Coluna: A esperança se renova

Alguém precisa avisar urgentemente aos dirigentes de Remo e Paissandu que 2012 não vai ser igual a este ano que está terminando. Pelo menos no que diz respeito a calendário. O campeonato estadual começa mais cedo (18 de janeiro) e praticamente emenda direto com o Brasileiro das Séries C e D. Esse detalhe provocará mudança significativa na preparação e montagem das equipes para a próxima temporada.
O grande diferencial é que, ao contrário do que acontece há quase uma década, os clubes não poderão mais promover o tradicional desmanche que se segue ao Parazão. Como se sabe, todos os anos, no final de abril ou começo de maio, Baenão e Curuzu são palcos de autênticas vassouradas, com a saída dos jogadores contratados exclusivamente para o campeonato e que – como é habitual – não caíram no gosto dos torcedores.
Nas semanas seguintes, os clubes começam a receber novas legiões de “reforços”, quase sempre entre 10 e 20 atletas, dependendo do grau de decepção da torcida no torneio recém-findo e a capacidade de convencimento e lábia dos técnicos, também novos.
Em 2012, para desalento de muita gente, esse procedimento terá que ser revisto. O grupo que se formar para a disputa do campeonato terá que ser mantido para as competições nacionais. Com isso, os contratos precisarão ser mais longos, o que implica na necessidade de maior esmero na escolha de técnicos e jogadores.
Assim meio sem querer, as modificações impostas pela CBF representam a chance de uma autêntica revolução, pois os dirigentes da velha dupla paraense se acostumaram a contratar a rodo em dezembro e janeiro, como se não houvesse amanhã, fiando-se nos contratos de curta duração.
Qualquer indicação era logo acatada e até imagens precárias tiradas do YouTube serviram para avalizar acertos com boleiros de origem desconhecida e futebol obscuro, como o já folclórico meia argentino Martín Cortez, que faturou uma nota preta para atuar 45 minutos com a camisa do Paissandu no Parazão do ano passado.
Desta vez, quem errar no primeiro tiro dificilmente terá a oportunidade de corrigir a lambança depois do certame regional. Com essa espada sobre a cabeça talvez os clubes se emendem e usem critérios mais racionais para reforçar suas equipes. É a esperança que surge, embora não se duvidar da vocação perdulária dos nossos cartolas.   
    
 
Apesar disso, o Paissandu retarda a definição do novo treinador, o que encurta o tempo para procurar jogadores para recompor o time após o fiasco na Série C. Para quem acompanhou a fugaz passagem de Andrade pela Curuzu soa esquisita a insistência em esperar pelo técnico. Com salários acima de R$ 50 mil, é improvável que ele aceite uma oferta mais modesta para trabalhar no Parazão. Tem contra si, ainda, a avaliação de parte da diretoria, que o considera pacífico demais, paizão dos atletas.
Vejo a coisa sob outro prisma: Andrade é um bom comandante de equipes tecnicamente fortes (como o Flamengo de 2009), que precisem de paz interna para seguir em frente. Para estruturar um grupo, não é o nome mais indicado. Enquanto isso, Luiz Carlos Barbieri, que teve rápida e incompreendida passagem por aqui, volta a ser lembrado, juntamente com os caseiros Samuel Cândido e Charles.
 
 
Tiago Potiguar, como noticiado aqui logo depois da derrota em Goianinha, parece mesmo fora dos planos do Paissandu para 2012. Circulou com insistência a notícia, ontem, de que teria sido negociado com um clube do Nordeste – América ou ABC de Natal. O valor mencionado (R$ 800 mil), porém, indica que o destino pode ser mesmo o Sul do país.
 
 
Para que a gestão de Sérgio Cabeça não encerre o ano sem um título no futebol, a garotada do sub-20 remista levantou a taça do certame estadual com categórica vitória sobre o Castanhal. Além das boas atuações de Betinho, Jaime e Christian, chamou atenção no Mangueirão a expressiva presença de torcedores azulinos, incentivando o time. A carência de conquistas, por vezes, pode ser um combustível emocional poderoso.

(Coluna publicada na edição do Bola/DIÁRIO desta quarta-feira, 30)

11 comentários em “Coluna: A esperança se renova

  1. ” A carência de conquistas, por vezes, pode ser um combustível emocional poderoso”.

