15 comentários em “O traço de Amarildo

  1. A produção intelectual do Maradona é inesgotável. Agora mesmo afirma que Kischener e Che Guevara foram semelhantes (em vida). Calado, Maradona tributaria melhor os seus patricios.

  2. Serra é FICHA LIMPA e é triste ver um colunista se deixando levar por paixões pessoais e poiticas.Mais triste é ver como o povão se deixa manipular tão facilmente.Como disse o Carneiro sai dessa cara.Eleitor leiam veja e assistam o youtube sobre as promessas de lula em 2002,cumpriu 15 por cento.Infelizmente o povo merece mesmo sofrer…

    1. Serra Ficha Limpa???
      Vc deve conhecer o esquema das ambulâncias! Vc deve conhecer o esquema dos genéricos! Vc deve conhecer as apurações da Operaçao Vampiro – dos hemoderivados! Vc deve conhecer o esquema dos medicamentos excepcionais (alto custo)!
      Vc deve conhecer o laranja Platão Fischer-Puhler?
      Se não conhece, pelo menos isso, então não lance adjetivos que venham a depreciar o bravo povo brasileiro. Se alguem tem que sofre que seja vc seu pretencioso!!!!! Agradeça por conseguir – mesmo desqualificado – ganhar dinheiro no Brasil!!!!

      1. Infelizmente, como diz Millôr Fernandes, ladrão será sempre, e apenas, aquele que foi pego “com a mão na cumbuca”.
        Por isso, Serra é “ficha limpa” como ainda o é Flexa Ribeiro, Jatene, Juvenil, Mário Couto, Vic Pires Franco etc. etc. etc.

    2. Ficha Limpa?
      É preciso aclarar sua mente!
      Então leia isto:

      FICHA IMUNDA DE SERRA: ELE TEM 17 PROCESSOS.

      Alguns processos contra Serra na Justiça Federal do DF. Há outros processos em outros tribunais.

      Se a Justiça no Brasil fosse mais rápida para políticos, José Serra (PSDB) já poderia estar ao lado de Joaquim Roriz e vários outros, impedido de candidatar-se pela lei da ficha suja.

      Serra tem 17 processos declarados à Justiça Eleitoral, de acordo com as certidões que ele mesmo apresentou (a contragosto, por imposição da lei, senão a candidatura ficaria impugnada).

      Entre os processos, pelo menos três são por corrupção (improbidade administrativa).

      O maior dos escândalos de corrupção envolvendo José Serra, e que o levou ao banco dos réus, foi sobre o PROER, com rombo nos cofres públicos de R$ 3 bilhões beneficiando o Banco Econômico, e de R$ 1,7 bilhões para o Banco Bamerindus ser comprado pelo HSBC.

      O processo 2003.34.00.039140-7 corre na Justiça Federal do DF e demonstra que José Serra, junto a outros tucanos do governo FHC, descumpriram as leis e as normas do próprio PROER, ao injetar bilhões do dinheiro público, que foi para o ralo, em instituições que não poderiam receber socorro e teriam que ser liquidadas.

      Já houve uma decisão da juíza Daniele Maranhão Costa, da 5ª Vara da Seção Judiciária do Distrito Federal, aceitando que houve dano ao erário, enriquecimento ilícito e violação aos princípios administrativos no caso.

      É a ante-sala para José Serra entrar na lista dos fichas sujas, caso se confirme uma condenação por juízes, em colegiado.

      O demo-tucano também responde processos por crimes de imprensa, calúnia e injúria.”

      FONTE: (http://osamigosdopresidentelula.blogspot.com/2010/10/ficha-imunda-de-serra-ele-tem-17.html, com informações do site “Congresso em Foco”.

      1. Não esquecendo que tem senador (que se diz eleito no Pará) que também responde a processos cabeludos, apesar de anunciar o contrário.

  3. PARA quem não sabe ou não lembra, o último paulista a governar o Brasil foi, salvo engano, Rodrigues Alves. Jânio era matogrossense e FHC nasceu no Rio de Janeiro. Na revolução em que GV tomou o poder, inaugurando o que a história chama de ‘Estado Novo’, o eleito Júlio Prestes, cuja candidatura quebrou o pacto do ‘café com leite’, pois era a vez de um mineiro, não chegou a assumir; desde então nenhum paulista chegou à presidência do Brasil.
    Blog do Gerson também é cultura.
    Forte abraço!

    1. Finado Covas era bom, não sei se ficha manchada, provavelmente sim. Ele sim tinha que ter sido submetido a uma tomografia do crânio quando tentava adentrar o Palácio dos Bandeirantes e levou umas pauladas seguras, salvo engano de professores…pena que foi pra cova cedo.

  4. LULA e Dilma enfrentaram a crise internacional reduzindo impostos, a exemplo do IPI dos automóveis e da linha branca, ampliaram o crédito e criaram o programa Minha Casa Minha Vida. Eles também geraram mais de 15 milhões de empregos, e promoveram o crescimento com distribuição de renda.

    A vida dos pequenos negócios melhorou depois da aprovação do ‘Supersimples’, que estabeleceu o tratamento diferenciado das micro e pequenas empresas. A nova lei criada no governo de Lula e Dilma unificou oito impostos federais, estaduais e municipais.

    Já o governo Serra seguiu a cartilha do FMI, generalizou a cobrança da “substituição tributária” e aumentou os impostos das micro e pequenas empresas (extraído da divulgação da campanha DILMA13).
    MAIS uma razão para votar domingo Dilma 13,e o Brasil seguir mudando.

  5. Nesta história de quem é quem na vergonhosa política brasileira não esqueçamos a quadra simples e verdadeira do Conego Batista Campos :
    ” conto a história
    como a história foi.
    Boi é boi,
    ladrão é LADRAO.

Deixe uma resposta