Antes da decisão em Bragança, Hélio faz juras de amor ao Papão e revela desejo de ficar

48621645897-a25e35985d-o

O Papão realizou treino na manhã de terça-feira como preparativo final para a partida decisiva de hoje à tarde (15h30), em Bragança, diante do Bragantino. O jogo vale uma vaga na semifinal da Copa Verde. O duelo no estádio Diogão define o futuro das equipe na temporada, pois esta é a última competição de 2019. Caso não consiga avançar, a partida de hoje pode ser a última de Hélio dos Anjos no comando bicolor.

Por parte do treinador, porém, há a declarada intenção de continuar no clube. “Eu nunca fui demagogo na minha vida, porque eu sei o que é o futebol. Daqui a pouco um jogo muda totalmente sua vida, o pensamento das pessoas… Eu sei que se for para casa propostas surgirão em 30 dias, em 20, em um ano: eu, Hélio dos Anjos, gostaria muito de permanecer. Ontem [segunda-feira] eu estava fazendo uma caminhada no final da tarde, que eu fico aqui quase o tempo todo. Não é família que vai decidir, amigos, não é proposta. Tem uma mística comigo em relação ao Paysandu que está batendo na minha cabeça: ‘tente continuar, tente ficar, coisas boas vão acontecer'”, filosofou Hélio na entrevista coletiva de ontem. 

Confiante num triunfo em Bragança, o técnico não economiza elogios ao presidente Ricardo Gluck Paul pelo esforço para tentar anular o jogo com o Náutico. “Eu não estou dando uma entrevista dessa para pressionar minha direção. Eu estava com o presidente do clube, no café da manhã, conversando sobre os últimos acontecimentos. Ele está indo agora para o Rio e tenho também que parabenizar publicamente nosso presidente na luta que ele está em relação a essa situação, e pessoas importantes do estado que estão nos ajudando muito nesse episódio. Não sabemos no que vai dar”.

A respeito de sua permanência, o técnico acrescentou ainda: “Eu nunca falei com o Felipe [Albuquerque, executivo de futebol] sobre isso; com o presidente, com o Mauricio [Ettinger, vice-presidente], que é outra pessoa sensacional. Agora, eu falo publicamente: eu gostaria muito de continuar meu trabalho, por tudo que passei aqui. Melhor momento da minha vida, eu estou bem espiritualmente aqui, eu gosto do clube. Ontem não tinha nada para fazer aqui de tarde e eu fiquei. (…) Não escutaria nenhuma outra proposta sem antes conversar com o Paysandu. Tenho participado um pouquinho no que pode acontecer, conversado sobre um ou outro jogador que pode ficar, acho que a base é fundamental”.

Um comentário em “Antes da decisão em Bragança, Hélio faz juras de amor ao Papão e revela desejo de ficar

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s