Coluna: Não podia acabar bem

O jogo foi igual a tantos outros do Paissandu no campeonato deste ano. A diferença é que confirmou uma espécie de maldição. O clube está condenado a ficar na Série C pelo sexto ano consecutivo. No estádio de Goianinha, ontem, velhos pecados se manifestaram, como a coroar todas as lambanças praticadas ao longo da campanha.
Nenhum sinal de organização tática, defesa cambaleante, meio-de-campo pouco criativo e ausência de agressividade nas ações de área. O engraçado é que, apesar de todos esses problemas, o Paissandu podia estar a essa altura festejando a classificação. Desfrutou de circunstâncias favoráveis, mas não soube aproveitar.
O América foi senhor absoluto no primeiro tempo. Um cochilo da defesa permitiu que marcasse logo aos 9 minutos. Depois disso, ocupou bem os espaços, marcou em cima e continuou resoluto no ataque, chegando ao segundo gol antes dos 30 minutos em contragolpe fulminante. Como é quase praga em escores de 2 a 0, o time se encolheu na etapa final.
Assustou-se visivelmente depois da tosca falha do goleiro, que presenteou Rafael Oliveira com uma saída em falso. Foi o momento mais favorável ao Paissandu. O América cedeu espaços na meia cancha e quase desistiu do ataque. Lá pelos 30 minutos, o técnico Flávio Araújo ainda tirou o criativo Mazinho e lançou o volante Fabinho, dando toda a pinta de que queria se fechar para garantir o placar.


Só escapou de tomar o gol de empate porque o confuso setor de criação do Paissandu não sabia o que fazer com a bola. Aliás, ao longo dos 90 minutos, o ataque chutou cinco bolas em direção ao gol de Fabiano, duas delas para fora.
Toda a pressão vista no segundo tempo se limitou a cruzamentos sem direção, destinados a consagrar o trio de beques do América. Rafael Oliveira e Héliton pareciam acometidos de bloqueio para chutar. Pode-se dizer que a bola do acesso esteve com Potiguar aos 41 minutos, mas ele cruzou toscamente nos pés de um zagueiro.  
O pênalti, cometido por Vânderson e desperdiçado por Vanderlei, ainda podia ter funcionado como último impulso para a reação, mas o Paissandu continuou lento e atrapalhado. Os jogadores até corriam, mas não era o bastante. Sobrou disposição, mas faltou talento. O América, mesmo sem brilho, mereceu mais. 


 
Ainda em Goianinha, o presidente do Paissandu tratou de eleger um culpado pela campanha desastrosa. Para Luiz Omar, o vilão da hora é o técnico Roberto Fernandes, que “indicou jogadores caros para formação do elenco”. Mais ou menos como aconteceu em 2009, com os atletas acusados de corpo, e em 2010, com o ex-capitão Sandro. Pelo visto, LOP acha que o presidente nada tem a ver com o terceiro fiasco de sua gestão.
 
 
Torcedores, conselheiros e beneméritos da Tuna reagiram com irritação à decisão do presidente Fabiano Bastos de ceder as instalações do clube para comício dos grupos que defendem a divisão do Pará, no último sábado. Os associados, ligados à colônia portuguesa, alegam que os estatutos proíbem manifestações de cunho político-partidário dentro das dependências da Cruz de Malta. 

 
 
Os minutos jogados ontem em Goianinha podem ter sido os últimos de Tiago Potiguar com a camisa alviceleste. Desgostosa com sua queda de rendimento, a diretoria já negocia a transferência para o Atlético-PR. (Fotos: MÁRIO QUADROS/Bola)

(Coluna publicada na edição do Bola/DIÁRIO desta segunda-feira, 21)

40 comentários em “Coluna: Não podia acabar bem

  1. Neste ano o Paysandu cometeu as mesmas falhas nos momentos decisivos.

    – Na Copa do Brasil, em um jogo muito parecido com o de ontem, conseguiu ser eliminado pelo Bahia, que estava pedindo para perder o jogo. Sofreu dois gols, marcou um. Tinha o empate nas mãos, era melhor, mas não teve forças. Foi quase um replay.

