O passado é uma parada…

Em meio a uma crise financeira braba, o Paissandu conseguiu se encher de brios e levantou o título estadual de 1969. O time-base daquela campanha era este aí de cima, em fotografia de A Província do Pará, com Omar; Waltinho, Joaquim, João Tavares, Tito e Carlinhos; Almir, Quarenta, Vila, Bené e Da Costa. A muralha João Tavares era o esteio da defesa, Quarenta o ponto de equilíbrio da equipe e Bené, “Canhão da Curuzu”, era o homem-gol. (Colaboração do baluarte Antonio Rafael)

24 comentários em “O passado é uma parada…

  1. Bons tempos quando o suor da camisa era sinônimo de profissionalismo. Esse time do Papão era de um quilante incomparável.

    Moram de inveja.

    Curtir

  2. Legal essa foto, lembro que o goleiro Omar, foi campeão paraense pela Tuna em 1970 e em 1973 disputou o Campeonato Nacional pelo Paysandu naquele timaço formado por João Avelino que tinha no meio de campo, Willy, Roberto Bacurí e Jair Santos.

    Curtir

  3. Uma das coisas que eu sinto orgulho de dizer que sou PAYSANDU, é pela beleza da sua camisa.

    Égua da camisa linda, a camisa do meu Papão da Curuzú, sempre linda.

    Boa recordação e bonita foto, ao fundo avisto a torcida e ao lado direito algumas arvores.
    Era na Curuzú, amigo Gerson ou demais amigos?

    Curtir

  4. Gerson,boa tarde. Tenho observado que todo comentário meu é marcado por:Moderação,Essa marca é exclusiva minha,ou qual o motivo para esse destaque constante ? Fico grato !

    Curtir

  5. Todos são moderados, Manoel. Alguns posts acabam retidos mais tempo em função de uma palavra-chave, mas não há restrição a ninguém.

    Curtir

  6. Cláudio, com certeza era o mesmo da foto. Omar foi campeão pela Tuna em 1970 e depois foi titular do Paysandu em 1973.

    Curtir

  7. É exatamente o velho Omar, amigo Cláudio. Foi o goleiro que mais sofreu gols do gigante Alcino no clássico Re-Pa.

    Curtir

  8. O Alcino foi um jogador que deu muito de si ao Remo, mas ficou no esquecimento por culpa dos dirigentes. Não morreu no anonimato por conta da Imprensa. Complementado a boa lembrança do Gerson, Omar defendeu muitas do negão motora, também.

    Curtir

  9. Gerson, explica como é esse negócio.

    O Omar jogou no Paysandu se não estou enganado somente em 1974, sendo assim como pode ter sido o goleiro que mais sofreu gol de Alcino?

    Sobre o goleiro Délcio que também jogou no Paysandu, será que é o mesmo que jogou na Tuna e no Rio Negro de Manaus?

    Curtir

  10. Se não me engano em 68,Omar era o goleiro do Paysandu daquele fatídico gol do Amoroso, que tirou o título do Papão em 1968,no finzinho do jogo,quando lenços brancos eram acenados pela torcida bicolor. Tentou cobrar um tiro de meta para Abel que ao tentar devolver-lhe,o perigoso pé-de-coelho se meteu no meio e enfiou a bola pro barbante,tomando um título já considerado ganho pelo Papão. Foi uma decepção muito grande nesse dia ! Confirme pra mim isso,Caro Gerson .!

    Curtir

  11. Manoel Lima, complementando : Com o gol de Amoroso, na final de 1968, num vacilo de Omar e Abel, o Remo foi campeão invicto daquela ano, O treinador do Leão era Danilo Alvim. O time base remista era : Jorge, China, Alemão Casemiro e Edilson, Angelo e Celso, Birungueta, Rubilota, Amoroso e Zequinha.No começo de 1968, Rubilota atravessou a Almirante Barroso, trocando o Paissandú pelo Clube do Remo.

    Curtir

  12. olá, meu pai, o goleiro Omar, ainda está jogando muita bola nas pelas de fim de semana… e pediu para lembrar que ficou vários minutos sem tomar gol em 1969 quando foi campeão.

    Curtir

  13. Exatamente 1.082 minutos sem sofrer gols … Fui campeão em 1970 com Abel ( um dos melhores zagueiros que eu já vi na minha vida) pela Tuna Luso Brasileira.

    Curtir

  14. Boa lembrança Gerson estava la com meu pai. Foi na curuzu? lotada putz ainda lembro que legal meu amigo muito obrigado

    Curtir

  15. Só nós faz,sentir saudades desse nosso esquadrão de ouro forjado no amor a camisa alviceleste que tanto nos enche de orgulho. Saudades nação bicolor de seus valorosos guerreiros

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s