Polícia veta a participação de mascote do Leão na festa do Re-Pa

Um desfalque de última hora entre os azulinos. O mascote “Leão Malino” está proibido de participar do clássico Re-Pa. Na reunião para definir o esquema de segurança do clássico, a Segup decidiu vetar a participação do mascote. De acordo com o Coronel Cláudio, da Polícia Militar, a solicitação foi do secretário de Segurança Pública.

“Foi solicitada a não participação do mascote. Foi mostrado um vídeo em que ele fez gestos obscenos aos torcedores do Paysandu no último clássico. Foi esse o motivo”, comentou. O homem que se caracteriza de mascote do Remo (que prefere não se identificar), falou sobre a punição e deu sua versão do caso.

leaomalino

“Fui informado sobre a suspensão do mascote. Trabalho de forma correta e em nenhum momento fiz gestos obscenos. O que faço sempre é bater no peito, apontar para o chão e depois pedir para a torcida do Remo cantar. Infelizmente, querem tumultuar as coisas”, defendeu-se.

Diante do convite feito por torcedores para que assista o clássico das arquibancadas, ele disse que irá como torcedor comum. “Indo para a arquibancada como mascote, posso estar atestando que fiz gestos obscenos, coisa que não é verdade”, disse. 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s