19 comentários em “Perguntinha do dia

  1. De minha parte, desde que a dupla RE/pa possa apresentar os principais contratados com o mínimo de condicionamento e efetivamente disputando uma partida competitiva, acho válido. Do contrário, melhor aguardar as competições, pois assistir jogadores que já conhecemos e/ou se os recém-contratados se poupando, não me parece um bom programa, principalmente num clássico desta categoria.

  2. Seria interessante.

    O Fortaleza fez um amistoso ontem com o Horizonte levou logo de 3.

    Não querendo comparar, mais já identifica possíveis defeitos no time.

  3. Não! Melhor é o Remo oferecer a revanche ao Sãaaaaaaaaaa Paaaaaaaaaaaaaaaaaaulo e o Paysandu continuar treinando o Time negra pra segundinha, te dizer!

    É como sempre diz o Claudio Guimarães: ” Paysandu e remo são dois bois que não sabem a força que tem “.

    Sem irônias é obvio que é os dois deveriam fazer um amistoso.

    O próprio torcedor sádio e não o fanático vai compreênder que independente do resultado, o melhor será o benéficio que este jogo trar, tanto nos aspectos tecnico, como financeiro.

    Além de mostrar que o jogo tem um caratér amistoso, dando aos tecnicos a possibilidade de fazer entre 5 ou 6 alterações, o jogo pode ser denominado como clássico da Paz nos Estádios, cobrando além do ingresso 1Kg de alimento não perecivel e assim ajudar uma instiutição de caridade.

    O maior defeito do medroso é a falta coragem.

  4. Na minha opinião, é melhor aguardar o inicio desta famigerada série C, quando?

  5. Não vejo problemas, melhor escancarar logo os problemas do que enfrenta-los dentro da competição. Os dois times estão precisando de um teste e um clássico daria condições de disputa com atmosfera de jogo valendo 3 pontos. Sou a favor.

  6. Eu concordo, ambos precisam de caixa para saldar a folha salarial de seus atletas e além de tudo precisa jogar para pegar ritmo de jogo, uma vez que treino é uma coisa e ritmo só se pega atuando.
    “O risco maior é quando não se faz nada”, pois nunca se saberá se tem êxito

  7. Sou contra. O Remo não pode servir de baliza e parâmetro para o Paysandu pois está em uma divisão onde o futebol é deveras inferior ao da Série C. O Paysandu, por outro lado, não pode servir de baliza ao Remo pois está em formação. Logo, um resultado positivo para um ou para outro pode criar falsas expectativas e, no caso de um revés para um dos lados, avaliações de cunho negativo precipitadas e açodadas.

  8. Prezados, se for pelo lado da preparação até acho que seria uma boa, mas se visar apenas o lado financeiro, é prejuízo na certa. Foi-se a época em que amistoso enchia estádio. Hoje o torcedor está saturado de tantos jogos pela televisão que só vai ao estádio quando vale três pontos e olhe lá.

  9. Segundo o reportér da Clube na CBF, se o caso for pro STF, pode ficar até 90 dias parado o campeonato, aí eu quero ver nego querendo fazer Re-Pa de qualquer jeito.

    É claro que eu acho que isso não vai acontecer.

    Agora amigo Claudio o Remo preferir jogar com seu maior inimigo nesse ano, e não com o Paysandu, te dizer, haja frouxura dos dois lados.

  10. Segundo o Roberval Davino ontem, no Bola na Torre, se disse favorável a realização do RE-PA, desde que seja de maneira amistosa, apenas para arrecadar grana para fazer o pagamento de ambos os planteis. Acho bem justa a justificativa dele, ate consegui compreende-lo, no que diz respeito a montagem do elenco para as disputas da terceirona.

  11. O jogador André Mensalão, conseguiu seu atestado liberatório na justiça e está livre para acertar com qualquer clube! O mesmo já foi objeto de consumo do aLOPrado, mais como estava envolvido nesse impasse na justiça a coisa esfriou, ainda mais, pelo fato do R. Davino já ter dito que o grupo está praticamente fechado para as disputas da terceirona. Mais penso que isso e mentira, segundo fala-se e inclusive foi comentado no bola na torre, de que o Paysandu estaria correndo atrás de um jogador bastante conhecido do futebol brasileiro, para vestir a camisa bicolor nesta terceirona.
    Mais pergunto aos demais participantes daqui do blogue, qual seria a melhor saída! Contratar um jogador rodado e experiente, ou trazer o André Mensalão por exemplo? Que e um jogador jovem mais de qualidades comprovadas, além de ser bem mais barato do que o tal jogador especulado?

  12. A CBF informa que vai aguardar os imbóglios se esgotarem na justiça para só então decidir o que fazer. Ora, conhecemos a justiça brasileira. Essas broncas vão levar anos e anos rolando entre as várias instâncias da nossa justiça. Se não houver um acordo, não teremos série C nem D!

  13. Chega de ficar inventando jogo a qualquer aperto nas finanças. isso acaba jogando o clássico numa vala comum. sejamos mais criativos!

  14. É mais negócio jogar contra o Paysandu do que contra o Águia. Além do apelo de público, tem a questão de o Águia ter feito apenas alterações pontuais no elenco, sendo um time melhor e mais azeitado do que Remo e Paysandu, que são dois times que estão em reformulação. Deixa o medo dos técnicos pra lá.

  15. Penso que poderia ser assim:
    no primeiro tempo os times jogam com os titulares e no segundo tempo fica para os treinadores testarem os reservas.

    independente do resultado penso que seria bom para os dois times colocarem o grupo pra jogar.
    o problema é que um amistoso não é garantia de público e o jogo pode até dar prejuízo.

Deixe uma resposta