Globo dispensa repórter que se envolveu no caso Neymar

patricia-e-mauro-naves-1528331813068_v2_450x600

O repórter Mauro Naves deixou a Rede Globo após 31 anos de casa, como consequência dos fatos relacionados à acusação de estupro que envolveu o jogador Neymar. A informação é confirmada pela emissora. Abaixo o comunicado oficial da TV Globo: “O Grupo Globo e o jornalista Mauro Naves decidiram encerrar consensualmente o contrato de prestação de serviços que mantinham. O Grupo Globo reconhece a imensa contribuição de Mauro Naves ao jornalismo esportivo e a ele agradece os 31 anos de dedicação e colaboração”.

Em contato com a coluna, Mauro Naves informou que está finalizando outros assuntos referentes ao seu desligamento da TV Globo e que promete dar mais informações “depois que tudo estiver concluído”. Ontem, no Maracanã, nos bastidores da final da Copa América entre Brasil e Peru, profissionais do Grupo Globo comentavam sobre a ausência de Naves na cobertura e a certeza que ele seria dispensado pela emissora neste começo de semana. Um dos repórteres mais experientes e um dos rostos mais conhecidos da cobertura esportiva da Globo, a situação de Naves ficou delicada na emissora depois que foi revelado que o jornalista havia passado o contato do pai de Neymar para um dos advogados de Najila Trindade, modelo que acusa o jogador de estupro.

A Globo avaliou que o jornalista interferiu no caso e decidiu afastá-lo, chegando a anunciar a decisão em pleno Jornal Nacional. “Mauro Naves é um profissional excelente, com grandes contribuições ao jornalismo esportivo da Globo, mas há evidências de que as atitudes dele neste caso contrariaram a expectativa da empresa sobre a conduta de seus jornalistas. Em comum acordo, o repórter Mauro Naves deixará a cobertura de esportes da Globo até que os fatos sejam devidamente esclarecidos”, disse William Bonner em comunicado na ocasião.

A reportagem conversou com diversas pessoas próximas de Mauro nos últimos dias. Os relatos eram sempre os mesmos: chateado com a maneira como foi tratado pela Globo durante o processo, ele se isolou com a esposa, Patricia Naves, e viajou para uma chácara, onde passou 20 dias. Para Mauro e familiares, a Globo se precipitou no dia do afastamento, às vésperas do início da cobertura da Copa América, que acabou ontem. Ele alega que não tem nenhum envolvimento com o caso Neymar. A própria polícia não ligou seu nome a nenhuma parte da investigação.

O problema é que Naves, sócio de Neymar e do pai numa rede de restaurantes, tinha a informação exclusiva sobre o processo, mas não relatou ao Jornalismo da emissora, passando a impressão de que agiu para tentar abafar a história fazendo a intermediação entre a defesa de Najila e o pai do jogador. (Com informações de Flavio Ricco)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s