    – No Parazão, perdeu o título para o Independente. Depois de estar perdendo por 3 a 1, conseguiu o empate nos estertores, mas foi derrotado nos pênaltis.

    – Ontem, foi o que se viu.

    O padrão é sempre o mesmo. Uma equipe que sempre sai perdendo, consegue equilibrar o jogo, mas acaba eliminada. Parece proposital, como um protesto dos jogadores pelo eterno atraso salarial. Mostram garra apenas em certos momentos da partida, têm lampejos, porém falham nos momentos decisivos, deixando sempre a impressão de que não queriam ganhar.

    Curtir

  2. Mais um ano p/ ser esquecido, será que perceberam que Remo e Paysandú precisam de reformulação completa? Enguanto times, outrora desconhecidos, estão voando, outros de tradição se modernizando, os nossos regridem de tal forma que é difícil ver a luz, talvez não tenham pago a conta da Celpa.

    Curtir

  3. Acho imprecionante como a maioria da nação bicolor acreditou ainda nessa diretoria amadora que o nosso Papão tem atualmente. Sempre postei aqui meu repudio de foraaaa…LOP !!! Na minha humilde opinião sempre achei que esse presidente é uma vergonha. O Papão não merece está em mãos de um amador que nunca teve na vida, experiencia em admistração humana e muito menos em admistração de empresa. É muito triste pra todos nos que amamos esse gigante do norte, que tantas alegrias e orgulho nos proporcionou no passado não muito distante..esteja agora patinhando na serie C do Brasil por 5 anos…estou a muitos anos fora do país…e mas,, todos os dias eu acompanho as noticias pelo diario do Pará virtual e pela Radio clube do Pará…e ainda vejo jogos do Papão pela Tv cultura os jogos do Papão…tudo isso aqui do Japão. Por isso sofro igual a vcs…é duro…te contar…

    Curtir

  4. Penso Gerson e amigos, que as atitudes iniciais dos dirigentes, agora, depois dessa derrota, vão dizer, se o Paysandu continuará o mesmo, ou caminhará para um 2012, de sucesso.
    – Vale ressaltar que, a série B, em 2012, começará em Maio e, uma semana após o Paraense.
    1- Se o Paysandu for fazer o que parte da mídia sempre pede e, ontem ouvi isso numa rádio, ou seja: Trás um técnico local, forma uma espinha dorsal(perceberam que todo dirigente incompetente, e outros, adoram falar isso?) com a base e os pratas da casa = Fracasso, de novo;
    2- se, contratar um bom técnico e, deixar ele montar a equipe, usando o Regional para entrar já formado na série C e, ajustar a parte administrativa = Acesso garantido à série B, em 2012.
    – É só escolher.
    -É a minha opinião.

    Curtir

  5. “Não podia acabar bem” ou “Crônica de uma morte anunciada”.
    Que saudades do tempo do Papão aguerrido. Lembro que na série “A” perdera inúmeros pontos no Tapetão, mas não caiu! Época de orgulho da raça bicolor. Chamem o Síndico!

