Factoide confirmado: um mês após dizer que eleição foi fraudada, Bolsonaro não apresenta prova

Jair Bolsonaro ainda não apresentou nenhuma prova que ateste sua acusação de que as eleições presidenciais de 2018, que ele venceu, foram fraudadas. Em 9 de março, durante discurso na Flórida, Estados Unidos, Bolsonaro desacreditou o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e disse que foi eleito em primeiro turno. Afirmou ainda acreditar ter feito mais votos no segundo turno do que foi contabilizado. 

“Eu acredito, pelas provas que eu tenho nas minhas mãos, que vou mostrar brevemente, eu fui eleito em primeiro turno. Mas, no meu entender, houve fraude”, afirmou Bolsonaro na ocasião.

Bolsonaro afirmou também que iria apresentar as provas brevemente, mas ainda não o fez. Quando questionado sobre o assunto, tem desconversado. Já o TSE e a Vice-Procuradoria-Geral eleitoral afirmam que nunca houve fraude em urna eletrônica.

Bolsonaro teve 57,8 milhões de votos (55%), ante 47 milhões de Fernando Haddad (45%).

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s