Pizza? Corte Arbitral anula suspensão do Manchester City

Parece até coisa da CBF. A Corte Arbitral do Esporte (CAS), principal jurisdição do mundo esportivo, decidiu hoje autorizar, após o julgamento da apelação, a participação do Manchester City nas próximas competições europeias, revertendo a pena que condenava o clube inglês a dois anos de suspensão por não cumprir o Fair Play Financeiro (FPF). “O Manchester City não disfarçou seus contratos de patrocínio, mas falhou em cooperar com a Uefa”, entidade que administra o futebol europeu, afirma o CAS na decisão.

Manchester City tem pena revertida e pode disputar competições europeias - REUTERS/Darren Staples

O clube, que pertence ao Sheikh Mansour bin Zayed bin Sultan Al Nahayan, dos Emirados Árabes Unidos, e é treinado por Pep Guardiola, foi condenado apenas a pagar uma multa de 10 milhões de euros à Uefa, ao invés dos 30 milhões de euros inicialmente decididos pela entidade.

A Uefa havia acusado o City de inflar a receita com seus patrocinadores vinculados ao Abu Dhabi United Group, empresa do proprietário do clube, para cumprir com as regulamentações estritas do FPF entre 2012 e 2016.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s