Direção remista confirma saída de dois diretores

Por divergências internas, o diretor de Futebol Tiago Passos e o diretor assistente Emerson Dias decidiram deixar suas funções, afastando-se da diretoria do Remo a cinco dias da eleição para a presidência. Ambos teriam ficado insatisfeitos com insinuações de que seriam descartados num eventual segundo mandato da atual direção. A saída de Passos e Dias vem confirmar antigas especulações sobre discordâncias dentro do departamento de futebol azulino, envolvendo também o vice-presidente Henrique Custódio, candidato a vice na chapa de Pedro Minowa. Procurados para esclarecerem a situação, Tiago Passos e Emerson Dias não foram localizados ontem à noite e durante o dia de hoje.

Segundo o vice-presidente Marco Antônio Pina, em entrevista ao BOLA ontem, o presidente não chegou a anunciar a saída deles, mas os dois teriam pedido afastamento definitivo. “Eles pediram para sair no sábado. Eles tinham conhecimento de que haveria a reformulação no futebol. Até dentro das circunstâncias, algumas situações de rejeição, eles pediram para sair. O Tiago alegou questão profissional e o Emerson quer se concentrar nos estudos”, informou.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s