faz parte. Dentro de um limite respeitoso,é claro.

  29. O desabafo do rapaz que sofre tava lá no fb, onde até seus amigos bicolores devem ter zoado. Não é aqui q não vai ter encarnação.

Deixe uma resposta