18 comentários em “Capa do Bola, edição de sábado, 02

  1. O futebol no Brasil piorou, isso ninguém tem dúvida, todavia, mostra-se interessante o novo linguajar empregado pela imprensa, técnicos e jogadores de futebol, vejamos algumas: intensidade, agudo, diferenciado, cascudo, penetração, placar agregado, compactado etc. O Roberto Enrolandes, sabe essas palavras de cor e salteado…daí a ser um bom técnico são outros quinhentos.

  2. NOTAS:

    – Paysandu já tinha tudo acertado com zagueiro Naylhor, mas descobriu que o jogador já tinha jogado 2 competições da CBF, por 2 clubes, nesta temporada .. Copa do Brasil, pelo Paraná Clube e Série B, pelo Icasa… Não vem mais..

    – Atacante Rômulo, do Vitória-BA, poderá fechar a qualquer momento com o Paysandu… Faltam poucos detalhes… Papão, tentava outro atacante, mas pelo jeito, não deu certo…

  3. Alô, Lombardi, quais são as ofertas do dia?
    Esse meu Papão cada dia mais aumenta a decepção.
    Ano passado fomos uma quase filial do Joinville com os importados do Arturzinho e neste ano somos do Vitória da Bahia que para diminuir sua folha muito inchada vai despachando suas pencas no time paraense.
    Já disse que do jeito que o rumo vai o destino será a série D.
    Espero que, ao menos, eles continuem no inferno da C para não cair de vez no tártaro mundo dos sem divisão!

  4. Só o Sr Cláudio Colúmbia mesmo, como sempre muito bem informado.
    Agora nos resta torcer pra dar tudo certo. Que os Deuses do futebol estejam do nosso lado.

  5. O que significa esse efeito suspensivo, nesse caso da Copa Verde?

    Quer dizer que o Brasília nem precisa recorrer? ou vai ter outro julgamento?

Deixe uma resposta