A frase do dia

 “Não sou homem de letras. Encaro com enorme tédio papo de literatura. Eu digo isso e as pessoas achem que é blague: eu não me considero um homem de letras, como o falecido Josué Montello. Independente de se gostar da obra dele, era um homem de letras, vivia para aquilo, se interessava por discussões literárias. Li muito por circunstâncias da vida, porque fui criado numa casa cheia de livros, milhares de livros, com um pai muito rigoroso”.

De João Ubaldo Ribeiro, escritor.

Um comentário em “A frase do dia

  1. Uma grande surpresa pra mim esse depoimento do Ubaldo, que amo de paixão..mas fico feliz em saber que um pai rigoroso, uma casa cheia de livros faz acontecer…cria pessoas de carater e decentes. No nosso tempo nao exista essa frescura de bulling.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s