    Curtir

  6. É triste ver tamanha incompetência de todos, sim de todos mesmo, dos torcedores que aceitam de forma passiva todo esse vexame imposto ao nosso amado clube, a imprensa que insiste em colocar jogadores perebas como quase deuses ( robinho,fábio,daniel ) não percebem que esses caras jogam muito em time pequeno, quando colocam a camisa bicolor tremem e muito, isso já ocorreu dezenas de vezes com marçal,soares,joãozinho,lê,michel,rico etc…só por que é papa-chibé (e alguns nem são), não quer dizer que são a salvação da lavoura.Ontem, aquele reporter da cultura o puget, tinha tanta coisa pra perguntar e instigar os jogadores a uma brilhante vitória, poderia transmitir a confiança (ingênua) da torcida que enfeitou Belém, da história linda que esses jogadores poderíam ter escrito, mas não… insistia em perguntar pra todos os jogadores, se o dinheiro havía saído ou não, poxa… pera lá!!!!!! parece coisa armada, isso lá é hora de levantar picuínha, dentro do gramado trazer à tona indagações dessa natureza, até por que todos sabem e estão cansados de ouvir a mesma ladainha, deixa isso pra lá, os jogadores não são pobres coitados, podem estar certos que todos eles estarão hoje muito bem assessorados para impetrarem na justiça contra esses atrasos e irão receber com juros inclusive.Mas sem dúvida o maior culpado é o nosso arremedo de presidente/ditador, o famigerado luiz omar kadafi é digno de comédia pastelão, é uma cara que tem tudo pra ser um grande coolaborador no máximo.Eu sou um torcedor que só acompanho o Paysandu, é minha única paixão futebolisticamente falando, não divido este sentimento com ninguém nem com seleção brasileira, estou em 100% dos jogos do Papão em Belém, mas minha única maneira de protestar é me ausentar das arquibancadas até este energúmeno do LOP deixar o Paysando para quem sabe administrar.

    Eu te amo Paysandu!!!!!!!!! és mais que um clube, és cultura,és patrimônio, fostes o último pequeno/grande clube a incomodar a cbf e os grandes do Brasil.

    Curtir

  7. Como diz o titulo desse texto – não podia acabar assim…

    Com inumeros erros cometidos pelo aLOPrado e sua trupe, o Paysandu muito dificilmente poderia acabar o ano com o acesso a segundona.
    O ano iniciou com erros em contratações esquisitas, como a do treinador Sérgio Cosme, e outros jogadores de qualidade dúvidosa…outra coisa, o trouxe outro treinador (Roberto Fernandez) para o segundo turno do parazão, porém o mesmo começou a derrocada bicolor, expurgando alguns jogadores do elenco para que trouxessem os seus peixes, de qualidade dúvidosa e com altos salários.
    No entanto, o treinador não conseguio emplacar a frente do papão e, acabou sendo mandado embora! A salvação da lavoura, poderia ate ser credibilizada ao seu sucessor (Édson Gaúcho) mais problemas extra-campo (ordem financeira) mais uma vez, fizeram cair por terra o sonho, para enterrar de vez o clube, o aLOPrado contratou o “sereno” Andrade ex-Flamengo, com a missão de elevar o animo do jogadores do Paysandu, porém mais dois problemas aconteceram, o Paysandu perdeu dois jogadores experientes, o Sandro (por cobrar salarios atrasados) e o Josiel (que ao falar mal de Belém e das mulheres paraenses, so conseguiu balançar as redes uma única vez), mais o Paysandu ainda seguiu na competição, mesmo com chances matemáticas, onde dependia apenas de sí próprio, mais com os salários atrazados e com os jogadores desestimulados, sem dinheiro, desgastados emocionalmente, não poderiam enrrigar uma plantação com apenas um chovisco.

    Sai fora Luis Omar, pede para sair do Paysandu!

