Leão confirma mais três reforços

unnamed

O Remo confirmou nesta segunda-feira mais três reforços para o elenco que disputará o Brasileiro da Série C. São o lateral direito Daniel Damião. o atacante Nino Guerreiro e o meia Kaio Wilker (foto acima). Os atletas foram avalizados pela comissão técnica e se incluem no teto orçamentário do clube.

Daniel Damião é natural do Rio, tem 28 anos e já defendeu Bangu, Guarani e Sampaio Corrêa. Kaio Wilker tem 24 anos, nasceu em Goiás e passou pelo Ypiranga, Mogi Mirim e Tupi de Juiz de Fora. Nino Guerreiro é natural da Bahia, tem 33 anos e teve passagens por Crac-GO, Juazeirense e Cuiabá.

Do trio, Daniel já foi integrado ao grupo e já participa normalmente dos treinos. Kaio e Nino já estão em Belém, mas ainda serão submetidos a exames médicos.

7 comentários em “Leão confirma mais três reforços

  1. O Remo tem quer valorizar os jogadores da terra espero quer de certo mais estão contratando muito sem necessidade 8 ou 9 estão de bom tamanho

    Curtir

  2. Espero quer o Josué de chance pra jogadores da terra na Série C só porque o Remo não tem dinheiro já vão desvalorizar os da terra

    Curtir

  3. Na minha opinião, antes é preciso separar as coisas.

    Há a necessidade de se ter um elenco e um time minimamente dotado tanto de quantidade, quanto de qualidade, para disputar uma competição importante, não só para tentar o acesso como também para garantir a permanência na “C”.

    Também há a necessidade de se ter respeito com as carências econômico-financeiras do Clube e, principalmente, com o patrimônio do Clube.

    Também é preciso respeitar os atletas que estão disputando o campeonato paraense, principalmente, aqueles que emergiram da divisão de base.

    Pois bem, cotejando todos estes aspectos com as contratações feitas fico com a impressão de que os dirigentes atuais estão agindo igualzinho os dirigentes dos últimos 30 anos. Numa palavra, se portando com extrema irresponsabilidade com o patrimônio do Clube.

    Deveras, como se vai pagar esse povo? Ainda que o futebol por eles jogado tenha qualidade, será responsável contrair tamanha dívida, diante do tanto que o Clube já deve? E se não for possível pagar, resultado não será pior tanto dentro, quanto fora de campo? A mais recente ação na justiça do trabalho parece responder que sim.

    Ah, quanto à qualidade dos novos contratados? Ah, isso é uma incógnita. Tal qual alguns alados, podem dar bons num local e abrirem asa noutros. E neste caso, como nem houve teste antes da aquisição, só será possível saber quando o oponente bater.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s