Papão atropela a Águia e conquista o bicampeonato paraense

A decisão do Campeonato Paraense 2021 teve contornos de emoção até os instantes finais. A Tuna, que tinha vantagem de dois gols, abriu o placar logo no começo, ampliando ainda mais a diferença. Ainda no primeiro tempo, o PSC chegou ao empate com Igor Goularte e viu sua situação melhorar com a expulsão do tunante Neto. Para o segundo tempo, o PSC voltou com todo gás, empenhado em garantir a vitória e brigar pelo título.

Com determinação, jogando melhor e bem distribuído em campo, o time fez sua melhor partida na competição, compensando os problemas demonstrados ao longo da campanha. Gabriel Barbosa entrou na segunda etapa e mudou a história do jogo. Marcou três gols, garantindo o título alviceleste, contando com a preciosa colaboração da defesa tunante.

Para dar tintas mais dramáticas, já nos acréscimos, Léo Rosa desperdiçou um pênalti cometido por Perema, quando a Tuna já atuava com nove jogadores – Lukinha foi expulso por agressão a adversário. O lateral cruzmaltino cobrou do mesmo jeito que havia batido contra o Remo nas semifinais, mandando por cima da trave. O jogo terminou e o Papão fez a festa na Curuzu com a conquista do bicampeonato e de seu 49º título estadual.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s