    Curtir

  8. LAMENTAVELMENTE, eu estive certo nos meus post’s anteriores; Ah! que esse grupo de jogadores, houvessem queimado a minha lingua, jogando o mínimo da bola, mas esbanjando DIGNIDADE;
    Quiçá tivessem um lampejo apenas de HOMBRIDADE, UM SÓ, colocando o coração no bico da chuteira e jogado com raça, todas as partidas desse infame campeonato;
    Quisera fossem INTELIGENTES, hoje, nós, torcedores, estaríamos comemorando o acesso a série B e eles, pensando em renovação de salários e até, novos contratos com outras agremiações, o horizonte profissional deles estaria em alta;
    Mas, agora é tarde, “a Inêz, é morta”, além das qualidades retro citadas, outras, andam em falta lá pelas bandas da Curuzú; que fazer então?
    Clamar para que o desvairado e aLOPrado presidente, renuncie, ou, que o Conselho Deliberativo(penso mais que é um Conselho Depreciativo) o destitua da diretoria, abrindo caminho prá uma nova diretoria que deverá, de Imediato, providenciar a inevitável limpeza da Curuzú, extirpando de lá:
    1- Rafael Oliveira, pensa que é craque, na verdade um peladeiro molongó, como se diz na minha Abaeté;
    2-Fábio Gaúcho, medíocre, só joga em time pequeno e dentro do Estado;
    3- Thiago Potyguar, desde que comeu cachorro na China, esqueceu por lá o bom futebol que o retirou de Currais Novos, além de ser BARQUEIRO;
    3- Vágner, Alexandre carioca e Lecheva- barqueiros.
    5- Leandro Camilo, Robinho, Daniel, Luciano Henrique, Juliano, Sidny, por deficiência técnica;
    6- Rodrigo Salomon, Vizoto e o técnico? ANDRADE, sem aproveitamento;
    7- Louro, Luisinho Assef, e demais membros da diretoria atual, por incapacidade administrativa e gerencial(alguém explica como esses caras conseguem ganhar dinheiro????)
    Na esteira da limpeza, virá a renovação que além de manter Fávaro, Alax, Djalma, Nenê apeú, Billy, Bryan, Neto, Hélinton, Vanderson, Tobias e os demais da base, Zé Augusto (na CT), deverá contratar, Alan e Ray, do Luverdense; Mazinho, Vanderlei e Fabiano, do América de natal;
    Para comandar a reestruturação do futebol do GRANDE BICOLOR AMAZÔNICO, recomendo, como tenho postado, a recontratação do Edson Gaúcho, desta feita porém, como Diretor de futebol; a ele caberá comandar a estruturação administrativa e técnica do
    futebol(em todas as categorias), inclusive a contratação da Comissão técnica, para cujo comando, indico o LISCA,(ex-Luverdense) que é um técnico conhecedor de futebol, arrojado, brioso e que demonstra vontade de querer ganhar todos os jogos que disputa, além de profundo conhecedor do futebol desta região e especialista em série C.
    Chorar prá que? NÓS, os torcedores do GRANDE BICOLOR AMAZÔNICO, que formamos a maior NAÇÃO CELESTE AMAZÔNICA, ficamos tristes apenas, por mais uma possibilidade perdida, porém, VOCÊS, PELADEIROS, PERDERAM O EMPRÊGO e não tem garantia alguma de recontratação por outras equipes, afinal, alguém gosta de contratar um grupo de derrotados? se alguém souber, que lhes indique.

    :

    Curtir

  9. A derrota de ontem entristece mas não permite que ninguem se escandalize. Houve insucessos, vários, que levaram o Paysandu
    mais uma vez não alcançar a série B. Quando deixarmos de nos embriagar com elogios imerecidos, começaremos o despertar de uma consciencia (esportiva) que com certeza mudará, por consequencia, o futebol paraense.

    Curtir

  10. Do elenco atual só ficaríam na minha opinião os seguintes:

    Fávaro,Vizoto,Alax,Sidny,M.Santos,A.Carioca,Billy,Daniel (dava + uma chance ).O resto dava um grande vazariiiiiiii.

    Curtir

  11. AnaloGia entre culinária e futebol: a série A é o filé, a B é o picadinho, a C é o ovo e a D é a sopa.Aí me perguntam, “é o remo????” eu respondo… o remo tá na fila do osso.

    Curtir

  12. A real diferença entre emo e Paysandu é que o nosso inferno série C é o sonho de consumo deles, ou seja, o que pra gente é inferno pra eles seria o paraíso.

    Curtir

  13. Hora de sábia e silenciosamente opsitores forçarem LOP a licenciar-se do clube.E o amigo Columbia tem razão.Se LOP não fosse amador traria um técnico de renome para já ir formando a base bicolor.Parazão já começa em jneiro.Aproveitaria a base de uns 10 a 15 jogadores e prepararia o time pra serie C.O estadual seria para formar o time, encorpar.
    Mas sinceramente tanto PAPÃO quanto leão não conhecem as palavras PLANEJAMENTO, EQUIPE,ORGANIZAÇÃO,SERIEDADE.

    Curtir

  14. Égua Sérgio, esquece os remistas. Somos vagabundos fora da escola e sem série. Queremos só lazer e zoação no recreio. Viva a vagabundagem azul. Rs. Sofram os reprovados. No stress!

