Mudanças na Libertadores adiam definição do calendário brasileiro para 2017

622_fbdf2142-2acf-3871-9416-2c0b0c540a5d

Uma reunião no próximo domingo, em Bogotá, definirá como será a nova Libertadores e também Copa Sul-Americana a partir de 2017 e, claro, como ficará também o calendário do Brasil. Com o crescimento da Libertadores saltando de 38 para 44 participantes na próxima temporada, existe a possibilidade de uma nova vaga para os representantes locais. Em entrevista coletiva na sede da CBF, nesta quinta-feira, o diretor de competições da entidade, Manoel Flores, sinalizou que, em caso de confirmação, ela sairá do atual Campeonato Brasileiro.

Hoje, quatro participantes são conhecidos a partir da Série A e outro, da Copa do Brasil. “A gente entende que, havendo (nova) vaga para o Brasil, naturalmente essa vaga viria do Brasileiro”, explicou Flores. “A Conmebol frisou que não há possibilidade de convite. No Brasil, naturalmente viraria G5 no Brasileiro”, completou.

A situação pode fazer com que o 5º colocado do Brasileirão entre na briga pelo principal torneio sul-americano. Atualmente, quatro clubes se encontram na disputa – Fluminense, Atlético-PR, Corinthians e Grêmio.

“A busca é para você manter o equilíbrio, o calendário que a gente soltou em julho, a preocupação para 2017 é alterar o minimo possível. Foi um trabalho árduo de muitas reuniões, férias, pré-temporada. O período de Eliminatórias que a gente priorizou. As datas dos estaduais que foram definidas”, afirmou. “A espinha central do calendário vamos tentar manter. A expectativa é que vamos encurtar o período da Copa do Brasil”, finalizou.

Outra novidade é que, no ano que vem, os clubes não serão mais obrigados a terem de escolher entre a Copa do Brasil e a Sul-Americana. “Uma reclamação que existe é que o clube tem que optar entre Sul-Americana e Copa do Brasil. Isso deixa de existir”, disse.

Flores esteve nesta na Conmebol ao lado do presidente do Atlético-MG, Daniel Nepomuceno, Castellar Neto, da Federação Mineira, Fernando Sarney, vice da CBF, e Reinaldo Bastos, do Comitê Executivo da Conmebol. A expectativa é soltar na próxima semana o calendário ajustado para 2017. (Via ESPN)

2 comentários em “Mudanças na Libertadores adiam definição do calendário brasileiro para 2017

Deixe uma resposta