Morre, aos 60 anos, ex-atacante do Leão

O ex-atacante Durvalino, que defendeu o Remo nos anos 70, morreu na manhã desta terça-feira, aos 60 anos de idade. Ele estava hospitalizado desde sábado. Durvalino teve boa passagem pelo Remo, mas não conseguiu se firmar no time titular porque na época o ataque azulino tinha Alcino, Roberto Diabo Louro, Mesquita e depois passou a contar com Bira e Julio César. Foi o autor do gol inaugural do estádio Maximino Porpino, em Castanhal, à época chamado de “Jarbas Passarinho”.

Nas rodas de conversa com os amigos de pelada, Durvalino costumava brincar com essa situação. Dizia ter sentido “tanta raiva dos artilheiros e ídolos Alcino e Bira que, se açúcar fosse preto, meu café seria amargo”. Na verdade, Durvalino foi amigo de ambos e era muito querido entre os boleiros paraenses.

3 comentários em “Morre, aos 60 anos, ex-atacante do Leão

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s