    Curtir

  15. Cássio sua postagem mesmo sendo no sentido cômico,mesmo sendo para desestressar e “encarnar” tem uma carga enorme de seriedade.
    Só é aprovado quem se dedica, estuda com disciplina.Abre-se mão de lazer, de viagens para se dedicar aos estudos .Falo por mim e por muitos. Quase não tenho lazer.Vivo trabalhando e estudando.Se não levar na seriedade, com organização, planejamento até em relação às horas de estudo, alimentação, descanso não se consegue produzir a contento.Quem não leva a sério essas premisass(Paissandu)não é aprovado.E quem não estuda , está fora do sitema educacional ,quer mesmo é zoação.A responsabilidade é maior para quem quer ser APROVADO. E não há cobrança para quem não está ESTUDANDO (Remo) .Em relação a ser aprovado não.A cobrança para quem não estuda é no futuro.Como será o futuro de quem é reprovado , mas TENTA ? E de quem não estuda ? Nesse modo de pensar o futuro do futebol paraense parece ser sombrio e duvidoso.

    Curtir

  16. Amigos, também sou bicolor de coração mas minha indignação vai além. Sim, penso que nosso problema é muito maior. Trata-se da sobrevivência de nosso futebol e não somente de nossas paixões individuais aos clubes. Sinceramente acho um milagre tantos torcedores ainda irem a campo. Eu por exemplo a muito tomei a descisão de não mais ir, pois me recuso a fazer parte direta dos que bancam financeiramente tantos desmandos que acontecem em nosso futebol paraense. Não é a toa que verdadeiras aves-derrapina se apoderam do comando de nossos clubes, das entidades que deveriam organizar e estimular nosso futebol(FPF), pessoas que notadamente não entendem nada de administração empresarial, sim empresarial, pois não é de hoje que no mundo inteiro se fala que os clubes de futebol se não forem administrados como empresa não irão muito longe, mas em nossas terras parece que ainda não ecoaram tais palavras e o resultado é o que vemos todos os dias em nossos notíciarios esportivos.
    Falar que nosso futebol é um fiasco é redundância, já faz muito tempo que não assistimos uma verdadeira partida de futebol, que não notamos nenhuma faísca de conhecimento tático, nenhum lampejo de brilhantismo em fim, nada que nos leve a acreditar que torcemos por clubes de futebol que se não forem grandes, pelo menos seriam diferentes dos colegas que disputam partidas de peladas nos campinhos de varzeas aos finais de semana. Chega, não dá mais, ou as coisas mudam ou mudamos nós, vamos deixar de ir a campo levar dinheiro para bancar esses incompentes, não vamos nos conformar com gols de barriga, canela ou nariz, sejamos mais realista e assim façamos alguma coisa pela volta de nosso saudoso futebol, vamos exigir nossos direitos de ir a campo assistir a um JOGO DE FUTEBOL, pois não é para isso que pagamos?, deixemos de ser ingênuos ao chamar pernas-de-pau de craques e de dirigentes os que em nada acrescentam para nossas maiores paixões futebolísticas.

    Curtir

  17. Sou remista e não gasto o meu tempo secando o rival, até torço pelo seu sucesso, mas que o Paysandu está louco para fazer companhia ao Remo, isso tá. É uma pena, mas os times do Pará estão num caminho sem volta, a não ser que mudem os seus comandantes, que é algo praticamente impossível de acontecer.

    Curtir

  18. Jerry Santos;
    Eu também, abandonei os jogos do meu GRANDE BICOLOR AMAZÔNICO, desde o evento salgueiraço, pois recuso-me a pagar essa conta, desde o salário do entregador-mor, sandro;
    Pastor Carlos Rodrigues meu irmão, eu também já estou nessa cruzada, “só retornarei aos jogos do Grande Bicolor Amazônico, após a renúncia ou destituição do aLOPrado”, a quem respeito como grande torcedor, porém, o repudio pelo péssimo e pernicioso presidente que o é; só não utilizo o twiter.
    TENHO CERTEZA QUE VENCEREMOS MAIS ESSA!!!

