Meia do Londrina sofre ataques racistas de radialistas da Band Goiânia

Negro, o jogador Celsinho, do Londrina Esporte Clube, foi alvo de ataques racistas do comentarista Vinícius Silva e do narrador Romes Xavier, da Rádio Bandeirantes, durante transmissão do empate sem gols contra o Goiás neste sábado (17). Xavier disse que o meia estava com dificuldades para se levantar porque o cabelo “pesa demais” e foi embasado em comentário racista de Silva.

“Exatamente. Parece mais uma bandeira de feijão a cabeça dele do que um verdadeiro cabelo. Não é porque eu estou perdendo os cabelos que eu vou achar um negócio imundo desse bonito”, afirmou o comentarista.

Em nota nas redes sociais, o Londrina Esporte Clube repudiou as declarações dos radialistas que “caçoaram do cabelo do meio campista, ao usarem palavras como: ‘cabelo pesado demais’, ‘bandeira de feijão’ e ‘negócio imundo’”.

“É inadmissível e lamentável, veemente, que tais comunicadores, formadores de opinião, propaguem atos de racismo! Em verdade, o racismo é inadmissível em qualquer situação, lugar, fala e deve ser lutado diariamente, por todos! Com certeza as medidas serão tomadas, contudo, cabe a nós entender que não basta não ser racista, é necessário ser ANTIRRACISTA”, diz a nota (leia a íntegra abaixo).

NOTA DE REPÚDIO: RACISMO NÃO!

O LONDRINA ESPORTE CLUBE vem a público manifestar o seu profundo repúdio quanto ao ato de racismo praticado pelo narrador Romes Xavier e o comentarista Vinicius Silva, da Rádio Bandeirantes Goiânia, em face do meio-campo Celsinho, do Londrina Esporte Clube, na transmissão da partida realizada entre Goiás Esporte Clube e Londrina, pela 12ª rodada do Brasileirão – Série B.

Os referidos profissionais caçoaram do cabelo do meio campista, ao usarem palavras como: “cabelo pesado demais”, “bandeira de feijão” e “negócio imundo”.

É inadmissível e lamentável, veemente, que tais comunicadores, formadores de opinião, propaguem atos de racismo! Em verdade, o racismo é inadmissível em qualquer situação, lugar, fala e deve ser lutado diariamente, por todos!

Com certeza as medidas serão tomadas, contudo, cabe a nós entender que não basta não ser racista, é necessário ser ANTIRRACISTA!

“Brincadeiras exageradas”
Vinicius Silva publicou um vídeo como comentário da nota no perfil do Londrina no Twitter dizendo que estava arrependido pelo “comentário infeliz”. “Eu venho aqui demonstar todo arrependimento pelo comentário infeliz que tive durante a transmissão de Goiás e Londrina no estádio da Serrinha em referência a Celsinho, meio-campista da equipe do Londrina. Quero me retratar dizendo que foi um comentário equivocado. Durante a transmissão a gente acabou tendo esse erro. Um comentário infeliz, tô arrependido”, disse o comentarista.

“A repercussão faz com que a gente faça uma reflexão dos comentários, às vezes brincadeiras exageradas, as coisas que acontecem durante a transmissão”, emendou Silva, que diz ter procurado Celsinho.

O vídeo foi compartilhado pelo perfil da Rádio Bandeirantes Goiânia, que afirmou que “repudia e condena toda e qualquer atitude racista em qualquer situação”, mas não divulgou quaisquer punição aos profissionais. (Com informações da Revista Fórum)

Um comentário em “Meia do Londrina sofre ataques racistas de radialistas da Band Goiânia

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s