Direto do Twitter

Imagem

“Jesus vai embora deixando ao Brasil um legado importante de destruição de desculpas convenientes. Dá pra jogar Brasileirão e Libertadores. O jogo não precisa acabar no primeiro gol. Dá pra furar defesa fechada sem balão na área. Dá pra competir com o Liverpool”.

Leandro Dahi, jornalista

Deixe uma resposta