Ministro do Esporte reduz aparições públicas após prisões no Rio

leonardo-picciani

Os holofotes da Justiça sobre a família Picciani são um marco na agenda do Ministério do Esporte. Desde que o Ministério Público Federal pediu a prisão do deputado estadual Jorge Picciani (PMDB-RJ) e de um de seus filhos, o empresário Felipe Picciani, no último dia 14, os eventos públicos praticamente desapareceram da agenda de Leonardo Picciani.

Desde então, o Ministro do Esporte passou 16 dias sem aparições públicas. Na semana das prisões, sua agenda não aponta qualquer compromisso. O restante do mês de novembro foi de despachos e reuniões internas, além de encontros com aliados.

O ministro só reapareceu publicamente no dia 1º de dezembro. Deu as caras na abertura da Feira Cidade PcD (Pessoa com Deficiência), no Parque Olímpico da Barra. Em seguida, voltou a se dedicar a compromissos internos.

Curioso é que, antes dos episódios envolvendo seu pai e o irmão, a agenda de Picciani seguia em ritmo acelerado. Na primeira quinzena de novembro, o Ministro do Esporte foi a seis eventos públicos, além de ter concedido duas entrevistas à imprensa. (De O Globo)

Um comentário em “Ministro do Esporte reduz aparições públicas após prisões no Rio

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s