Façanhas de um proletário do rock

Em plena e festejada turnê para divulgar o disco “Wrecking ball”, Bruce Springsteen não se cansa de quebrar seus próprios recordes. O “Boss”, que recentemente fez o show mais longo de sua carreira, tocando por três horas e 48 minutos em Madri, na Espanha, voltou a se superar nesta terça-feira. O show ao lado da E Street Band em Helsinki, na Finlândia, durou quatro horas e seis minutos. Não é mole, não. (Foto: AP)

Deixe uma resposta