Não e Não!

“Indigna já só a ideia de reduzir o Pará a Belém e Zona do Salgado. Coisa de político-forasteiro mal-agradecido. O cara chega à casa alheia, que o acolhe com hospitalidade, e se revela um aproveitador. Entra, fuça a geladeira, abanca-se no melhor sofá, escancara as portas dos quartos, e a gente sabe: é um folgado. Chora, estremece por seu estado de nascença, enquanto explora e desdiz do Pará, de que só pensa em chupar tudo, até o Estado inteiro, se deixarmos. O retalhador do estado (dos outros) chega e se espalha feito água. Abanca-se, invade a cozinha, destampa, tem o desplante de meter o dedo na panela, antes do dono da casa, lambuza as mãos, lambe os dedos. Como nós, os paraenses somos cordiais, ele confunde cordialidade com liberalidade. Vem, vai ficando, mergulha de unhas e garras afiadas em terras e política. Espalhado, o aproveitador, pronto, enriqueceu, encheu a pança. Fez-se fazendeiro, político de muito papo (balofo), o cara de pau. Alguns não dispensam trabalho escravo e agora dão de posar de redentores da miséria do Pará, como se só no Pará houvesse miséria.”

Por Amarílis Tupiassu

55 neles, galera!

11 comentários em “Não e Não!

  1. Os caras são separatistas de nascença. Querem separar o estado de origem deles do Brasil e ainda querem separar o estado dos outros… o negócio é separar pra eles tomarem conta

    Curtir

  2. Como eu já disse outra vez! Se “eles”, os separatistas estão tão empenhados em dividir os estados, as coisa alheias, porque, não dividem suas mulheres com a população. Dividam o pão com o povo faminto, pois o povo se vende por tão pouco! Te contar.

    Curtir

  3. E Gerson, Infelizmente existem esses parasitas na politica, mas vamos dar o antibiotico 55 neles! e expulsar esses vermes, para bem longe das entranhas de nossas terras.

    Curtir

  4. Que coisa “baixa” esses argumentosinhos xinfrins…vamos levantar o nível do debate, pessoal!

    Curtir

  5. Mais importante do que ser paraense é ser BRASILEIRO e a Constituição garante à TODOS o direito de ir, vir e fixar residência em QUALQUER estado da federação. Antes que me esqueça, a possibilidade dos estados se dividirem é prevista na Constituição, nossa Lei Maior, o que torna inaceitável quando alguns afirmam que a redivisão territorial do Pará é golpe de “forasteiros”. A redivisão territorial do Estado do Pará, Amazonas e Mato Grosso é uma necessidade, para que todos os BRASILEIROS que trabalham nas regiões desassistidas sejam tratados com igualdade, conforme lhes garante a Constituição Federal. Está na hora de parar com este bairrismo insano e entender que o Pará tem 04, até 05 vezes a extensão dos Estados mais desenvolvidos do País (São Paulo, Paraná, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, etc) e que este tamanho absurdo constitui, SIM, um entrave, para o desenvolvimento destes estados.

    Curtir

  6. Nina, entendo seu ponto de vista, porém acho que dividir não é a solução, o verdadeiro entrave para o desenvolvimento do Pará não é seu tamanho e sim a falta de vontade de “políticos”, sejam eles paraenses ou não. O problema é que a divisão não visa a melhoria de qualidade de vida da população no resto do estado, e sim o enriquecimento de elites financeiras desta região.

    Curtir

  7. Mateus, esta idéia de que a criação dos estados do Carajás e Tapajós é desejo apenas das elites políticas e econômicas daquelas regiões é uma falácia. A população daquelas regiões também quer a divisão, porque não acredita que um governo estabelecido há mais de 1.000 Km de distância possa lhes fornecer o mínimo em matéria de infra-estrutura, principalmente porque as carências da região de Belém e Nordeste, que estão mais próximas e também são muitas, estão ao alcance dos olhos dos governantes. Se olharmos para a história do Brasil, veremos que JK foi um visionário quando decidiu construir Brasília no centro do país, porque a sede do governo no Rio de Janeiro, aquele lindo cantinho no litoral, causava desagrado aos estados mais distantes. Aqui ocorre a mesma coisa, Belém fica num cantinho lindo, mas muito distante das regiões Sul e Oeste. Além disso, não pode ser por acaso que os estados mais desenvolvidos do país sejam justamente aqueles que possuem um tamanho razoável, em torno de 250.000 Km2.

    Curtir

  8. A divisão do Estado para melhor administrar é correta, pena que muitos tiram proveito da situação, mas nada que uma fiscalização série permita esse intento, embora saibamos que político honesto é coisa rara.

    Curtir

  9. Desculpe amiga, mas será que São Paulo, Rio, Minas, etc… nao tem favela, nao tem violência, nao tem miséria, vamos acabar com essa hipocresia de que dividindo um estado, todos os problemas da população estarão resolvidos, se isso fosse verdade bastava transformar os municípios em estado e pronto tudo era uma maravilha, o que falta na realidade e os cidadãos de bem se unirem, e cobrar desses políticos oportunistas verdadeiros parasitas do dinheiro publico, ações que possam melhorar as condições de vida dessas pessoas, vou só te dar um exemplo: a corrupção no Brasil chega a astronômica quantia de 40 bilhões de reais por ano, isso e um dado oficial, mas alguns órgãos acreditam que na realidade esse montante pode chegar ate a 100 bilhões de reais por ano. Hora amiga isso e dinheiro nosso e de nossos impostos que pagamos suadamente. Agora pergunte a algum político dos outros estados se ele estão querendo dividir os mesmos. Acorde nao se deixe levar por esses aproveitadores de plantão. Vote 55 e diga nao a tudo isso.

    Curtir

  10. O que Nina já que o problema e distancia, vamos transferir a capital do Para para Santarém e Pronto tudo estará resolvido. Vale lembrar que Belém tem quase 400 anos de História, e alguns municípios dessas regiões nao tem nem 40 anos de existência, você acha que Belém nao tem problema, acho melhor você conhecer a cidade, a violência impera nas ruas, tem favela, tem alagamentos, tem ambulante, lixo nas ruas e muito mais. Você acha que Belém e um paraíso, você esta muito enganada, esses argumentos realmente nao condizem com a realidade do estado como um todo.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s