Papão volta aos treinos para encarar Pebas

Depois do revés no clássico de sábado, o Papão volta aos treinos e se prepara para enfrentar muita pressão e dificuldades no confronto de quarta-feira contra o Parauapebas pela semifinal do returno. Depois de um período de intensa proximidade com a torcida, o elenco sentiu na tarde desta segunda-feira o peso da cobrança. Alguns torcedores compareceram à Curuzu para protestar pela eliminação na Copa Verde e exigir mais raça contra o Pebas, a fim de garantir a permanência do time na briga pelo título estadual. Foram recebidos pelo gerente Sérgio Papelin e logo se dispersaram, sem causar maiores problemas.

Para o jogo de quarta-feira, o técnico Dado Cavalcanti poderá escalar a força máxima, contando com os retornos de Pikachu, Jonathan e Dão, titulares que não atuaram contra o Remo no sábado. A equipe voltou aos treinos, sem forçar muito, pois há pouco tempo de descanso até a semifinal com o Pebas.

5 comentários em “Papão volta aos treinos para encarar Pebas

  1. Acho que todo torcedor do Paysandu tá com o mesmo pensamento, faltou raça, garra, vontade por parte do time que enfrentou o rival e perdeu no sábado último.

    Os caras tinham o dobro de torcida, algo que só a torcida do papão é capaz de proporcionar, estão com seus vencimentos em dia e contam com uma estrutura bem superior ao do rival.

    O certo é que conquistar o parazão, virou obrigação.

    Em condições normais de temperatura e pressão, todos sabem que o Paysandu é superior ao rival e a qualquer outro adversário do nosso estado.

    Vamos pra cima papão!

    Curtir

  2. Não consigo entender como um time nanico, que não conta nem com o apoio do belo povo de Parauapebas, pois é um time barriga de aluguel, essa que é a verdade, se impõe e não permite que os sócios torcedores do Paysandu entrem usando o direito de não pagar ingresso.

    Ora, no mangueirão cabem 40 mil pagantes, depois de perder sábado, muitos torcedores não irão a este jogo, e mesmo que tivesse ganho, isso era jogo pra menos de 10 expectadores no máximo.

    Ou seja, isso é atitude antipática da direção do Parauapebas, é com isso que o Maia tem que se revoltar, e não com arbitragem.

    Curtir

  3. Amigo Édson, concordo com as suas palavras, porém aquela equipe que jogou contra o rival não entrou em campo. Os caras davam chutões, inclusive o Emerson que para mim, falhou no primeiro gol azulino e também no segundo, onde a escola de dente de leite de goleiros ensina que nunca o goleiro deve estar a dois passos da sua meta quando a bola estiver nos pés do adversário e outra, nunca rebater uma bola para a frente de sua meta. Ontem no jogo do Palmeiras x Corinthians, o goleiro palmeirense mostrou muito bem isto, ao deslocar paro o lado um chute certeiro do atacante rival. Mas, como no sábado, nada estava dando certo para o Papão, a vida que segue e o Campeonato Estadual é obrigação!

    Curtir

  4. Amigo Miguel, saibas que eu também achei que foi falha do goleiro alvi-celeste. Papão precisa de um goleiro melhor. Maia, Roger, Papelim e demais estão brincando de Série-B !!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s