Igreja Católica apoia a greve contra reformas que penalizam trabalhador

28 de abril de 2017 at 15:17 3 comentários

images-cms-image-000542983

A greve geral desta sexta-feira, 28, tem apoio maciço de religiosos, especialmente da Igreja Católica. Até o momento, 89 bispos católicos já declararam apoio à paralisação e estão convocando os fieis a fazerem o mesmo. Adesão semelhante da Igreja só aconteceu na ditadura militar. Uma publicação do Comitê das Igrejas de Belo Horizonte convoca a população para a paralisação. “A Igreja se posiciona firme e profeticamente contra as reformas que vão contra o nosso povo”, diz o título da mensagem.

Na Paraíba, o arcebispo Dom Manoel Delson Pedreira da Cruz pede para o povo participar das manifestações. “Convocamos todos os trabalhadores a participarem desta grande manifestação, dizendo a palavra que o povo não aceita a reforma da Previdência nos termos que estão anunciando”, afirmou o arcebispo (leia aqui)

O mesmo acontece em Porto Alegre, onde o arcebispo Dom Jaime Spengler apoia as paralisações.“Diante das propostas que estão sendo apresentadas pelo governo federal, é fundamental que se ouça a população em suas manifestações. O povo tem o direito de ser ouvido. Reformas que incidem mais diretamente sobre a vida da maioria do povo precisam ser levadas adiante com muito discernimento. Importante que as reformas tenham sempre em consideração a inclusão social”, afirmou.

Confira a lista dos bispos que já declararam apoio e estão convocando fieis a apoiarem a greve geral:

