Papão vence e se classifica com arbitragem polêmica na Curuzu

17 de março de 2017 at 23:58 25 comentários

Entry filed under: Uncategorized.

PSC x Galvez – comentários on-line Rock na madrugada – Tom Petty & Heartbreakers, Runnin’ Down A Dream

25 Comentários Add your own

  • 1. Comentarista  |  18 de março de 2017 às 7:10

    As recentes e sofridas atuações do Paysandú o projetam para uma fracassada temporada, se providências urgentes não forem tomadas pela Diretoria. Um time pesado e lento, excetuando-se a correria do Leandro Carvalho, com baixa objetividade. Ontem, mais uma vez, ficou evidente que William Simões e Leandro Cearense estão em final de carreira. Levar sufoco do time do Galvez, dentro da Curuzú, é o fim da picada !!!

    Curtir

  • 2. Antonio Valentim  |  18 de março de 2017 às 8:48

    Quem disse que o famoso “apito amigo” só favorece o Corinthians?

    Ah se o beneficiado fosse o Remo!

    Curtir

  • 3. Nelio  |  18 de março de 2017 às 8:52

    Tenho vários aspectos a serem abordados neste jogo os quais cito: Paysandu, arbitragem, treinador Chamusca , João cunha e Valdo Souza da RBA, diretoria .

    1- Paysandu, muito mal no jogo, time todo na baba parecendo que não treinam fisicamente a um ano. Esse fiasco de falta de preparo físico já vem ocorrendo desde a série B onde quase cai para a C. Sem o preparo devido, só chegam atrasado na jogada e cometem falta sempre e o cartão amarelo é comum nesse time bicolor. , Foi impressionante ver o time acreano (semi amador) com mais vigor físico. perguntei várias vezes na série B pergunto; quem é o preparador físico bicolor????

    2- Arbitragem: estão inventando factoide de penalidade anulada em em favor dos acreanos no último minuto, falando em roubo e culpando o árbitro pelo resultado. Eu confesso que nunca ví na minha vida um arbitro “tendencioso” contra um time marcar faltas seguidas em favor desse mesmo time nos 15 minutos finais de partidas, onde esse time precisava só de um gol e cavava faltas a todo instante e o arbitro ia na deles. E numa dessas tentou cavar um penal que não houve, o lance é claro onde ao entrar na área bicolor o atleta acreano ja teve a má intenção de se jogar e foi ajudado a encenação pelo aloprado Lombarde. O árbitro acertou ao não ir na encenação dos acreanos.

    3- O treinador Chamusca precisa trabalhar mais e falar menos. está falando muita asneira, principalmente para pessoas da imprensa e dando desculpa esfarrapada após os jogos. Todos estamos vendo que o time precisa melhorar e muito. Mas uma coisa ele disse certo. A culpa não é só dele. É também do preparador físico e da diretoria que o contratou, um presidente muito calado que a gente não houve uma palavra dele após os jogos. Isso é perigoso porque futebol onde tem grande rivalidade também vive de bastidores.

    4- João Cunha e Valdo Souza: sinceramente não gosto desses respectivamente como comentarista e mestre de cerimonia pela RC em jogos do Paysandu. Aliais nunca gostei. Assim como não gosto do R Guimaraes. Não vou me arvorar em dizer os motivos, mas prefiro nas jornadas bicolores narradores como Walmir Rodrigues C Guimaraes, R Porto, Guerreirão e mestres de cerimonia como Bad boy e o Tomazão.

    5 – A diretoria bicolor precisa sair do armário . aparecer e falar o que está ocorrendo com o time. É inadmissível a gente não ouvir um dirigente bicolor falar após um jogo, onde estávamos acostumados a ouvir muito o Dr. Maia, Roger etc. da diretoria anterior. ontem so quem falou foi após o jogo foi o Chamusca e falou mer….. cadoria.

    Curtir

  • 4. Antonio Valentim  |  18 de março de 2017 às 8:54

    Mas é porque o Galvez estava cansado pela viagem, como esteve o Atlético Acriano.

    Curtir

  • 5. Frederico Teron  |  18 de março de 2017 às 9:02

    Parece que o LOBO comeu carne de Leão da FRIBOI.

    Curtir

  • 6. celira  |  18 de março de 2017 às 9:32

    Vamos ser claros… Só falta o Serra entender… Mas ele não tem rede social para ler. Então, Gerson, poderias botar no texto escrito o “o choro” bicolor para vê se Serra acorda.