    Finalmente desvendaram o combustível do “fenômeno” azul.

    Curtir

  2. Estamos “funerados” com essa mentalidade dos dirigentes da terrinha. MEXAM-SE…..Assim a torcida não comparecerá a esses jogos dignos de grandes “espetáculos” com essas perebas que quando vem pra cá é pra “recondicionar” nunca é pra entrar jogando.

    Curtir

  3. Pessoal eu já estou cansado de ver tantas besteiras feitas pelos dirigentes dos nossos maiores clubes do estado, onde acaba o ano e começa um novo ano, mais os desmandos e burrices continuam sempre da mesma forma.
    Sinceramente, é dificil de aceitar coisas desse tipo! Temos de deixar um pouco a rivalidade de lado (falo isso aos remistas) e descobrir alguma formula de contribuir, para que possamos contribuir com os nossos amados clubes.

    – Vejam uma coisa, todo o ano e a mesma coisa. Quando o clube não alcança os objetivos traçados como meta, os presidentes de Remo e PSC quando não conseguem seus objetivos, mandam embora todos os jogadores, sem que vejam os que mais se destacaram ao longo da temporada.
    Ai no ano seguinte, começam a temporada com os jogadores da terra e, chamam os jogadores da base para compor o elenco, falando que os mesmos serão aproveitados, mais isso não passa de balão de ensaio sempre. Apenas alguns conseguem alguma chance, à maioria fica a ver navios e acaba dando com os burros n’água.

    Te dizer!

    Curtir

  4. Estava eu, assistido a um programa de esportes de tv fechada. O assunto abordado era o processo de reorganização adotado pelo Figueirense de Santa Catarina, isso porque o mesmo vem realizando otima campanha na primeirona, sem dispor de jogadores de nível de seleção brasileira, apenas com o processo certo de garimpagem de novos talentos, onde sua divisão de base funciona de forma correta, é hoje so vem colhendo os frutos do otimo trabalho.
    O clube e tão profissional, que importa profissionais com experiências em gerenciamento de clubes. Lá existe um profissional que fez parte do processo organizacional do Palmeiras, nos tempos da Parmalat, o profissional juntamente com sua equipe, está conseguindo fazer um grande trabalho, coisa de dar inveja a qualquer clube grande, como (Flamengo, Botafogo, Fluminense, Vasco, Paysandu e Remo) Te dizer, agora depender de profissionais como – aLOPrado, Louro, Minowa, Sérgio Cabeça, que doses homeopáticas.

    Curtir

  5. Seminário da ACLEP (no Sagres) veio de Sta. Catarina (Figueirense) o palestrante que revelou-nos o que fizeram para tirar o clube do atoleiro. Os remédio foram amargos mas salvaram o Figueira como clube e o futebol como consequencia.
    Pergunto, todos topam deixar as veleidades de lado e não mais sonharr com o impossivel a médio prazo? Se isso acontecer serei um cronista-paraense realizado.

    Curtir

  6. Repito o que sempre digo e aproveito as palavras do blogueiro-roqueiro ,bem colocadas.Sem planejamento não vai.LOP não se planejava nem quando havia tempo quanto mais agora.Invés de ficar especulando tem que contratar logo, concordo com o amigo Columbia (dr.Alonso diz que mandou abraços via twitter para vc ) no quesito se é para trazer um de fora tal qual os que já vieram que efetive logo um local e lhe dê tempo para trabalhar.
    Como costumo dizer temos que dar sempre oportunidades para as pessoas se redimirem.Quem é inteligente se renova, se prepara, se qualifica e mostra seu valor.Quem não se emenda insiste nos erros, como nosso sobrenatural de muitos nomes (desde reis à palavrões) do blogue que insiste em ser sobrenatural .Acho que o Paissandu tem que dar essa chance ao Charles e logo.Ou trazer logo um figurão , mas com tempo para formar o elenco.Boa noite amigos .Fiquem com Jesus.