1. Dom Reginaldo Andrietta – Bispo de Jales-SP
2. Dom Odelir José Magri – Bispo de Chapecó-SC
3. Dom Antônio Carlos – Bispo de Caicó-RN
4. Dom Frei Rubival – Bispo de Grajaú-MA
5. Dom Fernando – Arcebispo de Olinda/Recife-PE
6. Dom Manoel João Francisco – Bispo de Cornélio Procópio e Admin Apostólico da Arquidiocese de Londrina-PR
7. Dom Gilberto Pastana – Bispo de Crato-CE
8. Dom Anuar Battisti – Arcebispo de Maringá-PR
9. Dom Manoel Delson – Arcebispo da Paraíba-PB
10. Dom Francisco Biasin – Bispo de Barra do Piraí/Volta Redonda-RJ
11. Dom Paulo Mendes Peixoto – Arcebispo de Uberaba-MG
12. Dom Adriano Ciocca Vasino – Bispo de São Félix do Araguaia-MT
13. Dom José Eudes Campos do Nascimento – Bispo de Leopoldina-MG
14. Dom José Maria – Bispo da Diocese de Abaetetuba-PA
15. Dom Vital Corbellini – Bispo de Marabá-PA
16. Dom Carlos Alberto – Bispo de Juazeiro-BA                    
17. Dom Flávio Giovenali – Bispo de Santarém-PA
18. Dom Celso Antônio – Bispo de Apucarana-PR
19. Dom Aloísio Jorge Pena Vitral – Bispo de Teófilo Otoni-MG
20. Dom Walmor Oliveira de Azevedo – Arcebispo de Belo Horizonte – MG
21. Dom João Justino de Medeiros Silva – Arcebispo Coadjutor eleito de Montes Claros, transferido de Bispo Auxiliar de Belo Horizonte – MG
22. Dom Joaquim Giovani Mol Guimarães-Bispo Auxiliar de Belo Horizonte – MG
23. Dom Edson José Oriolo dos Santos- Bispo Auxiliar de Belo Horizonte – MG
24. Dom Otacílio Ferreira de Lacerda- Bispo Auxiliar de Belo Horizonte – MG
25. Mons. Geovane Luís da Silva- Bispo Auxiliar eleito de Belo Horizonte – MG
26. Mons. Vicente de Paula Ferreira -Bispo Auxiliar eleito de Belo Horizonte – MG
27. Dom Guilherme Porto – Bispo de Sete Lagoas -MG
28. Dom José Aristeu Vieira – Bispo de Luz – MG
29. Dom José Carlos de Souza Campos – Bispo de Divinópolis – MG
30. Dom Miguel Ângelo Freitas Ribeiro – Bispo de Oliveira – MG
31. Dom Mario Antonio da Silva, Bispo de Roraima – RR                   
32. Dom Sergio Castriani – Arcebispo de Manaus – AM
33. Dom Jaime Vieira Rocha – Arcebispo de Natal – RN
34. Dom Zanoni Demettino Castro – Arcebispo de Feira de Santana – BA
35. Dom Jacinto Brito – Arquidiocese de Teresina – PI
36. Dom Roque Paloschi – Arcebispo de Porto Velho – RO
37. Dom Philip Dickmans – Bispo de Miracema – TO
38. Dom Egídio Bisol – Bispo de Afogados da Ingazeira – PE
39. Dom Paulo Francisco Machado – Bispo de Uberlândia – MG
40. Dom Guilherme Werlang – Bispo de Ipameri – GO
41. Dom Cláudio Sturm – Bispo de Patos de Minas – MG 
42. Dom Luiz Flávio Cappio – Bispo de Barra – BA 
43. Dom Dirceu Vegini – Bispo de Foz do Iguaçu – PR
44. Mons. Ionilton Lisboa – Bispo eleito da Prelazia de Itacoatiara – AM
45. Dom Francisco de Assis da Silva, Bispo da Igreja Anglicana do Brasil – Santa Maria-RS
46. Dom Francisco de Assis Dantas de Lucena, Bispo de Nazaré – PE
47. Dom Geremias Steinmetz – Bispo de Paranavaí – PR
48. Dom Genival Saraiva Franca – Adm. Apostólico da Paraíba – PB
49. Dom Leonardo Steiner, Secretário Geral da CNBB e Aux. De Brasília – DF
50. Dom Roberto Francisco Ferreíra Paz – Bispo de Campos dos Goytacazes – RJ
51. Dom José Belisário da Silva – Arcebispo de São Luis – MA
52. Dom Jaime Spengler – Arcebispo de Porto Alegre – RS
53. Dom Pedro Casaldáliga – Bispo Emérito de São Félix do Araguaia – MT 
54. Dom Evaristo Spengler – Bispo do Marajó – PA 
55. Dom Sebastião Lima Duarte – Bispo de Viana – MA 
56. Dom Jaime Pedro Kohl – Bispo de Osório – RS 
57. Dom José Alberto Moura – Arcebispo de Montes Claros – MG 
58. Dom Antônio Muniz – Arcebispo de Maceió – AL 
59. Dom Severino Clasen – Bispo de Caçador – SC
60. Dom Jesus María Cizaurre Berdonces – Bispo de Bragança – PA 
61. Dom Vilsom Basso – Bispo de Caxias, nomeado para Imperatriz – MA
62. Dom Adelar Baruffi – Bispo de Cruz Alta – RS
63. Dom Eugênio Rixen – Bispo de Goiás – GO
64. Dom Irineu Andreassa – Bispo de Ituiutaba – MG 
65. Dom André de Witte – Bispo de Ruy Barbosa – BA
66. Dom Júlio Endi Akamine – Arcebispo de Sorocaba – SP
67. Dom Moacyr Grechi – Arcebispo Emérito de Porto Velho – RO 
68. Dom João Francisco Salm – Bispo de Tubarão e Presidente da CNBB Sul 4 – SC 
69. Dom José Luiz Magella Delgado– Arcebispo de Pouso Alegre – MG
70. Dom Antônio Emídio Vilar – Bispo de São João da Boa Vista – SP
71. Dom Pedro José Conti – Bispo de Macapá – AP 
72. Dom Nerí José Tondello – Bispo de Juína – MT 
73. Dom José Valdeci Santos Mendes – Bispo de Brejo – MA 
74. Dom Sebastião Bandeira – Bispo de Coroatá – MA
75. Dom Luiz Carlos Eccel – Bispo Emérito de Caçador – SC 
76. Dom Pedro Carlos Cipollini – Bispo de Santo André – SP 
77. Dom Giovane de Melo – Bispo de Tocantinópolis – TO 
78. Dom Antônio Roberto Cavuto – Bispo de Itapipoca – CE 
79. Dom Angélico Sândalo Bernardino – Bispo Emérito de Blumenau – SC 
80. Dom Zenildo Luiz Pereira da Silva – Bispo Coadjutor de Borba – AM 
81. Dom Élio Rama – Bispo de Pinheiro – MA 
82. Dom Marco Aurélio Gubiotti – Bispo de Itabira-Coronel Fabriciano – MG 
83. Dom Enemésio Angelo Lazzaris – Presidente Nacional da CTP e Bispo de Balsas – MA 
84. Dom José Vasconcelos – Bispo de Sobral – CE 
85. Dom João da Costa – Arcebispo de Aracaju – SE
86. Dom Juventino Kestering – Bispo de Rondonópolis/Guiratinga (MT)
87. Dom Armando Martín Gutiérrez – Bispo de Bacabal – MA
88. Dom Pedro Luiz Stringhini – Bispo de Mogi das Cruzes – SP
89. Dom Luiz Gonzaga, Bispo de Amparo – SP 