    1) Chamusca não deu certo. Não vou dizer que ele é fraco, pois podemos ver ele daqui alguns anos treinando o Flamengo e ganhando o brasileiro. Mas, é fato que ele não venceu no PSC e precisa sair. Óbvio que sei que demitir é uma coisa chata, mas em empresa não se deve olhar as coisas com amor.

    2) Muito cômodo culpar os jogadores. O time do PSC, a considerar a qualidade desta competição, é extremamente forte. Logo, o problema não está neles, está no jogo do PSC (novamente treinador).

    3) Serra começa a ter culpa pelo excesso de passividade. Sinto muito dizer isso. Mas, ninguém ganha calado e passivamente. Gritar é necessário em todos os lugares. Vide a vida dos grandes empresários como Job e Gattes.

    Curtir

  • 7. Augusto cesar  |  18 de março de 2017 às 9:48

    Apito amigo de novo

    Curtir

  • 8. Osvaldo Costa  |  18 de março de 2017 às 10:21

    Embora esteja tudo errado na Curuzu, não concordo que o árbitro tenha ajudado o time alvi azul. O lance que os jogadores do Galvez reclamam de pênalti, visto pela câmera de dentro do gol, mostra claramente que o estabanado zagueiro Lombardi, não toca no jogador acreano. A validade do técnico Chamusca é até o próximo RE X PA, uma pena que essa diretoria e o Serra vão esperar por uma nova derrota, para o limitadíssimo time do outro lado da rua, para mudar a comissão técnica.

    Curtir

  • 9. Jorge Paz Amorim  |  18 de março de 2017 às 10:31

    Trocando em miúdos o lance que remistas e galvezitas reclamam pênalti com indignação semelhante. O excelente zagueiro Lombardi deu o lado direito, esquerdo do atacante, no rumo da linha de fundo e quase sem ângulo, deixando a perna para abafar o chute. Então, vendo que havia caído em armadilha, o atacante atirou-se ao solo tentando cavar a penalidade. Como o juiz estava a menos de cinco metros do lance e ignorou a pantomima restou mascarar a ineficiência com revolta teatralizada. O resto é também dupla encenação fora de campo pra modificar um resultado consumado no gramado, apesar dos pesares.
    Quanto ao jogo, que atuação ruim do Papão, seguramente pior que a de domingo contra o Independente, coisa que parecia impossível. Com efeito, as coisas vão afunilando diante da proximidade das competições mais importantes pro clube, a Copa do Brasil e a Série B, sem que se tenha noção ao menos da forma de jogar do time.
    Enfim, sem uma resposta imediata e mais eficiente parece que Chamusca logo irá fazer parte do grupo do Cristovão Borges.

    Curtir

  • 10. Jaime (Atlanta, EUA)  |  18 de março de 2017 às 10:34

    Foi pênalti o jogador do psc da o carrinho e não atinge a bola, além de empurrar com o braço e segurar a camisa do jogador do Galvez.

    Curtido por 1 pessoa

  • 11. Osvaldo Costa  |  18 de março de 2017 às 10:36

    O “apito amigo”, realmente não favorece apenas o Corinthians. Não esqueçam as finais dos campeonatos paraense 2014 e 2015… Seneme e Luís Flávio de Oliveira, deram uma bela mãozinha para um time aqui da cidade. Agora todos são honestos, vamos acabar com a hipocrisia ! Procurem saber quem é o representante do remo na FPF, e vejam o histórico desse senhor nos bastidores do futebol paraense.

    Curtir

  • 12. Osvaldo Costa  |  18 de março de 2017 às 10:42

    Amigo Gerson, por favor, me livre dessa maldita moderação. Não consigo interagir desse jeito. Sei que não existe censura no nosso espaço, mas meus comentários continuam sendo barrados.

    Curtir

  • 13. Antonio Oliveira  |  18 de março de 2017 às 11:15

    Eu não vejo motivo para tanta polêmica. Afinal, o listrado também já foi garfado antes. Ontem foi só uma forra.

    Agora uma pergunta: eu estou enganado ou o Lombardi está se especializando naquela jogada de deixar o adversário passar e depois aplicar aquele rabo de arraia?

    Curtido por 1 pessoa

  • 14. Rodrigo  |  18 de março de 2017 às 11:27

    Esse lance do suposto penal foi semelhante aquele do pikachu, contra o remo, na final do Paraense.