    Curtir

  19. Querem negociar o Thiago potiguar, tem q ter calma, esse jogador precisa ser recuperado. Acho q tem alguns jogadores q precisam sair outros precisam ser recuperados. Penso q n podemos mas agir com o coração.

    Curtir

  20. No time do PSC que jogou ontem, 10 jogadores disputaram o fraquíssimo campeonato paraense e o PSC nem campeão foi, então, queríamos o quê? Acho até que houve algum esforço dos jogadores, mas a baixa qualidade técnica, tática e física, fez e está fazendo a muito tempo a diferença. O nível do futebol do nordeste está acima do nosso. Lembro que nos bons tempos do PSC a diferença física não era notada mesmo com vários jogadores regionais no elenco do PSC. E os “reforços” que vieram, os melhores foram embora por falta de pagamento, outros envolvidos em fofocas também foram embora, alguns não emplacaram e outros nem jogaram. E o seu LOP ainda reclama da torcida, a maior da série C e que supera até vários clubes da série A, mesmo com um time pereba e com um presidente tresluocado

    Curtir

  21. Estou twitando com alguns jornalistas e espero que coloquem na pauta de amanhã algo no sentido de que o LOP precisa se licenciar.renunciar, enfim sair do PAPÃO.É um homem honrado, trabalhador,honesto e tal ,mas a administração dele é péssima.Eleições só em novembro do ano que vem.Meu Jesus amado.Dá tempo de perder outro estadual, outra Copa do BRASIL , OUTRO ACESSO e se bobear ainda cai pra serie D .Enfim LOP ,meu caro torcedor , saia do PAPÃO.

    Curtir

  22. Discordo das opiniões de que o time , o elenco é fraco.Concordo com o amigo e irmão Silas Negrão é falta de administração, planejamento, seriedade e muito , mas muuuuiiito amadorismo mesmo.Se LOP continuar a coisa vai piorar .Ajudem-me quem é bicolor a twitar ou multiplicar esse lobby.LOP peça licença, peça renúncia , mas saia do PAPÃO.Se ele fosse um pouco mais lógico e organiado teria ficado com o catarino Gaucho e mandado 4,5 mercenários embora.teria economizados os 80 mil do Andrade e estaríamos na serie B.Postei aqui e penso até hoje que se Edson gaucho estivesse com o time na mão ainda seriamos finailsta inclusive.

    Curtir

  23. sobre o tiago potiguar ele foi muito pouco acionado ta certo que não correspondeu o esperado mais na minha modesta opiniao ele e muito melhor que todo o meio de campo do paysandu e acho que ele precisa trabalhar a cabeça desse rapaz porque bola ele tem se o paysandu souber fazer um trabalho psicologico pode crer q teremos de volta o craque de volta sem mais?ah e fora LOP!!!!

    Curtir

  24. A pergunta é: Com esse futebozinho jogado pelo Thiago Potiguar quantas cadeiras o atlético paranaense mandará na troca por ele?

    Curtir

  25. Quanto ao Thiago , enquanto vivia lua de mel com a torcida e imprensa tudo ia ás mil maravilhas .Bastou ouvir criticas de ambas ,fala em ir embora , na verdade o jogador precisa é ser recuperado, trabalhar sério novamente.Com LOP isso é possível ?Citando Eisntein novamente ” o único lugar onde SUCESSO vem antes de trabalho é no dicionário”

    Curtir

  26. Também considero inexplicável esse prazer de exercitar várias personas, meu caro pastor. Algo que extrapola até o óbvio hermafroditismo.

    Curtir

  27. São especulações que circularam hoje pela Curuzu, mas ninguém confirma nada até aqui. O presidente, como se sabe, barrou os veículos do grupo RBA. A medida, além de arbitrária e burra, é extremamente prejudicial aos torcedores, que ficam privados de informações sobre o clube. LOP sabe que não pode calar os independentes, por isso apela para essas medidas de coronel de subúrbio.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s