Entry filed under: Uncategorized.

Eduardo Ramos leva o Leão à Justiça Brasil em greve contra o golpe das reformas

3 Comentários Add your own

  • 1. Antonio Valentim  |  28 de abril de 2017 às 16:33

    Embora tardio, o apoio é válido.
    Diocese de Palmas-Francisco Beltrão também apoia.

    Curtir

  • 2. Antonio Oliveira  |  28 de abril de 2017 às 16:57

    De fato, há muita gente que só acordou tardiamente. Mas, o importante é que acordaram.

    Por exemplo, aqui em Belém, na manifestação que foi um enorme sucesso de adesão, a multidão pluripartidária não deu voz ao senador Paulo Rocha. Toda a vez que ele era anunciado para se pronunciar estrondava uma vaiprolongada e constrangedora vaia que o locutor era obrigafo a dar a palavra a outro. E foi assim durante todo o percurso até São Bráz na frente da Cosanpa.

    Interessante que, fora esta legítima e isolada manifestação de intolerância, apesar de veemente, estrondosa, firme e vigorosa a manifestação foi pacífica. Tanto que o referido senador circuliu no meio do povo cumprimentou alguns manifestantes e não foi interpelado por ninguém. Aliás, apesar de existirem muitos petistas no carro som e na passeata que reclamaram do “golpe” em várias oportunidades, ninguém se animou a brigar com os que vaiavam e a tentar garantir que o senador fizesse uso da palavra.

    Curtir

  • 3. Antonio Oliveira  |  28 de abril de 2017 às 17:22

    A propósito, Marinor e Edmilson foram saudados efusivamente pelos seus correligionários e respeitados e até aplaudidos pelos demais.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


CONTAGEM DE ACESSOS

  • 7,358,614 visitantes

Tópicos recentes

gersonnogueira@gmail.com

Junte-se a 12.882 outros seguidores

VITRINE DE COMENTÁRIOS

José FERNANDO PINA A… em Diversidade musical impera no…
Filipe Rocha em Fifa define cabeças de chave d…
Filipe Rocha em Fifa define cabeças de chave d…
José Marcos Araujo em Cartilha do Enem defende pena…
José FERNANDO PINA A… em Cartilha do Enem defende pena…

ARQUIVOS DO BLOG

FOLHINHA

NO TWITTER

Erro: o Twitter não respondeu. Por favor, aguarde alguns minutos e atualize esta página.

GENTE DA CASA

POSTS QUE EU CURTO


%d blogueiros gostam disto: