CBF confirma Juninho Paulista para o lugar de Edu Gaspar

20190409164428-766

Campeão do Mundo em 2002 e da Copa das Confederações em 1997, o ex-jogador Juninho Paulista é o novo coordenador da Seleção Brasileira Masculina Principal. Ele assume o cargo após iniciar sua passagem na gestão da CBF como diretor de Desenvolvimento do Futebol, departamento que passou a fazer parte da estrutura organizacional a partir da posse do presidente Rogério Caboclo. Juninho entra no posto que estava sendo ocupado por Edu Gaspar desde o dia 20 de junho de 2016.

Na despedida da Seleção Brasileira, Edu liderou o planejamento e cuidou de todos os passos do projeto que resultou no título da Copa América 2019, troféu que não conquistávamos há 12 anos.

Houve pressa da cúpula da CBF para fechar com Juninho porque haverá uma viagem para a Suíça para discutir a organização do Mundial sub-17 que terá sede no Brasil. Ou seja, o presidente da confederação não estará no país e queria deixar o negócio resolvido. A última barreira era a aprovação de Tite. Edu Gaspar sai para assumir função no Arsenal, mas já não era bem avaliado na CBF.

Desde o Mundial da Rússia-2018, tem sofrido desgaste pela forma como lida com questões internas como o trato com jogadores. Sua declaração sobre Neymar após o Mundial – disse que era muito difícil ser Neymar – foi considerada inapropriada em uma derrota. A escolha de Juninho, apesar da suposta concordância de Tite, rompe com a chamada “era corintiana” que dominava a comissão técnica da Seleção Brasileira.

Juninho foi nomeado diretor da área de desenvolvimento quando o presidente Rogério Caboclo tomou posse, em abril. Ele se desligou do Ituano, clube em qual foi gestor do futebol nos últimos 10 anos. Para a CBF, ele tem o perfil desejado pela instituição para o cargo de coordenador: experiência como jogador – também na Seleção – e dirigente.

No último domingo, o dirigente acompanhou a final da Copa América no camarote da CBF, no Maracanã, e esteve na festa do título realizada no Copacabana Palace. Juninho tem bom trânsito com Caboclo, além de entrosamento com Branco, atual coordenador das categorias de base.

Uma das primeiras missões no novo cargo será participar da definição dos amistosos de outubro e novembro, provavelmente na Ásia e no Oriente Médio. Em setembro, Edu Gaspar deixou fechados acordos para a Seleção enfrentar a Colômbia, dia 6, em Miami, e o Peru, dia 10, em Los Angeles.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s