    Claramente o jogador do Galvez da um salto. Chega a ser ilário huahauhauha.

    Curtir

  • 15. Alberto Lima - Recife  |  18 de março de 2017 às 11:31

    Choooora leoa!

    Curtir

  • 16. celira  |  18 de março de 2017 às 11:33

    Amigo Antônio Oliveira continua na torcida pela permanência do Chamusca. Te digo, se a diretoria botasse Rogerinho o time jogava muito mais.

    Curtir

  • 17. Gleydson  |  18 de março de 2017 às 12:15

    Curtir

  • 18. Gleydson  |  18 de março de 2017 às 12:18

    As imagens do EI são claras, tem que ser muito cínico pra não admitir o penal pros acreanos.

    Curtir

  • 19. lucilofilho  |  18 de março de 2017 às 12:46

    Como disse o Valdo Sousa na Clube do Pará, ” Foi muito penalti”. É o típico lance que não há o que se discutir, penalti claríssimo.

    Curtir

  • 20. Osvaldo Costa  |  18 de março de 2017 às 14:39

    Daqui a pouco vão culpar o finado Miguel Pinho.

    Curtir

  • 21. blogdogersonnogueira  |  18 de março de 2017 às 15:36

    Penso exatamente assim, amigo Lucilo. Achei que foi penal na hora do jogo e confirmei a cada nova revisão.

    Curtido por 1 pessoa

  • 22. Jorge Paz Amorim  |  18 de março de 2017 às 19:49

    As imagens são claríssimas e tem que ser muito canalha pra dizer que foi pênalti. Não sou cínico, joguei futebol e sei diferenciar um carrinho de abrir o compasso pra abafar a jogada. Aí vem um cretino sentenciar que somos cínicos. Vai te catar, imundo!

    Curtir

  • 23. Edson do Leão - meu time nunca fugiu de campo  |  18 de março de 2017 às 20:25

    Roubo na cara dura!

    Curtir

  • 24. Nelio  |  18 de março de 2017 às 23:03

    Em tempo corrigindo: Quis dizer não gosto de João Cunha como comentarista da RC em jogos do Paysandu e Waldo Souza mestre de cerimonia. , Prefiro o Bola de Ouro Carlos Castilho e Gerson Nogueira. Mestres de cerimonha Bad Boy e Tomazão

    Curtir

  • 25. Antonio Oliveira  |  19 de março de 2017 às 13:46

    Amigo Celira, com verdade, eu me preocupo mais com o crescimento técnico dos jogadores do listrado do que com o técnico. É certo que antes do primeiro gol, houve uma falta clara no jogador acreano, mas aquele tirombaço do meia do rival mostra um jogador em ascenção, ganhando confiança etc. O mesmo se diga quanto ao segundo gol. Nada obstante tenho havido um penalti claro que marcado inviabilizaria materialmente a jogada que ampliou o placar, é preciso reconhecer que o autor do petardo também mostra uma habilidade diferenciada que ele parece que vem aprimorando com o passar dos jogos. Quer dizer, com este técnico ou com outro, quando estes jogadores e outros recuperarem a forma perdida ao final da temporada passada eles vão render deveras. Por isso, repetindo o que disse no mês passado, digo que torço para os caras se recuperem só depois do Regional. A propósito, fazendo coro com o Nélio, acho que o problema do ruval é menos de comando técnico do que de condição física.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


CONTAGEM DE ACESSOS

  • 7,020,722 visitantes

Tópicos recentes

gersonnogueira@gmail.com

Junte-se a 19.593 outros seguidores

VITRINE DE COMENTÁRIOS

Edson do Leão - meu… em Papão exige antidoping e mudan…
Luiz Fernando - Bico… em Dewson comanda o Re-Pa
Luiz Fernando - Bico… em Dewson comanda o Re-Pa
Luiz Fernando - Bico… em Papão exige antidoping e mudan…
Antonio Oliveira em Em discurso duro, Janot acusa…

ARQUIVOS DO BLOG

FOLHINHA

março 2017
S T Q Q S S D
« fev    
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  

NO TWITTER

Erro: o Twitter não respondeu. Por favor, aguarde alguns minutos e atualize esta página.

GENTE DA CASA

POSTS QUE EU CURTO


%d blogueiros gostam disto: