Palmeiras desiste de Sampaoli e fica entre Luxa e Ramirez

Dois nomes estão na mesa de avaliação do Palmeiras depois que fracassou a negociação financeira com Jorge Sampaoli: Vanderlei Luxemburgo e o espanhol Miguel Ángel Ramírez. No entendimento da diretoria, apesar de alguma resistência interna, ambos se encaixam no perfil pretendido. O clube sonha com um técnico que consiga montar um time ofensivo.

Luxemburgo comunicou na sexta-feira que não renovou contrato com o Vasco. Está livre no mercado. Ele tem três passagens e sete títulos pelo Palmeiras (quatro Paulistas, dois Brasileiros e um Rio-São Paulo).

Aos 67 anos, o histórico multicampeão pelo clube pesa muito – sobretudo politicamente. Muitos conselheiros foram próximos do treinador tanto na década de 1990 quanto entre 2008 e 2009, na sua última passagem.

Ramírez (foto acima) está empregado. Foi campeão da Copa Sul-americana deste ano no Independiente del Valle, do Equador, e é um nome que agrada muito ao presidente Maurício Galiotte. A ressalva é a pouca idade.

O técnico tem 35 anos e pouca experiência. Na avaliação do comitê gestor, Ramirez talvez não consiga suportar a pressão da torcida diante de um princípio de resultados ruins logo no primeiro semestre, como aconteceu com Eduardo Baptista e Roger Machado.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s