Curiosidades históricas sobre o maior torneio de futebol do planeta

Gerson 86 2298738_full-lnd

De 14 de junho a 15 de julho, acontecem os jogos da 21ª Copa do Mundo de Futebol, promovida pela Fifa, na Rússia. Realizada pela primeira vez em 1930, desde então acumulou muitas histórias envolvendo os países participantes. Para entrar no ritmo da competição, consultamos a enciclopédia Britannica Digital Learning® e o professor de Futebol do curso de Educação Física da Universidade Positivo (UP), Fábio Bandeira, para pinçar algumas curiosidades sobre o evento.

515454344

  • A primeira Copa foi realizada em Montevidéu, no Uruguai. O primeiro jogo, entre França e Argentina, contou com uma surpresa: o goleiro francês se machucou aos 26 minutos e, como não era prevista substituição de jogadores naquela época, a seleção teve que se adaptar e colocou um meio-campista como goleiro. Apesar disso, a França ganhou o jogo por 4 a 1. O Uruguai acabou levando a primeira Taça Jules Rimet. A Argentina foi vice-campeã.

urug1950-1

  • Desde a sua criação, a Copa só deixou de acontecer de 1939 a 1949, por causa da Segunda Guerra Mundial.
  • Na Copa de 1950, no Brasil, as seleções estavam comportadas: nenhum jogador foi expulso em nenhuma das 22 partidas disputadas.

Jules-Rimet

  • As travas altas das chuteiras usadas pelo time da Alemanha, contra a Hungria, em 1954 (foto acima), em um gramado encharcado, foram fundamentais para a vitória. Até hoje, os alemães vêem a Adidas, criadora dos calçados, como uma colaboradora da conquista do título.
  • O jogo entre Brasil e Inglaterra, na Copa da Suécia, em 1958, foi o primeiro empate em 0 a 0 na história das Copas do Mundo. Como era uma situação inédita, alguns jogadores chegaram a pensar que haveria uma prorrogação.
  • A Copa de 1962 foi a primeira que brasileiros puderam ver pela TV, apesar de não ao vivo. Fitas de videotape eram trazidas de avião e exibidas dois dias depois da realização dos jogos.

1970 World Cup

  • O tricampeonato pelo Brasil, em 1970, no México, garantiu a posse definitiva da Taça Jules Rimet. Mas, em 1983, ela foi roubada da sede da CBF. Em 1984, a Fifa fez uma réplica da taça e deu-a de presente ao Brasil. A partir de 1974, a taça passou a chamar-se Taça Fifa.
  • A Copa de 1982, na Espanha, contou com a maior goleada da história das Copas: a Hungria venceu El Salvador por 10 a 1.

  • O fato trágico da eliminação do Brasil, na Copa de 2014 nas semifinais, pela Alemanha, pela goleada de 7 a 1, foi a maior derrota da Seleção Brasileira, o maior placar em uma semifinal de Copa do Mundo e o mais desastroso resultado enfrentado por um país-sede na história das Copas.
  • Em 2014, a Alemanha foi a primeira equipe europeia a vencer uma Copa do Mundo sediada nas Américas.
  • O Brasil é o único país a ter participado de todas as edições da Copa do Mundo de Futebol.

20140627162114_0

3 comentários em “Curiosidades históricas sobre o maior torneio de futebol do planeta

  1. Algumas outras: o único técnico a vencer dois mundias é o italiano Victorio Pozzo: 34 e 38; as substituições e os cartões amarelo e vermelho foram adotados a partir de 1970; a Copa de 90 foi a que teve a menor média de gols. Depois desse mundial, as vitórias passaram a valer 3 pontos e não mais 2; a Copa de 94 foi a que teve a maior média de público. Nesse mesmo mundial, pela primeira vez a final era decidida nos pênaltis.
    Pela primeira vez uma grande regra da FIFA não será lançada em uma Copa: o VAR.

    Curtir

  2. Sim, todas curiosidades interessantes. Não daria para mencionar tantas na matéria sem o risco de ficar enfadonho. Um reparo: o VAR será utilizado, sim, nesta Copa.

    Curtir

  3. Na minha opinião a maior curiosidade da copa foi a primeira e única batalha campal, uma guerra entre Brasil e Hungria do mito Puskas ocorrida na Copa de 1954. Foi muita pancadaria onde teve jogador brasileiro Pinheiro com cabeça partida por garrada de húngaro. Teve ministro de esporte da Hungria levando cadeirada de brasileiro e muita onda com várias expulsões. De lá para K nunca ais hoje episódio parecido em outra Copa porque a bem da verdade os atletas de futebol sempre temeram a FIFA e suas leis, por isso o índice de casos de doping são raros e as brigas entre atletas dentro de campo nos jogos de Copa do Mundo são casos isolados e quase nulas.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s