    Curtir

  7. Rssrsrsrsrrsrsrsrsr amigo Berli nada tenho contra sua pessoa , apenas cito esse seu comportamento estranho , já confesso e revelado por voce aqui.Vc sim volta e meia me ofende e não quer que eu responda ?Quanto ao desconforto que pode passar é vc , já que eu nunca lhe ofendi .Vc sim ofende minha honra de pessoa e pastor ,está gravado , impresso e nas mãos de uma dvogado , mas eu não quero resolver assim , prefiro INSISTIR na tese de que voce precisa é de ajuda , para se encontrar.Minhas respostas são para que vc se ENCONTRE E JESUS faça uma obra em sua vida.
    Continuarei orando por vc e citando seu nome enquanto vc citar o meu.Caso vc se resguarde de me citar de forma sempre ofensiva e fique quieto com suas manias eu não lhe dirigirei a palavra.
    Mas insisto que sempre oro por vc e todos do blogue.Não guardo rancor, creio na recuperação do HOMEM, do ser humano, e creio em novas oportunidades para todo mundo , inclusive já o defendi aqui nesse espaço.Nunca fiz nada pra vc e vc iniciou uma perseguição à minha pessoa sem motivos , acho que é porque sou pastor, o que lhe traria mais que desconforto se provado for..Se não me respeita como amigo que não somos e nem como comentarista do blogue , me respeite como pessoa.Aliás devo alertá-lo de que a Bíblia versa sobre isso.Se acredita na Biblia e em DEUS , reveja seus conceitos e não cite mais meu nome.
    Minha intenção é participar , opinar civilizadamente e fazer amigos .Bem ao contrário de vc e seus clones que tanto empobrecem o espaço ao ponto de ver retirado seus comentários.Já parou pra pensar o quanto vc faz um papel nulo aqui? Creio que vc Berlli deveria se desculpar , mais uma vez , pedir desculpas ao jornasita Gerson nogueira , homem inteligente e qualificado, de caráter probo e de novo prometer postar com a maturidade de quem é adulto e equilibrado.Tenho certeza que ele lhe dará mais uma chance.Que Jesus lhe visite e lhe proporcione a PAZ que tanto precisa .

    Curtir

  8. Como não foi publicado ainda e embora não contenha ofensas nem linguagens baratas , repito que quem iniciou perseguição a mim foi vc sr.TDI.Nunca postei ofendendo sua pessoa , pelo contrário.Lhe defendi aqui pedindo inclusive que o blogueiro lhe desse nova oportunidade.Infelizmente vc posta e tenta me depreciar, ofende minha profissão de fé, desonra-me com palavras e sempre relevo aqui, inclsuive está gravado e eu imprimi com meu advogado todas as suas psotagens em que vc fere minha honra.Gozação é uma coisa , ferir a honra é outra coisa.E está tipificado.
    Mas quero apenas lhe pedir que ESQUEÇA que eu existo , continue exercendo seu papel nulo e tolo nesse espaço, sem citar meu nome.
    Eu apenas me defendo e mesmo sendo um pastor educado, civilizado irei me defender dentro do ordenamento juridico e da ética.Na verdade tenho pena de vc ,Oro por vc .
    Vc já parou pra pensar e analisar o que vc faz aqui nesse blogue?Por que não pede desculpas , em um texto bem redigido como vc faz de vez em quando, peça desculpas a todos aqui e ao blogueiro baionense, homem digno , probo e de caráter incontestável.
    Tenho certeza que se vc voltar a postar com maturidade , com identificação, idoneidade e seriedade vai ser bem recebido pelos colegas virtuais.SOMOS frequentadores do melhor blog do Pará e desrespeitá-lo como vc faz é um acinte ao jornlista baionense tão bem intencionado e democrático.
    Oro pra que vc assimile , mais uma vez minha mensagem.É melhor do que postar com codinomes sendo olimpicamente ignorado.Volte a pensar nisso.Da outra vez vc postou prometendo , mas o ser humano NÃO é feito de palavras nemde intenções é feito de ATOS, como costumo dizer nas igrejas.Caso não concorde com minhas palavras , então pare de citar meu nome ofendendo minha profissão de fé(pastor)o desconforto seria terrivel pra vc , haja vista que há artigos e artigos que me amparam como AUTORIDADE ECLESIÁSTICA. Espero mesmo é que vc se encontre e tenha PAZ de espeirito que JESUS lhe visite e faça uma mudança radical em sua vida.De coração e sem ofensas ou ressentimentos.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s